DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

No jornal Folha Noroeste, edição digital deste sábado, destaque para o desempenho de Jales no Programa Município VerdeAzul, o ranking ambiental promovido pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente. O jornal está informando que a entrega dos certificados de qualificação aos municípios aos 164 municípios classificados ocorreu em Bauru, na quinta-feira, 11. Jales ficou de fora dessa festa brega, uma vez que ficou na 246ª colocação entre os 638 municípios que concorreram. Tá ruim, mas tá bom, já que no ano passado ficamos no 490º lugar. Esse ranking é uma enganação: Jales já ocupou a 10ª posição num ano em que o então prefeito Humberto Parini determinou uma pode radical das árvores do centro da cidade, em plena Semana da Árvore.

Destaque, igualmente, para a “Caminhada Passos que Salvam”, organizada pelo Hospital de Amor Jales em parceira com a AVCC. O objetivo do evento não é apenas a captação de recursos, mas também, e principalmente, conscientizar a população sobre a importância de se conhecer os sinais e sintomas do câncer infanto-juvenil e de obter o diagnóstico precoce da doença. Neste ano, a caminhada vai ocorrer no dia 24 de novembro, um domingo, e, para aqueles que desejarem caminhar devidamente paramentados, já está à venda, por R$ 35,00, o “kit caminhada”, composto de camiseta, boné e uma “sacochila”.

Na coluna FolhaGeral, o enfático redator-chefe Roberto Carvalho está informando que são 22 os inscritos para as eleições do Conselho Tutelar, que acontecerão em outubro. Se não houver desistências ou impugnações, os 22 irão concorrer a 10 vagas de conselheiros – 05 titulares e 05 suplentes. O irrequieto colunista comenta, ainda, o requerimento do vereador Tiago Abra, que continua questionando o prefeito Flá Prandi e o Corpo de Bombeiros de Jales a respeito das vistorias realizadas em prédios públicos que não possuem o chamado “alvará dos bombeiros”. De acordo com o vereador “praticamente todos os prédios públicos estão sem alvará, inclusive o Paço Municipal, o Teatro, a UPA e postos de saúde”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *