DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

Como diria o Camarada Martini, o ex-prefeito de Turmalina, José Carlos Massoni, deve estar pagando algumas duplicatas. O jornal Folha Noroeste de hoje está informando que ele foi condenado em uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa. De acordo com a acusação do MP, Massoni – que é professor da rede estadual – esteve afastado entre 2010/11 para tratamento de saúde por conta de uma depressão. Ele teria, no entanto, aproveitado o período em que estava depressivo para prestar serviços de consultoria e assessoramento na área tributária a municípios de SP, MT e MS. Segundo a legislação referente aos funcionários públicos do Estado de São Paulo, o servidor afastado não pode exercer nenhuma atividade remunerada durante o tratamento.

O jornal está destacando, também, a ação da Secretaria Municipal de Saúde de Urânia  contra o câncer de próstata. Neste sábado e nos dias 21, 23 e 28 de novembro, o Centro de Saúde daquele município  disponibilizará um médico urologista para realizar exames de toque retal gratuitos em homens com idade acima de 50 anos. No mundo, esse é o sexto tipo de câncer mais frequente e o segundo mais mortal entre os homens. Estima-se que 1 a cada 6 homens irá sofrer com o problema. A cada 7,6 minutos, um caso é diagnosticado e, a cada 40 minutos, há um óbito por câncer de próstata.

Na coluna FolhaGeral, o buliçoso redator-chefe Roberto Carvalho está informando que, durante o lançamento do Residencial “José Rodrigues”, na quinta-feira passada, 15, o prefeito Flá Prandi teria confidenciado a ele que a Prefeitura já está preparando uma nova licitação para iniciar uma nova etapa do recapeamento asfáltico  das vias públicas da cidade. Segundo o colunista, a nova etapa inclui o recape de algumas ruas do bairro IV Centenário, entre elas a Rua São Paulo, que, de acordo com a notícia, espera pelo recapeamento há pelo menos duas décadas. A Rua São Paulo é onde mora, há meio século, o combativo redator-chefe.

2 comentários

  • PARABENS PELO DIA

    Falando em vereador Jales não aderiu ou não comemora o ”’DIA DA CONSCIENCIA NEGRA”’ isso é uma falta de respeito para não dizer outra coisa senhores vereadores segunda feira vocês deveriam fazer um repudio pela falta de respeito daqueles que merecem ser homenageado e uma monção de aplauso para esse dia de CONSCIENCIA

  • Feriado

    Somente uma pergunta:
    Qual o dia do “BRANCO” ?
    O pais nessa merda, e mais feriado.
    Vão trabalhá seus vagabundos, BRANCOS/PRETOS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *