DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

No jornal Folha Noroeste, edição digital deste sábado, o principal destaque é a incursão que o prefeito Flá Prandi(DEM) fez a São Paulo, em busca de recursos para investimentos na área urbana de Jales. A matéria diz que uma das visitas do prefeito foi ao gabinete do secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, que prometeu a liberação de R$ 400 mil, através do Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro). O dinheiro deverá ser investido em obras de infraestrutura nas ruas Amazonas, João Batista de Melo e Joaquim Catarino, todas na Vila Nossa Senhora Aparecida. Flá esteve também na Defesa Civil do Estado, onde foi tratar da liberação de recursos na ordem de R$ 350 mil para a construção de uma ponte na rua 19, entre os bairros São Judas e Jardim do Bosque.

Destaque, igualmente, para a segunda chance que a Unijales está dando às pessoas interessadas em fazer um curso superior, mas, por algum motivo, perderam o vestibular realizado no final do ano passado. Essas pessoas poderão iniciar um curso ainda em 2020, através do Vestibular Agendado, aquele em que os candidatos podem escolher data e horário para fazer a prova. A matéria está informando, ainda, os descontos que a Unijales está dando nas mensalidades para este ano, que podem chegar a 85%. Outro detalhe: quem ingressar nos cursos de História, Matemática, Letras, Pedagogia e Educação Física poderão completa-los em três anos. A partir do ano que vem, esses cursos terão duração de quatro anos.

Na coluna FolhaGeral, o honorável redator-chefe Roberto Carvalho volta a comentar a situação do nosso estádio municipal. Segundo ele – que é favorável à venda daquele espaço público – “o prefeito Flá Prandi precisa pelo menos tomar uma posição séria e corajosa em relação ao Estádio Municipal Roberto Vale Rollemberg”. O colunista ilustra seu comentário com uma foto que mostra a lamentável situação em que se encontra a entrada do estádio, visivelmente abandonada. Roberto afirma que “o capim invade e a sujeira toma conta, mostrando a decadência” e ao final pergunta: “será que lá ainda é um estádio de futebol?”.

2 comentários

  • Sérgio

    Deixem de lado o “valor sentimental” do Estádio Municipal e coloca logo para venda. Jales precisa crescer, o Estádio parece um entrave. Aquela região ali precisa ser urbanizada urgentemente.

  • Ze ruela

    E o reajuste dos Funcionários da Prefeitura minguem fala nada nem o pessoal””risadinhas”””” da foto ………..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *