PREFEITURA PUBLICA NOVA RELAÇÃO DE APROVADOS EM CONCURSO

O jornal Folha Regional deste final de semana traz um carderno com a nova relação de aprovados no concurso realizado pela Prefeitura de Jales. A nova publicação traz, inclusive, a classificação final para o cargo de Auxiliar de Serviços Gerais, cujas provas práticas foram realizadas na quarta-feira desta semana.

Na relação dos dentistas, além de uma pequena alteração na classificação de um candidato – Leonel Renel de Queiroz – a novidade é a inclusão de novos aprovados. Na relação anterior, apenas os quatro primeiros colocados constavam como aprovados. Na nova relação, estão aprovados os nove primeiros colocados, número que corresponde à quantidade de vagas abertas pelo edital do concurso.

Na lista de aprovados para as vagas de Educador Físico, a maior novidade: o candidato Renan dos Santos Silva, que ficara em 65º lugar na classificação anterior, entrou com recurso e subiu para o 4º lugar. Com a alteração, a candidata Simone Rodrigues da Silva, que havia sido aprovada, passa para a regra três.

Prá finalizar: nesta semana, eu dei uma olhada na Ação Civil em que o Ministério Público pede a anulação do concurso. Pelo que vi, dificilmente o concurso será anulado. Apesar das inúmeras reclamações sobre possíveis fraudes, no processo está anexada apenas uma denúncia, que, por sinal, não está assinada e nem tampouco acompanhada de provas.

Por outro lado, o principal argumento do MP, para pedir a anulação, seria uma suposta falta de publicidade do segundo período de  inscrições. Segundo o MP, a Prefeitura não teria divulgado que as inscrições para alguns cargos foram reabertas, depois de terem sido suspensas por uma semana.

Não se pode negar que o concurso foi feito às pressas, e, por isso mesmo, cheio de falhas que prejudicaram alguns candidatos. No entanto, os advogados da Prefeitura poderão demonstrar, facilmente, que o MP está equivocado quanto à falta de publicidade. A não ser que surjam fatos novos, o concurso não será anulado.

11 comentários

  • Tereza

    É claro que o concurso não vai ser anulado, como sempre o prefeito de Jales pode tudo.
    O engraçado é que prestei concurso para as prefeituras de algumas cidades da região concorrendo para o cargo de ASB, e em todos os que prestei foi exigido o Registro no CRO e Curso de ASB, mas Jales não sei como, somente exigiu ensino médio completo, já que por Lei é obrigatório o registro no CRO e curso de ASB para exercer a devida função, tudo isso de acordo com a RESOLUÇÃO CFO-85/2009 de 30 de janeiro de 2009(resoluão essa da Lei nº 11.889, de 24 de dezembro de 2008) não falo de coisas que desconheço, pois sou Auxiliar de Saúde Bucal com registro e curso, e fico indgnada como isso pode ser feito, se é mesmo Lei o que acontece, pois pelo que sei dos candidatos aprovado niguem possue curso muito menos registro de ASB junto ao CRO. O pior é que o Prefeito e o Scretário de Súde de Jales são Dentistas!!, não é possivel que eles desconheciam essa Lei né gente!!

  • Anonimo

    sabe o q acontece é que vc deve estar muito velha ja e nao consegue nem segurar os aparelhos necessarios para seu trabalho entao tem que dar lugar a quem é da nova geração …..

  • annonymous

    Velho esta seu preconceito Anonimo, post ridiculo este seu. Você nem deve estar velho ainda e nem consegue segurar sua lingua dentro da boca.

  • eu eu mesma

    Cardosinho, a prova de portugues de Jales foi igual a de Iturama para contador e advogado.Veja tambem este artigo no google – http://www.procursos.com. (Justiça Federal anula concurso do Ifam)
    e tambem CONSTITUIÇÃO FEDERAL – ART. 5

  • Tereza

    Querido Antonio te garanto que não sou velha pois só tenho 23 aninhus,e ainda consigo segurar muita coisa na mão, é que diferente de você me interessei e fiz o curso de ASB, e só pra completar faz só 6 anos que trabalho nessa aréa te garanto que sei muita coisa diferente de você né criança..

  • Tereza

    Quando o CRO interver no concurso vamos ver o que você vai dizer..kk

  • Marcia2

    É verdade pra que colocar esse monte de gente lerda que não sabe auxiliar, deixa as meninas que já trabalham lá mesmo.Todas uns amores muito eficientes.

  • AM

    A mas vocês não sabem que a a melhor forma pra ficar lá é ter QI..!!!kk

  • antonimo

    Tem um amigo que fez como deficiente sendo o único deficiente classificado, mas ele não foi classificado no cargo que prestou como deficiente, acho que só está esperando para comunicar o MP pra ver se isso pode cancelar o concurso, pois que por lei federal (e está no edital) ele deveria estar na frente de todos os outros candidatos ao cargo. será????

  • XXX

    Galera… só tendo QI pra entrar em concurso de Jales!!!!
    Se vc é sobrinho de alguem….mulher de vereador…..kkkkkkpassando em primeiro lugar!!!!

  • HAHAHAHAHAHAHA

    VEREMOS!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *