SAI A TERCEIRA RELAÇÃO DE CIDADES CONTEMPLADAS COM CRECHES. JALES CONTINUA DE FORA

Alguém aqui nesta cidade deve ter pisado num despacho. Vejam só: o Ministério da Educação divulgou, ontem, a terceira relação das cidades contempladas com creches do Programa Pro-Infância. Jales, a única cidade da região administrada pelo PT, ainda não foi contemplada. 

Cidades como Fernandópolis (administrada pelo DEM), Votuporanga (pelo PSDB), Birigui, Araçatuba e Lins fizeram parte da primeira relação, divulgada em janeiro, quando 52 cidades paulistas foram contempladas. Jales ficou de fora. Em fevereiro, foi divulgada a segunda relação, da qual faziam parte mais 16 cidades paulistas, como Ilha Solteira, Potirendaba, Alvares Florence, Santa Ernestina (alguém conhece?), Ubirajara (!!!??) e outras. Jales, mais uma vez, foi esquecida.

E agora, como já se disse, saiu a terceira relação com mais 16 cidades paulistas. Taboão da Serra, terra da deputada Analice Fernandes, foi uma das contempladas. Pindamonhangaba, Franca, Sorocaba, Guaratinguetá e Itapetininga foram outras. E Jales, governada pelo PT, continua de fora.

De qualquer maneira, o Programa Pro-Infância pretende construir 1.500 creches no país inteiro. Até agora, já foram aprovadas 856 creches em 502 cidades. Resta a expectativa de que, entre as outras 644 que ainda estão por ser aprovadas, tenha ao menos uma crechezinha para Jales. Nossa cidade mandou dois projetos para o Programa Pro-Infância. Um deles prevê a construção de uma creche no Jardim São Jorge, orçada em R$ 600 mil. O outro projeto é para edificação da creche da Cohab JACB, estimada em R$ 1,3 milhão.

Os dois projetos, como tudo que acontece em Jales, foram feitos a toque de caixa e cadastrados no sistema do FNDE, nas últimas horas do último dia (29/10/10) do prazo estabelecido pelo Ministério da Educação para apresentação de projetos. Vamos torcer para que Jales esteja nas próximas relações, mas o episódio demonstra claramente que o nosso prefeito não tem nenhum prestígio junto ao Ministério da Educação. E ainda tem gente que acredita nessa história de campus da UFSCAR. Abaixo, um modelo das creches. E aqui você pode conferir as relações, a primeira, a segunda e a terceira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *