A TRIBUNA: PREFEITURA AINDA NÃO REPASSOU NEM METADE DOS RECURSOS PREVISTOS PARA O CORPO DE BOMBEIROS

No jornal A Tribuna deste final de semana, o principal destaque foram os falecimentos do ex-prefeito Hilário Pupim e do médico-pediatra Virgílio Ribeiro Franco. O primeiro faleceu na quarta-feira, 09, em São José do Rio Preto, onde estava internado para tratamento de uma dengue. Segundo nota da Prefeitura, ele tinha vencido uma batalha contra o câncer e estava em processo de recuperação. Já o doutor Virgílio faleceu na madrugada da sexta-feira, 11, vítima do câncer. A notícia diz que ele ficou internado em São José do Rio Preto por algumas semanas e, no fim de setembro, com o quadro agravado, pediu aos familiares para voltar a Jales, onde queria passar seus últimos dias.

Ainda na esteira do incêndio que atingiu o Bosque Municipal há três semanas, o jornal está noticiando que a Prefeitura não está destinando, neste ano, nem a metade dos recursos previstos como ajuda financeira ao Corpo de Bombeiros. A matéria do repórter Alexandre Ribeiro, o Carioca, explica que a municipalidade repassou apenas R$ 125,3 mil ao Fundo Especial dos Bombeiros, o que representa cerca de 41% dos R$ 300 mil previstos no orçamento municipal de 2019. Logo após o incêndio, o vereador Chico do Cartório criticou a falta de repasses, que estaria prejudicando a prestação de serviços dos bombeiros.

Os novos conselheiros tutelares eleitos para o quadriênio 2020-2024, em pleito realizado no domingo passado; a visita que o desembargador federal Manoel Soares Ferreira Carradita, do Tribunal Regional do Trabalho, fez a Jales; o arrependimento do ex-prefeito de Mesópolis, Tavinho Cianci, que perdeu todo seu patrimônio depois que entrou na política; o decreto do prefeito Flá, que desconsiderou uma lei aprovada pela Câmara e deu novos nomes às ruas do conjunto habitacional “Honório Amadeu”; e as investigações da Polícia Civil de Jales, que resultaram na prisão de uma quadrilha especializada no roubo de tratores e defensivos agrícolas, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, a retratação pública do servidor aposentado Lauro Figueiredo, o Matogrosso, por ofensas ao prefeito Flá Prandi e o relato de dois fatos curiosos envolvendo o ex-prefeito Hilário Pupim. Na página de opinião, Valmor Bolan escreve sobre a desastrada declaração do ex-PGR Rodrigo Janot, enquanto o blogueiro Hélio Consolaro fala sobre inclusão social e o “Dia das Crianças”, comemorado neste sábado. E no caderno social, destaque para colorida coluna do Douglas Zílio e para a 1ª edição do “Rock com os Amigos”, realizado pelo Rotary Clube de Jales para concorrer com o Rock in Rio. 

2 comentários

  • Eleitor do Fra

    Infelizmente o Tavinho cianci enquanto perdeu seus advogados estão milionários quem não acreditar é só dar uma passadinha em Mesópolis e ver a pequena oficina que ele tem a senhora sua ecposa é muito doente quem ja foi um dos maiores produtores de algodão hoje se encontra nesta dureza para ser prefeito a pessoal tem que ser igual o Hitler do contrário só ele vai pagar as contas no final.

  • SEU KUMYAMA

    então o prefeito deve ser processado pela queima do bosque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *