PRODUTORES RURAIS DO CÓRREGO DO CAFÉ CONSERTAM ESTRADAS PARA DIMINUIR PREJUÍZOS

Quando o poder público não funciona, os particulares são obrigados a dar seus pulos. Foi o que aconteceu no Córrego do Café, onde um grupo de produtores rurais teve que comprar entulhos e contratar uma empresa particular para consertar a estrada do bairro. Produtores de laranja e banana, eles amargaram alguns prejuízos na hora de vender a produção, uma vez que os caminhões das empresas compradoras não conseguiam chegar até as suas propriedades.

Segundo informações de um desses produtores, Edílson Gilberto Donda, eles investiram cerca de R$ 1,2 mil no conserto da estrada, mas parece que valeu a pena. Edílson, que é produtor de laranja, confirmou também que a má conservação da estrada causou, apenas a ele, um prejuízo de, mais ou menos, R$ 10 mil.  Abaixo, uma sequência de fotos que mostram a estrada do Córrego do Café antes, durante e depois do conserto providenciado pelos sitiantes do bairro:

 

Um detalhe importante: o programa Melhor Caminho, do governo estadual, havia feito um trabalho de recuperação na estrada do Córrego do Café, no ano passado, mas o desleixo da Prefeitura e a falta de manutenção fez com que o serviço fosse quase que totalmente perdido.

4 comentários

  • Eduardo

    É a cidade de Jales está desamparada qdo o assunto é apoio de prefeitura, eu q te falo pq tbm moro aqui e sei bem oq agente passa qdo nós precisamos de prefeitura…..pura buxa….

  • Mariane

    nossas estradas rurais estão cada dia pior, a prefeitura não toma consciencia do que esta por tras de tudo isso, há perdas de lucros, que não serao repostas por ninguem, arrumam as estradas somente quando é periodo politico, porque assim eles teram mais eleitores, mas mesmo assim muitos dos produtores rurais nao estao sendo “palhaços” e caindo nessa historia de novo, essa materia acima é fato pois eu convivo no meio e sei muito bem o que se passa, sou filha de um produtor rural, onde o mesmo (meu pai) teve um prejuizo bem elevado, agora me diga: quem irá pagar o que ele perdeu? NINGUEM. Onde está o fiscal de estradas? NINGUEM SABE RESPONDER, ele nao ta nem ai,os outros que se danem. A prefeitura tem que tomar iniciativa pra reforma antes que seja tarde demais.

  • cardoso

    Mariane, o nosso prefeito não está nem aí pros produtores rurais porque, nas contas dele, o eleitorado da zona rural representa menos de 2% do total. Ele nunca se preocupou com o que a zona rural produz em termos de riqueza para a cidade, ou com os problemas dos produtores rurais. Só interessou prá ele os votos da zonar rural. Posso dizer isso com segurança, pois fiz parte da equipe de campanha dele. O Nílton Marques, ex-secretário de agricultura, até tentou fazer alguma coisa, mas não tinha autonomia prá isso. E a desavença entre o prefeito e o vereador Gilbertão começou quando o vereador denunciou – com provas – algumas coisas erradas envolvendo a cobrança de taxas dos produtores rurais. Ao invés de mandar apurar as denúncias, o prefeito preferiu brigar com o Gilbertão. Então, Mariane, não tenha ilusões: com esse prefeito, a zona rural vai continuar relegada a segundo plano.

  • Jales está uma pouca vergonha, nao somente com estradas rurais, a Rodovia q Liga Jalea a Dirce-Reis está uma coisa de louco, daqui uns dias vai virar estrada de terra novamente, agora eu pergunto cadê nossos representantes?- cadê o prefeito, ninguem vai fazer nada?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *