CBN PLANEJA ESTREAR NOS PRÓXIMOS MESES NOVA EMISSORA DE FM EM JALES

A rede “all-news” liderada pelas emissoras CBN FM 90.5 AM 780 de São Paulo e CBN FM 92.5 AM 860 do Rio de Janeiro passará por uma forte expansão neste início de 2018. Já estão confirmadas as estreias das futuras afiliadas CBN FM 97.5 de Teresina (PI), CBN FM 103.5 de Campina Grande (PB), além de duas emissoras de uma “minirrede estadual” que será trabalhada a partir da CBN FM 90.9 de São José do Rio Preto (SP), composta por três FMs.

A atual CBN FM 90.9 passará a contar com as operações das futuras afiliadas CBN FM 106.9 de Catanduva e CBN FM 99.3 de Jales. A operação conjunta será uma forma de ampliar a cobertura jornalística da CBN no noroeste do estado de São Paulo. As duas novas FMs não são migrantes AM-FM.

As duas estreias estão previstas para a segunda quinzena de fevereiro ou no mês de março, datas que ainda serão definidas. A emissora dedicada a Catanduva é uma concessão de Santa Adélia, inédita no interior paulista e de classe C de operação. Já a FM voltada à Jales será de classe B2 de operação, transmitindo a partir de Palmeira Doeste

Além das três emissoras (São José do Rio Preto, Catanduva e Jales) no Noroeste Paulista, a CBN também conta com as rádios de Campinas (CBN FM 99.1), Ribeirão Preto (CBN FM 90.5), além da matriz na capital, para cobrir o estado de São Paulo.

28 comentários

  • Lembrando que esta emissora pertence a MAFIOSA família DOS MARINHOS (REDE GLOGOLPE)

  • Resumindo...

    uma opção ao monopólio sertanejo… até as duas emissoras católicas ficam o dia todo alienando a população com músicas de baixo nível onde a mulher é objetizada e consumir bebida alcoólica se torna um luxo de consumo … melhor seria jovem pan ou bandeirantes mas estão quebradas.

  • Observador

    Band já tem,antiga cultura

  • anonimo

    Aliás Resumindo…, todos nós torcíamos para que as Ams migrassem para Fm, mas com uma mentalidade diferente da mesmice das Fms, com raríssimas excessões, como no caso o programa do amigo blogueiro aquí, infelísmente colocaram amadores para dirigir as novas Fms e deu no que deu, não perco mais tempo ouvindo rádio até porque não dá prá ouvir, fui radialista durante muitos anos, mais precisamente até o ano passado, e de rádio mesmo só restou saudade.

    • Googleweblight.com

      Infelizmente ou INFELISMENTE:
      A forma correta de escrita da palavra é INFELIZMENTE, com Z. A palavra infelismente com S, ESTA ERRADA.
      Devemos utilizar o advérbio infelizmente sempre que quisermos referir alguma coisa que foi feita com infelicidade ou algo que ocorreu de forma infeliz.
      PS: Coitados dos seus ouvintes hem amigo, se escrever não sabes, imagina falar.

    • Resumindo...

      ouço rádio o dia todo, de excelente qualidade, a internet me proporciona isso… não escuto as rádios locais porém sinto falta de uma que fosse próxima do que considero mínimo: notícias lidas por locutores que tenham pronúncia, dicção e saibam concordância verbal e gramatical e com música de razoável qualidade, assim já estaria bom… com tantas emissoras locais dava pra segmentar, se todas partirem pro mesmo nicho algumas delas desaparecerão em breve… por isso com todos os defeitos, é uma boa ter cbn local.

  • Caramba

    Chega de rádio sertaneja pelo amor de Deus… Não aguentamos mais essa mesmice de sempre! Queremos rádios pop, rock, MPB !

  • Frequencia Modulada

    Beleza boas opções Band, Nativa, Chega de ouvir aquele Pato roco do inicio da manha do jornal da Antena kkkkkkkk

  • MEMORIAS""Saudade BOLETIM INFORMATIVO""Decada de70/80""a

    AGORA TEREMOS NOTICIARIO EM F.M ESPERAMOS QUE SEJA SEM MUITA

    PUBLICIDADES & PROPAGANDAS

  • Ei, bonitão!
    Quando for publicar uma nota copiada na íntegra – ou em partes – do site Tudo Rádio, leia lá embaixo: permitida a publicação, desde que citada a fonte.
    Veja: “A reprodução das notícias e das pautas é autorizada desde que contenha a assinatura ‘tudoradio.com’.”

  • Essa matéria é originada do portal tudoradio.com. Solicitamos que seja dado os devidos créditos na matéria. Obrigado.

  • Sapatão (sapato grande)

    Não me faz falta alguma esse amontoado de emissoras sem nenhum sentido. Me abasteço a alma aos Domingos, ouvindo o WG e suas penúrias logo pela manhã e depois tenho de ouvir o resmungar romântico do wjC…que por sinal é a única coisa boa das emissoras daqui. Em que pese o locutor.

    • Valdir com “v”, meu preclaro.

    • Resumindo...

      os dois aos domingos, no mesmo horário, e sempre com o mesmo repertório… meio piloto automático… mais variedade, mais lado B… parece sempre a mesma playlist.

      • Sapatão (sapato grande)

        WG é muita sofrência com aquele mausoléu interminável de músicas pra lá de antigas. VJC dá um banho de gosto musical. Mas o apresentador é um pé no sax.

    • F.L.MOTA...2020???...

      COM CERTEZA RADIO Akkkkkiiiii NA FLAZENDA JALLES SO AOS DOMINGOS ATE AS 14:00 DEPOIS TEM QUE VE SE A ELIANA TEM OS FLAMOSOS DA INTERNET OU COCHILA NO SOFA Aha.Aha.AhaKKK….kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkFim de Papo,Moçada!!!…

  • SR. Ouvinte

    A região de Jales tem muitas rádios em cidades pequenas, como Palmeira D’oeste, Santa Albertina, Mesópolis, Estrela D’Oeste, Urânia, General Salgado, Santa Fé do Sul, Fernandópolis, Iturama, Carneirinho, Aparecida do Taboado, Ilha solteira, Auriflama, Ouroeste, Cardoso, Votuporanga, Paranaiba, Três lagoas, Mira Estrela, Guarani Deste, União de Minas, Pereira Barreto, Valentim Gentil, etc…fora as rádios online gratuitas na lista de aplicativos que toca nos aplicativos de celular…só na região passa de 90 rádios online…fora as rádios no brasil e no estrangeiro…Por exemplo mesmo se baixa o aplicativo com a bandeira da gra- bretanha…tem lista de mais de 800 rádio de um pais só que toca online…imagina então de outros paises…e mais agora nessa era digital..este dia por acaso….já ovi rádios da argentina, espanha, estados unidos, suécia, china, japão…irâ, cuba, panama..guiana francesa…guiana inglesa

  • Marconi

    A CBN é uma das melhores rádios all news do Brasil, quiçá do mundo. A região ganha muito com a primeira emissora deste tipo.
    De outra forma, é interessante ver que os críticos das rádios locais não ouvem rádio. Não é por causa da programação, que desqualificam. É porque não ouvem e pronto! Possuem outros afazeres, não têm tempo etc. Não sabem sequer o que está no ar ou deixa de estar. Não passam de um bando de velhas reclamonas que só ouvem rádio uns 30 minutos por semana aos domingos. São saudosistas das orquestras do WG. O rádio, queridos velhinhos, é sustentado pela audiência (que vocês não proporcionam). O consumidor MANDA. Unam-se, façam pressão, reivindiquem, exijam uma programação ao seu gosto. Não juntariam mais que meia-dúzia de bengalas e agulhas de crochê. Respondam com sinceridade: Quantos de vocês ouvem rádio durante a semana e quantos iriam ouvir, caso uma emissora decidisse trocar os programas populares pelas orquestras e Sinatras do WG ou pelos Chicos e Betânias do Cardosinho?

    • Resumindo...

      ouvindo rádio podemos fazer outras inúmeras coisas ao contrário da tv… celular no bolso, fones nos ouvidos, 6 horas diárias de boa música e boa informação… a necessidade é de segmentar: pop, rock, sertanejo, news, world music, mpb, classics… mas o dia todo de brega sertanejo em todas? isso não é mercado… sabemos que existe jabá, sabemos que programadores são direcionados não pelo gosto popular mas pelo mercado que orienta o gosto popular de baixo nível intelectual, sabemos que o mercado age na informalidade, sabe que o mercado brinda com viagens e anunciantes que paga o leite no fim do mês… quando uma emissora toca determinada dupla sertaneja massivamente ali tem jabá, viagens, presentes, anúncios… tem dupla sertaneja que têm mais donos que jogador de futebol, acreditar que as pessoas pedem aquilo que se toca é ser no mínimo ingênuo… hoje não deu pra resumir.

      • Marconi

        Ledo e ivo engano! na Antena um e na Regional se toca muito pop e até música internacional. Mas certamente, você não escuta. Melhor seguir a manda e criticar o que não conhece. Vai uma sugestão: que tal fazer uma visita a uma rádio da cidade e conferir os pedidos? Te garanto que nos últimos 10 anos não veio nem um pedido de “alto nível intelectual”.
        MAs, repito: é mais fácil seguir a manada e criticar o que não conhece

        • Resumindo...

          essa música pop e internacional que as rádios locais tocam são as bregas sertanejas urbanas dos subúrbios de londres, paris, bangladesh, tokio, madrid… easy music que é feita pra arrefecer, pra andar de elevador e torcer pra ele chegar logo ao destino, música pro gado… sugiro ao nobre criador da pequena caixa de som, que deveria estar indignado com o mal uso de sua invenção, ao invés de elogiar a qualidade atual das nossas emissoras que assista ao vídeo… quem sabe eu me faça entender, agradeço o bom debate:
          https://www.youtube.com/watch?v=yXc8KCxyEyQ&t=162s

  • Mato grosso

    Será Beto Mariano consegue emprego nessa?

    • Marconi

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Radiouvinte Enganado

    Nenhuma novidade. A Rede CBN é coxinha e tucana roxa. Mais uma rádio pra puxar o saco do PSDB e meter o pau no PT.

  • ...Psiu!...

    FIQUE CALLADUUU….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *