A TRIBUNA: PREFEITURA TERÁ QUE CORTAR CARGOS COMISSIONADOS NO FINAL DO ANO

capa tribuna 04.09.16No jornal A Tribuna deste final de semana, a manchete principal destaca que o prefeito Pedro Callado terá que demitir, até o final deste ano, vários ocupantes de cargos comissionados. As demissões são consequência de um Termo de Ajustamento de Conduta(TAC) firmado com o Ministério Público em abril de 2015. O TAC previa a demissão de pelo menos 18 comissionados. Os cargos só poderão ser preenchidos pelo próximo prefeito depois de transformados em cargos efetivos e mediante concurso público.

Destaque, também, para o Ranking de Eficiência dos Municípios, divulgado pelo jornal Folha de S.Paulo, no domingo passado, que coloca Jales como o 143º mais eficiente do país, na aplicação dos recursos públicos. A Folha, em parceria com o Datafolha, mediu o grau de eficiência dos serviços prestados por 5.281 municípios, nos quesitos Saúde, Educação e Saneamento. São José do Rio Preto, a maior cidade da nossa região, ficou na 395ª posição.

A operação contra a pornografia infantil; o acidente na rodovia Euphly Jalles, que matou um enfermeiro de 43 anos; as estimativas do IBGE, segundo as quais Jales já teria 49.017 habitantes; o abaixo-assinado dos vereadores de Jales contra a paralisação das obras do conjunto habitacional “Honório Amadeu”; e a condenação, pelo Tribunal do Júri de Jales, de dois irmãos de Santa Albertina, acusados de tentativa de homicídio, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, a revelação de que candidatos e partidos de Jales estão preocupados com a abstenção e os votos brancos e nulos nas eleições deste ano. Na página de opinião, além dos artigos do Marco Poletto e da Taísa Selis, tem também a crítica de um morador à candidatura única. No caderno social, destaque para o casamento dos jovens Lays Pinato e André Brumati e para a coluna do Douglas Zílio.   

7 comentários

  • Putz

    Cardosinho, esses cargos precisam ser efetivos ou sua natureza possibilita ser de livre nomeação e exoneração?

    Pq se a natureza permitir a livre nomeação e exoneração, acho que o próximo prefeito não precisa cumprir esse TAC.

  • Bicicleta envenenada

    É Frá, e agora?
    Como acertar a vida das dezenas (centenas) de pessoas que você prometeu emprego?

    • Anônimo

      Não faça a política do terrorismo ‘Sr Bicicleta envenenada’. Se sabe de algo, faça uma ‘Denúncia’ ao Ministério Público, que tem o dever de apurar a sua informação. Acalme-se !!

  • QUERO PANELAS

    PREFEITURA TERÁ QUE CORTAR CARGOS COMISSIONADOS NO FIM DO ANO , PARA DEPOIS OS FLÁ E O GARÇA, COLOCAREM OS SEUS CUPINCHAS DIANTE DE UM CONCURSO PÚBLICO FAJUTO OU POR OUTROS MEIOS, QUE A POLITICA PERMITE.
    ISSO É ANTIGO, DA ÉPOCA DA MINHA AVÓ.

    JÁ VIRAM CANDIDATOS A PREFEITO E VICE TRABALHANDO CONTRA O VOTO BRANCO OU NULO? SÓ EM JALES, QUE VAI ENTRAR PARA A HISTÓRIA POLITICA BRASILEIRA, COMO DISSE UM JORNAL DA SITUAÇÃO, POIS OPOSIÇÃO NÃO EXISTE.

    • Anônimo

      Eu fico espantado com pessoas como essa. A culpa é do Flá pela sua candidatura única ?!?! Cade os opositores, que tiveram tempo para se armarem e montarem uma chapa concorrente ?!?! Ridículos são os ‘petistas’ e ‘esquerdistas’ que se acovardaram !! R – Í – D – Í-C- U – L – O !

  • Vamos de Fla'

    Como o prefeito não faz acordo com ninguém do tipo “toma lá, da’ ca’, logo, todos os partidos fizeram acordos com Fla, inclusive o PT.
    Com a prefeitura endividada e com a vida mansa de aposentadoria, Calado preferiu cair fora.
    Agora não temos escolha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *