DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

folha-noroeste-24-12-16O jornal Folha Noroeste deste sábado está destacando a doação de uma Van,  entregue na sexta-feira da semana passada pela AVCC de Jales ao Hospital de Câncer. A Van foi adquirida com recursos arrecadados através de uma “Ação Entre Amigos” – ou seja, uma rifa – que sorteou uma moto zero quilômetro, doada pelo Grupo Arakaki, e um fusca preto. Além da Van, a AVCC entregou, também, alguns aparelhos cirúrgicos adquiridos com as sobras dos recursos obtidos com a rifa. O diretor da Fundação Pio XII, Henrique Prata, participou do evento e elogiou a iniciativa da AVCC de Jales.

Destaque, igualmente, para a reunião realizada no gabinete do prefeito Pedro Callado, na segunda-feira, 19, da qual, além do alcaide, participaram também o presidente da Câmara, Tiquinho, e o empreiteiro Rafael Luís Coelho, da Coelho Engenharia. O empreiteiro mostrou detalhes do projeto “Nova Jales 2” que prevê a construção de 402 moradias populares, através do programa Minha Casa Minha Vida. O projeto conta com a participação da Cooperativa Habitacional dos Comerciários e com o apoio da Prefeitura de Jales.

Na coluna FolhaGeral, o redator chefe Roberto Carvalho – a quem eu encontrei fazendo compras no comércio jalesense, hoje pela manhã – criticou o prefeito Pedro Callado, que, segundo o colunista, se preocupou apenas em pagar contas. Roberto destacou, ainda, entrevista de Callado onde o prefeito citou a falta de recursos financeiros para justificar o não repasse de verbas para as entidades sociais de Jales, que estariam há seis meses sem ver a cor do dinheiro da Prefeitura.

3 comentários

  • Cássio Venturini

    Numa certa ocasião, estive conversando com o vigário geral da Diocese de Jales sp, o primo de um grande colega “José Augusto” conversa vai e vem disse ao padre Antonio de Jesus Sardinha, no momento certo, gostaria que você e o Bispo, faça uma visita a prefeitura, em questão da entidade vossa (SACRA) vão te enrolarem, fazer palhaçada, ….fui acompanhado de uma diretoria de uma entidade…cachorro era recebido melhor.

  • Olho vivo

    Seria preciso informar de como a prefeitura vai dar apoio a construtora para a execução das casas.
    Além disso, a cooperativa participaria de que forma? Certamente para dar credibilidade ao projeto pois como a construção está nas mãos de uma empresa desconhecida, existem riscos

  • Juqueti

    Se não paga e fica sem os materiais fornecidos pelos fornecedores crítica, aí se paga crítica pq tá pagando, vai entender jales. Se vier uma empresa aqui pra gerar 4 mil empregos vão reclamar pq isso trará mais trânsito, violência e demais consequências que o crescimento traz. Essa mentalidade do tá tudo errado sempre colabora pro não crescimento de Jales.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *