A TRIBUNA: SERVIDORES MUNICIPAIS PODEM PARAR DEPOIS DO CARNAVAL

capa tribuna 02.03.14Eis a capa de A Tribuna deste final de semana. O jornal destaca, em matéria  escrita pelo Alexandre ‘Carioca’  Ribeiro, o embate entre a prefeita Nice Mistilides e os servidores municipais, por conta da reposição salarial.

Ainda nessa seara, o jornal traz outras matérias  mostrando que, na nossa Prefeitura, os gastos com pessoal aumentaram 20% em 2013, enquanto a arrecadação de tributos ficou abaixo das previsões.

A construção de uma rotatória na Avenida “João Amadeu”, nas proximidades do Proença Supermercados, e a inundação do novo trevo da rodovia “Euphly Jalles”, durante chuva da semana passada, são outros destaques de A Tribuna.

As novidades da CEI dos Uniformes, que está investigando a compra dos uniformes escolares de 2013, bem como os possíveis resultados da Sindicância aberta pela Prefeitura para apurar o sumiço de um semáforo, são outros assuntos deste final de semana.

E, pra terminar, temos ainda os artigos do vice-prefeito Pedro Callado e do grande filósofo contemporâneo Marco Poletto, a prestigiada coluna social do Douglas Zíllio, e, é claro, aquela coluninha sobre política e outras inutilidades, escrita por este aprendiz de blogueiro.

22 comentários

  • FUNCIONARIO

    Cardosinho,como voce é um expert no assunto me dê uma informação segura pois to cheia de disse me disse.Meu cargo de concurso efetivo é esciturário II.,depois de muuuuuuuuuuuuuuuuutos anos fui por portaria designada a exercer o cargo de oficial administrativo e à seis anos atras fui designada por portaria tambem para o cargo de assistente de administração. Te pergunto como fica minha situação nessa confusão toda? Sem mais ,obrigado e abçs.

    • Preclara funcionária, não sou expert. O melhor caminho é consultar os advogados do sindicato. Na minha avaliação, quem já está no cargo há seis anos, como é o seu caso, já teria direito adquirido, mas, isso vai depender do tipo de portaria que você tem.
      Segundo me explicou um advogado, existem dois tipos de portarias – de promoção e de designação. As portarias de promoção se tornam efetivas depois de 180 dias. Depois desse prazo, o servidor não corre mais riscos de voltar ao cargo antigo. Já as portarias de designação não dão a certeza de nada. O servidor é designado para responder por um cargo e, de acordo com a lei, pode ter a designação revogada a qualquer momento, mesmo que esteja respondendo pelo cargo há 20 anos.

  • Pit Bull

    Estimado Cardosinho.

    Num raciocínio lógico. Acredito que existe uma grande possibilidade da maioria ou todas serem por designação, visto que normalmente a Portaria por Promoção deveria estar embasada num Plano de Carreira – isto parece-me que não existe – aliada ao desempenho, e muito menos por apadrinhamento.

    Contudo, a gente sabe que no “País do jeitinho”, tudo é possível.

  • Vinicius Néris

    Cardosinho, essa nova rotatória a ser construída é “conquista” de quem? A Prefeitura quem tomou a decisão de construí-la?

  • UMA COISA NOS FOI DITA EM NOSSO MOVIMENTO “JUDAS TRAIU A JESUS COM UM BEIJO; DAI SE TIRA O QUANTO NOSSA PREFEITA NOS TRAIU POR QUANTOS BEIJINHOS ELA NÃO DEU EM SUA CAMPANHA, SINAL QUE VIRIA TRAIÇÕES, MAS NUNCA TAMANHA TRAIÇÃO, HOJE RECEBI LIGAÇÕES DE COLEGAS SERVIDORES DESESPERADOS POR CONTA DO CORTE DAS PORTARIAS, OQUE EU PODERIA DIZER….NADA SÓ QUE COLOCASSEM NAS MÃOS DE DEUS QUE ELE PODE OPERAR MILAGRES E NESSES CASOS SÓ MILAGRE PARA TOCAR O CORAÇÃO DA UNGIDA. QUANTO AO SENHOR DOMINGOS QUE DEUS POSSA PESAR SUA CONCIÊNCIA PARA VER A QUE PONTO ELE PREJUDICOU A QUEM NUNCA LHE FEZ MAL. ESPERO CONTAR COM A AJUDA DE DEUS EM PRIMEIRO LUGAR E EM SEGUNDO A VEREADORES E AO SINDICATO PARA PASSAR POR ESTA HUMILHAÇÃO. QUE DEUS NOS ILUMINE.

  • AG

    E o vice prefeito?

  • anonimo

    Esse Senhor Domingos vou te conta, ai que saudades do Shimomura aquele sim era um homem justo ou seja um secretario competente.

    • Anônimo

      Esse seu Domiguos está mais perdido que cego em tiroteio. Uma verdadeira marionete nas mãos da Prefeita. infelizmente. Um homem inteligente e educado, mas a dispor totalmente dos desmandos por…..

  • lilica

    verdade bem pensado cade Pedro callado ouvi ele esta esperando vencer o mandato da prefeita para soltar fogos
    mas me pergunto entao porque ele antes que ela termina o mandato cai fora deve estar gostando da situação

    • Ana

      A situação está muito cômoda pra ele, não faz nadica de nada e recebe um gordo salário. E quando aparece algum pepino, “eu não tenho conhecimento de nada”. Queria um serviço desse.

      Só que o moral dele está muito ruim. Se ele não sair logo, ele não ganha nem pra comissão de terceira idade. O povo perdeu a confiança nele e no tiquinho (não comparando, pq aí já é apelar).

  • índio Curumim

    Amigo Cardosinho gostaria de saber se vc tem informações de quantos índios temos hoje na prefeitura e quantos são os Índios!Parabéns pelo blog, acho que sou indio pois não tenho nenhuma portaria!

  • anonimo

    Boa pergunta cadê o vice prefeito?

  • Advogado do Molina

    Justamente amigos leitores do blog. Na Secretaria de Esporte, Cultura e Turismo de Jales dois funcionários são Diretores de Divisão. O Serjão é diretor de divisão e dá aula de futebol na escolinha de futebol. O Berinjela é Diretor de Divisão e trabalha na Biblioteca Municipal e não responde pelo setor. O Zé Bolacha é chefe de setor é da aula de futebol na escolinha de futebol. O Porquinho foi promovido há 3 meses como Chefe de Setor, até que desenvolve a sua função. O Suraia é Chefe de Setor e vive dirigindo a Perua Kombi (motorista). A função administrativa é totalmente do Molina, inclusive trabalha com a função técnica em organizações de eventos e desenvolvimento dos projetos para convênios junto aos orgãos estadual e federal. Foi coordenador geral dos Jogos Escolares nomeada pela prefeita.

  • somos contra os politicos

    No Brasil, na politica e no futebol o vice nao serve para nada. Jales nao e’ diferente
    Falando nisso, alguem sabe que e’ o vice governador, vice presidente, vice campeao paulista?
    Ninguem.

  • Anônimo

    Se a Prefeita não tem dinheiro para pagar a folha, então vejam quanto fica a folha dos Secretários, Chefe de Gabinetes e Comissionados, alguém pode me dizer qual o valor da folha deles? Mensal e Anual? e quando saem quanto receberão de indenização? Me disseram que eles não tiram férias é verdade? pra recebe grana? será vedade?

  • Mais um

    Se a Prefeita não tem dinheiro para pagar a folha, então vejam quanto fica a folha dos Secretários, Chefe de Gabinetes e Comissionados, alguém pode me dizer qual o valor da folha deles? Mensal e Anual? e quando saem quanto receberão de indenização? Me disseram que eles não tiram férias é verdade? pra recebe grana? será vedade?

    • Prezado Mais Um, no mandato passado, do ex-prefeito Parini, vários secretários receberam as férias em dinheiro. O czar das finanças, Rubens Chaparim, que não tirava férias, mas faltava ao trabalho pra ir visitar sua fazenda em Mato Grosso, foi um deles. Se não me falha a memória ele recebeu mais de R$ 40 mil. Mas isso não foi privilégio do governo Parini. No governo anterior – que teve quatro prefeitos: Guisso, Caparroz, Hilário e Jediel – o também secretário de finanças, Ézio Assunção de Lima, que não pagava férias em dinheiro para quase ninguém, pagou-se a si mesmo antes de deixar o cargo. Isso tudo foi noticiado à época, mas ninguém fez nada.

  • carina

    querido cardosinho gostaria q me informasse onde anda as varredeiras de rua pelo q eu saiba so existe no bairro onde a ungida mora e nós q pagamos os nossos impostos também não temos direito???
    bairro vila nossa senhora aparecida

    • Pois é, Carina. A nova empresa, até onde se sabe, contratou cerca de 20 varredeiras (ou varredoras), menos da metade que a empresa anterior – a Ecopav – utilizava para varrer a cidade. Em vários bairros, inclusive aqui no meu, a varrição, que era feita duas ou três vezes por semana, agora é feita uma vez a cada 15 dias e olha lá. Esse tipo de mudança deve fazer parte do programa “Muda Jales”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *