EM UMA SEMANA, PREFEITURA DE JALES É CONDENADA EM TRÊS AÇÕES

Neste final de semana, os leitores do jornal A Tribuna ficarão sabendo tudo sobre as três condenações sofridas pela Prefeitura de Jales, nos últimos dias, todas elas em segunda instância.

Num dos casos, nossa Prefeitura está sendo condenada a repassar R$ 470 mil ao Conselho Municipal da Criança e do Adolescente. Trata-se de uma herança do estadista Humberto Parini.

Em 2009 e 2010, por conta de sua briga com o ex-companheiro Murilo Pohl, Parini deixou de repassar as verbas destinadas nas leis orçamentárias para o Fundo Municipal da Criança e do Adolescente. A conta está chegando agora.

Tem, também, mais um caso curioso de Mesópolis, onde a filha do então prefeito, Otávio Cianci, prestou um concurso da Prefeitura de lá, em 2008, e foi aprovada. O Tribunal de Contas julgou a admissão dela ilegal. Os motivos estarão em A Tribuna deste final de semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *