A TRIBUNA: FACIP DE 2012 NÃO TINHA ALVARÁ DOS BOMBEIROS

Essa é a capa da edição deste final de semana do jornal A Tribuna. O assunto Facip é um dos destaques, com matérias que tratam desde a confusão envolvendo a venda de mesas e camarotes até a constatação de que, nos anos anteriores, a Feira foi realizada sem o alvará dos bombeiros.

A Tribuna elenca, também, as 14 exigências que os bombeiros estão fazendo para conceder o alvará da Facip 2013.

O jornal traz tudo sobre o acidente que envolveu a prefeita Nice Mistilides e relembra o acidente trágico de 1979, que tirou a vida de três prefeitos da região.

O trabalho do Conselho Tutelar em 2012 e a eleição dos novos conselheiros, prevista para agosto, além dos números do Cartório do Registro Civil, com as estatísticas de 2012, relativas a casamentos, nascimentos e óbitos, são outros assuntos de A Tribuna desta semana.   

6 comentários

  • ANONIMO

    quais foram e de onde os prefeitos na tragedia de 1979?

  • Ánônimo

    O Ministério Público instaurou procedimento judicial para que as exigências dos Bombeiros fossem acatadas

  • Anônimo

    Cardosinho:
    Escrevo aqui em vosso blog com a esperança que algo seja feito.
    Moro em Jales há muito tempo. De uns anos pra cá tenho notado que nossa juventude está sem rumo. Minha residência é no jardim Euphy Jalles e quase todos os finais de semana (sexta e sábado) e vésperas de feriado temos um grave problema em nosso bairro: NINGUÉM MAIS DORME!!! Existe um grupo de jovens que coloca seus carros na avenida que vai para o Jales Clube ou nas ruas de frente do condomínio residencial Alpha com o som nas alturas. Alí parece não existir lei. Fazem da rua uma boate a céu aberto e quem mora nas proximidades NÃO DORME. Esses jovens bebem muito e depois sai dirigindo em alta velocidade. Até onde sei é proibido, ENCHER A CARA E DIRIGIR. Não sei como ainda não aconteceu um grave acidente. SERÁ QUE TEREMOS QUE ESPERAR QUE UM DESASTRE OCORRA PARA QUE ALGUÉM FAÇA ALGO? Outra coisa que observei é que muitos dos carros que ficam ali são rebaixados. Até onde sei é proibido ter o carro modificado daquela forma. SERÁ QUE ELES ACHAM QUE EM JALES NÃO TEM LEI?
    Cardosinho nós aqui do bairro jardim Euphy Jalles e das proximidades trabalhamos o dia todo, estamos cansados e gostaríamos de ter a noite para descansar. Estes jovens poderiam colaborar e parar de utilizar as ruas como boate a céu aberto. Teve um destes dias que fui falar com eles pra abaixar o som e quase apanhei. Disseram que a rua é pública e que fazem o que bem querem ali. SERÁ QUE ELES ACHAM QUE EM JALES NÃO TEM LEI?
    Sugiro que faça uma matéria para a Tribuna e para este blog sobre o assunto. Poderia entrevistar o capitão da Polícia Militar de Jales; o delegado de trânsito de Jales e os vereadores. Questione se eles sabem dos problemas do barulho e do excesso de álcool/direção. Nos moradores estamos cansados de ficar ligando no 190 e pedir uma solução para isso. A polícia pode até passar por lá, mas não tem sido resolvido por definitivo. TALVEZ MULTAS E GUINCHO NESTES CARROS AJUDE.
    No domingo dia 27 de janeiro deste ano levantei cedo (NÃO CONSEGUI DORMIR) e me assustei com a enorme quantidade de latinhas de cerveja e garrafas de outras bebidas alcoólicas que deixaram espalhadas nas proximidades do condomínio Alpha e na avenida João Amadeu até mais ou menos na Jima. SERÁ QUE EM JALES NÃO TEM LEI?
    Pedimos sua ajuda! CHEGA DE SOM DE CARRO QUASE NA PORTA DE NOSSAS CASAS E MUITA BEBIDA ALCOOLICA.

  • APONTADOR

    Em todos os estab3lecimentos dos parque? Barracoes, boate E BARRACAS? Eo parque de diversoes?

  • Bolo de Aniversário

    Parabéns ao Jornal por dizer a verdade, pd ter certeza de que este ano também vai ser feito sem alvará, dúvida.Acorda Jales. kikikik

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *