COMISSÃO VOTA CONTRA RETORNO DAS AULAS PRESENCIAIS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE JALES

A Comissão Municipal de Gerenciamento da Pandemia junto à Secretaria Municipal de Educação, presidida pela secretária Adriana Campos, reuniu-se hoje, na EM “Elza Pirro Viana”, para deliberar sobre a retomada das aulas presenciais nas escolas municipais de Jales.

A Comissão, que é formada por 33 integrantes, tem representantes de vários setores e órgãos, como o Conselho de Saúde, Conselho Tutelar, Conselho da Educação, Secretaria de Saúde, Secretaria da Educação, Escolas Particulares, etc.

Ao fim e ao cabo, a Comissão decidiu acatar parecer do Comitê Municipal de Enfrentamento da Covid e, quase por unanimidade, optou pelo não retorno das aulas presenciais, pelo menos por enquanto. A exceção foram os representantes das escolas particulares, que votaram favoravelmente.

A Comissão decidiu, também, a realização de uma avaliação quinzenal sobre o retorno das aulas presenciais. Assim, ficou resolvido que, neste início de ano letivo, as escolas do município terão aulas remotas entre os dias 1º e 15 de fevereiro, quando, então a Comissão fará uma nova avaliação.

Claro que a palavra final é do prefeito, mas é improvável que ele irá contrariar as opiniões do Comitê de Enfrentamento e da Comissão de Gerenciamento. Nos próximos dias, ele deverá emitir um decreto sobre o assunto.

Em São José do Rio Preto, os professores e o Conselho de Educação também votaram, nesta terça-feira, 19, contra a volta das aulas presenciais. Por lá, pelo menos 57 professores estão no grupo de risco da covid por conta da idade. E outros 500 professores declararam possuir alguma comorbidade.

8 comentários

Deixe uma resposta para jalesense desanimado. Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *