A TRIBUNA: PREJUÍZOS QUE LEVARAM À CASSAÇÃO DE NICE NÃO EXISTIRAM, SEGUNDO LAUDO DA POLÍCIA

DSC03053O jornal A Tribuna deste final de semana repercute laudo da Polícia Científica que constatou não ter havido nenhum prejuízo para a Prefeitura na contratação emergencial da empresa Proposta Ambiental Ltda, responsável pela limpeza urbana e recolhimento do lixo em Jales entre janeiro de 2014 e maio de 2015. Os supostos prejuízos – que, segundo o laudo, não existiram – motivaram a abertura de uma CEI na Câmara e a cassação da ex-prefeita Nice Mistilides. E motivaram, também, o ajuizamento de uma Ação Civil Pública contra Nice, na Justiça.

O jornal está destacando, também, o caso do pagamento do 14º salário – ou gratificação de aniversário – aos servidores municipais de Jales, que está sendo questionado pelo advogado Carlos Alberto Brito Neto. Em privado, dirigentes do Sindicato dos Servidores já admitem que o benefício deverá ser suspenso pela Justiça. Em abril, o TJ-SP concedeu liminar suspendendo o 14º salário em Meridiano. Em pelo menos outros três municípios paulistas – Macedônia, Bilac e Taquaral – a gratificação já foi suspensa pelo TJ.

A falta de informações sobre o número de presos de Jales beneficiados pela saidinha do Dia das Mães; as reclamações de moradores do Jardim São Jorge a respeito do abandono em que se encontra o prédio da antiga creche do bairro; a indenização que está sendo pedida por um casal de lavradores por conta de acidente na vicinal “Vitório Prandi”, causado por buracos no asfalto; e as novidades da Câmara Municipal, onde vereadores da situação atuam como opositores, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, comentários sobre a rebeldia demonstrada pelo vereador Tupete(DEM) na sessão de segunda-feira; na página de opinião, Marco Poletto escreve sobre o fuça-a-fuça de Lula e Sérgio Moro, enquanto Pedro Callado aborda questões sobre dívida alimentícia. Já o artigo do santista Victor Pereira trata do técnico Fábio Carille, do Corinthians. No caderno social, destaque para o casamento de Wladimir Prandi, o Gibão – um dos últimos solteirões da cidade – com a jovem Flaviane Rodrigues.   

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *