DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

No jornal Folha Noroeste, edição digital deste sábado, a principal manchete destaca a live prevista para este sábado, com alguns artistas locais, com o objetivo de ajudar o Lar dos Velhinhos de Jales. A notícia diz que “duplas e cantores de Jales e da região estão sendo muito solidários com as pessoas que sofrem as consequências da pandemia”. E completa informando que “os cantores, Bruno e Ed Carlos, Zé Vitor e Matheus, Pablo Reis, Anderson e Guilherme Viola e Marcelo Zaia, convidam todos os seus fãs e seguidores para a Live do Bem, em prol do Lar dos Velhinhos São Vicente de Paulo, de Jales. O show será transmitido pelo canal do YouTube (perfil Alex & Mansueli), nesse sábado, 13 de junho, a partir das 14 horas”.

Destaque, igualmente, para o aniversário de dez anos da unidade de Jales do Hospital de Amor, inaugurada no dia 10 de junho de 2010. A notícia diz que a unidade de Jales foi a primeira filial do Hospital de Câncer – antigo nome da instituição – construída fora da cidade de Barretos. De acordo com o presidente da Fundação Pio XII, mantenedora do Hospital de Amor, para que o projeto de instalação da unidade de Jales se concretizasse, foi realizado um grande movimento na cidade e na região, com apoio de diversas lideranças políticas e comunitárias. Prata disse, também, que a instalação do hospital em Jales encorajou a instituição a ir mais longe. “Fomos para a Amazônia, centro-oeste, nordeste e agora estamos chegando a Palmas”.

Na coluna FolhaGeral, o expedito redator-chefe Roberto Carvalho, o Pestinha, comenta a recriação do Ministério das Comunicações pelo presidente Bolsonaro, que entregou a pasta a um deputado do fisiológico Centrão. Segundo o colunista, Bolsonaro estaria propenso a recriar, também, o Ministério da Segurança Pública e o Ministério do Trabalho “para entregar aos seus novos aliados”. O motivo para tanta bondade, seria a criação de uma base no Congresso para evitar alguma tentativa de impeachment. Roberto conclui seu comentário dizendo que “já existem eleitores bolsonaristas que começam a descrer na promessa de Bolsonaro de que tudo seria diferente”.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *