A TRIBUNA: SAÚDE INVESTIGA POSSÍVEL PRIMEIRO CASO DE ZIKA VÍRUS EM JALES

capa tribuna 10.04.16No jornal A Tribuna deste final de semana, a principal manchete destaca a última novidade a respeito da famosa dívida do município com a família do fundador da cidade, o doutor Euplhy. Segundo o jornal, os advogados dos Jalles procuraram a Justiça, na quarta-feira, 06, para contestar o valor da dívida calculado pelo TJ-SP e pedir que seja feito um novo cálculo. De acordo com planilha apresentada pelos advogados, a dívida, em maio de 2015, estava em R$ 7,6 milhões. Para o TJ, no entanto, a dívida, àquela altura do campeonato, estava em menos de R$ 1 milhão.

Outro destaque do jornal é para o possível primeiro caso de zika autóctone (contraído no município) em Jales. Segundo matéria do repórter Alexandre Ribeiro, o Carioca, uma gestante que não teve o nome divulgado pode estar com o vírus. Ela mora em Jales e trabalha em Fernandópolis. O caso ainda é considerado suspeito, uma vez que o exames ainda não foram concluídos. A gestante passa bem, segundo a matéria.

O início da Facip 2016, marcado para a quarta-feira, 13, com um show da dupla Fiduma & Jeca; os buracos no asfalto do Jardim Arapuã, que estão causando mau cheiro e incomodando os moradores; as investigações sobre a tentativa de assalto a uma lotérica do Jardim Paraíso; a sessão solene da Câmara Municipal para entrega de medalhas e títulos de cidadania; e o cancelamento da licitação feita pela Câmara para contratar a empresa que vai elaborar concurso público para preenchimento de quatro cargos efetivos no quadro do Legislativo, são outros assuntos de A Tribuna

Na coluna Enfoque, a confusão sobre a filiação partidária do secretário Ademir Molina, que teria deixado o PSDB e se filiado ao PP. Na página de opinião, o santista Victor Pereira escreve sobre a evolução do time do Palmeiras sob o comando do técnico Cuca. Marco Antônio Poletto, outro santista, escreve sobre a entrevista que o ministro Marco Aurélio Mello deu ao Roda Viva. No caderno social, destaque para o Schutz Day, da loja Algo Mais, e para a coluna do Douglas Zílio.

7 comentários

  • Metralha tra tra tra

    Cardosinho uma curiosidade e a Empresa que tinha ganho a licitação para coordenar o concurso o que aconteceu???

    • Preclaro Metralha, o pregoeiro tinha dado cinco dias para a empresa apresentar uma certidão – como permite a lei, no caso das microempresas – mas o prazo esgotou-se sem que o documento fosse apresentado.

  • Greenville

    Essa família Jales só ferra a gente pra investir em rio preto. Por nossa cidade levar o sobrenome dessa família o mínimo que esperava era o perdão dessa dívida eterna. Se falar do laudêmio…. Tenho certeza que o Sr. Euphly ficaria feliz, lutou tanto pela cidade. Acho que chegou a hora de pensarmos em mudar o nome da cidade. Opinem

  • W. José C.

    Cardoso. Você anda tão obcecado com essa história de investigação da Lava Jato e estes políticos cachorros, que o título da sua matéria diz “Investiga” possível primeiro caso….Ameniza um pouco, nobre cabecinha seca…

  • eu

    A cidade com seu primeiro possível caso de zika, várias pessoas com dengue, população assustada com o h1n1.. e a Câmara preocupada com os interesses do Temer e do Cunha. Legal!

  • Anônimo

    H1N1, Zika, Dengue, etc, etc, etc… E ainda tem quem afirme que Deus é brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *