CASO PADULA: JUSTIÇA CONCEDE LIBERDADE AO ADVOGADO CLAYTON

O juiz da 5ª Vara Judicial de Jales, Adílson Vagner Ballotti, concedeu liberdade provisória ao advogado Clayton Colavite, substituindo a prisão preventiva por algumas medidas cautelares, em decisão divulgada no final da tarde desta sexta-feira.

A decisão do juiz foi tomada depois de manifestação do promotor público, Anderson Scandelai, que recebeu, na segunda-feira, o inquérito concluído pelo delegado Sebastião Biazi, e, nesta sexta-feira, pediu mais diligências à polícia, a fim de que ele possa oferecer a denúncia.

Na mesma manifestação, o promotor disse que já não havia mais motivos para a prisão preventiva de Clayton. O advogado terá que pagar uma fiança de 10 salários mínimos e seguir algumas medidas determinadas pelo juiz, como não se ausentar da Comarca, apresentar-se mensalmente à Justiça, não frequentar bares e similares e comprovar que continua atuando regularmente em sua atividade profissional.

O advogado Aislan Queiroga Trigo, que está defendendo Clayton, estava no Fórum, por volta das 18 horas, aguardando a expedição do alvará de soltura.  

26 comentários

  • Nelson José Costa Junior

    HOMICÍDIO QUALIFICADO***MUDAREI E COLOCAREI MEU NOME***NÃO SABE FALAR NÃO FALE***RESPEITE OPINIÕES CONTRÁRIA***BIC PONTA POROSA, advogado fictício ou que tem medo de colocar o seu nome. Estarei esperando ver sua performance como advogado de acusação, trabalhando como assistente do Promotor.
    Sua mente é muita privilegiada, tudo saiu como vossa senhoria disse, és um advogado de grande percepção e muito inteligente na defesa de suas causa, principalmente com o ódio correndo em suas veias.
    A outra família minhas orações com muita força para a vida poder continuar. Nada acabou ainda, que Deus dê força suficiente para vossas vidas.

  • anonimo

    O que que é isso.

  • Jalesense

    Homicido Qualificado e agora como fica, qualifica ou desqualifica ? Fale seu nome que eu lhe ofereço um nariz de palhaço.

  • Me Responda

    Bic Ponta ;;;;;;;por gentileza me responda, sendo advogado de acusação do referido caso, estas perguntas feitas por vossa senhoria, como pode isso acontecer:
    1- arrastar o corpo para outro local, havendo a modificação da cena do crime.

    2 – Jogar água sanitária no local, “possivelmente” para limpar a cena do crime.

    3 – Enxugar o sangue.

    4 – Não acionar socorro, ou mesmo ligar para a polícia no mesmo momento dos fatos.

  • Amigo da família Padula.

    E o meu comentário não vai colocar Sr. CARDOSINHO???

  • trufas

    Já vai começar o festival de sandices e humor negro, daqueles que ferem sem essa necessidade. Os justiceiros virtuais se acham no direito de exagerar nos comentários destilando ódio. Sugiro ao blogueiro que identifique os maldosos e encrenqueiros. Com certeza são cidadãos das calçadas que posa de amigo e de conduta reta.

  • Amigo da família Padula.

    Não creio que meu comentário seja algo que ofende alguém, mas sque expresse a verdade dos dados, agora comono Sr. Não consegue ser imparcial, pq então manter o blog? Ou o melhor será não comoanba_lo mais, tinha o meu respeito Sr. , sempre qua do quero me manter informado visito seu blog, mas agora vai nos meus conceitos, uma pena mas, como já tenho ouvido e muitos, melhor nem entrar no blog. Araços e decepcionado.

  • Amigo da família Padula.

    Estão poupando apenas a família do Clayton, martirizando ele, já com os sentimentos de família Padula, não vejo nehum cuidado em poupa- Los. Mas blz, posta o que o Sr. quiser, nada mesmo irá mudar os fatos, sendo legítima defesa ou não, ele levará esta culpa sempre.

    • Amiga de Jales

      amigo, vá descansar, sair com a família. Já dizia o ditado, mais vale um covarde vivo do que um “valentão” morto. O ditado é esse meu caro. O valentão uma hora acha um que quebra o tupete dele

  • Me Responda

    Amigo da família Padula, valentão sempre morre nessas circunstância, o mais fraco se defende de qualquer jeito sua vida. Vai chupar prego.
    Falar nisso onde esta o Mudarei e colocarei me nome?

  • Nois

    Amigo da família Padula, eu não desejaria um fim desse para nenhum ser humano, mas todo valentão, brigador, que por qualquer motivo já queria brigar e bater em todo mundo, este seria seu fim.
    Todo ser humano luta, briga, faz de tudo para manter sua vida e, foi o que aconteceu antes ele do que eu.

  • Magna e Zé

    Magda e Zé gostaria de saber a opinião, por causa dos seus conhecimentos técnicos e jurídicos do sr. BIC PONTA POROSA,m isso me será muito valioso, para as minhas conclusões finas sobre o processo, futuramente?

  • Caneta BIC azul

    Coitado do Padula.
    Deus o tenha.
    Que a justiça seja feita.

  • Apenas um comentario!

    Eu não sou advogado porem sei que a justiça não tem motivos para deixar o advogado, na prisão pois vai aguardar o julgamento, em liberdade.
    Os dados técnicos do assassinatos é problema da justiça e dos advogados, em questão porém dizemos que, no Brasil, só vai preso os 3 pes : preto, pobre e puta (não existe mais).
    Que certamente, cadeia não é lugar de gente que tem advogado bom alem disso ele tem bons antecedentes e não queria matar.
    Conclusão, o advogado vai ser considerado inocente

  • Luiz

    Caro Jalesenses, estou assistindo de longe estas trocas de farpas, totalmente inócuas por parte dos amigos dos envolvidos neste caso. Sabemos porém, que no mesmo dia do ocorrido, o filho da vítima esteve no local do crime e conversou com o Dr. Clayton, vendo o corpo de seu progenitor e “amparando” o amigo. Contudo, a troca de farpas entre os amigos de Padula e Clayton não irão acrescentar em nada nesta ocasião, pelo contrário só machucam está FATALIDADE ocorrida. Sejamos sensatos, e acima de tudo Cristãos, como foi o filho do Sr.Padula, e que Deus o tenha.

  • Até onde conheço a Biblia, nada justifica um homicídio.

    Pelos ensinamentos cristãos, o certo era o Dr Clayton estando sendo atacado como foi, deixar que o inimigo ceifasse sua vida, assim alcançaria os braços do altíssimo, em sua mais pura nobreza, como martir, e deixando que o Padula, no caso, respondesse perante a lei dos humanos aqui na terra, pelo crime de homicídio. A biblia fala isso.

    Clayton carregará esse peso em suas costas para o resto da vida, pois o espírito do falecido não sairá de seu lado, segundo o espiritismo, até que o dia de clayton ir para o outro plano chegue também, onde os dois irão juntos.

    Preferivel morrer como martir, sendo admirado pelo restantes dos humanos como um ser digno de respeito, que morreu trabalhando no que amava, do que carregar esse peso nas costas para sempre.

    Que Chico Xavier console as almas envolvidas

  • Maria Helena Garcia Carvalho

    Boa noite a todos leitores e amigo Cardosinho!

    Gente, deixa de se preocupar em culpar um o outro, e de ofender o nosso amigo Cardosinho, vamos ao invés disso rezar para as famílias, para o advogado, para alma do Sr. Padula.
    Afinal Deus não nos deu esta autonomia de julgar o outro e SIM de AMAR e perdoar 70 vezes 7 por dia. (sempre)
    Ficamos em paz, eu sei que é difícil, mas na vida nada é fácil….
    Abraços Sr Cardosinho

  • Nois

    Esse assunto já esta velho e ultrapassado, nem deveria mas ser comentado neste Blog.

  • Amei, exatamente o que eu procurava!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *