FALTA DE VAGAS EM CRECHES DE JALES VAI PARAR NA JUSTIÇA. E TAMBÉM NA TELA DA TV

E o caso da falta de vagas nas creches de Jales, onde 290 crianças estão na fila de espera, chegou à tela da TV. A notícia é do G1:

A promotoria de Justiça de Jales (SP) determinou que a prefeitura providencie imediatamente atendimento de graça em creches da rede municipal ou conveniada a crianças entre 0 e 3 anos. A cidade tem quase 300 nomes na fila de espera por uma vaga.

A auxiliar de cozinha Samanta Alves da Silva tem três filhos, e o mais velho tem 3 anos. Há mais de dois meses, ela procura vagas em creches municipais de Jales para as crianças e não consegue. “Sempre falam para esperar, e estou esperanto até agora. E não tenho com quem deixar as crianças”, afirma a auxiliar de cozinha.

A faxineira Marilene Rodrigues também está atrás de uma vaga para a neta Ana Clara. Ela e a filha precisam trabalhar e não têm onde deixar a menina. “Quero trabalhar, minha filha também precisa trabalhar e precisamos de uma vaga para a minha neta”, diz Marilene.

Casos como estes foram denunciados ao Ministério Público e o promotor Horival Marques de Freitas Júnior decidiu ajuizar uma ação na Justiça. A ação foi julgada pelo juiz Fernando Antônio de Lima que determinou que a prefeitura garanta imediatamente as vagas para as crianças que estão na lista de espera das creches, seja na rede municipal ou em instituições conveniadas.

A notícia completa, incluindo o vídeo veiculado ontem pelo Tem Notícias, com entrevistas, pode ser vista aqui.

6 comentários

  • EU E ELE

    Com o dinheiro para construir as CRECHES e s ESCOLAS INFANTIS, a Domadora compra Celular,Calças para os Rodeios, Viagens sem necessidade e certo Secretário tentando contratar JAGUNÇOS para BATER no Presidente da Câmara. Isso é uma Vergonha e ainda esta querendo fazer os Jogos Regionais em Jales, sem falar que a maioria das Secretárias esta sem Secretários (A), pois ninguém quer essas BOMBAS nas mãos.

  • Anônimo

    Que vergoooonha!!! Nossa cidade na tv desse jeito??? Jales não merece essa administração que está aí….

  • Fabiana

    Cardosinho, um detalhe importante, e que parece estar passando totalmente despercebido, é que não basta criarem as vagas. É necessário toda uma “infra-estrutura” para que nossas crianças tenham espaço físico adequado e funcionárias em número suficiente para cuidar dos pequenos.
    Apenas colocar crianças sem observar esse detalhe importante, certamente resultará em crianças sem espaço para acomodação, funcionárias sobrecarregadas e aí, caso aconteça algum problema mais sério, teremos como reclamar??? Eu sinceramente me preocupo com isso. Acredito que nenhuma mãe, em sã consciência, ficaria feliz em apenas “garantir” uma vaga para seu filho. Espero que a justiça também atente para isso, com muito cuidado e atenção.

    • Você tem razão, Fabiana. Quando eu escrevi matéria para a Tribuna, sobre a falta de vagas, a principal reclamação das coordenadoras da creches era com relação à falta de funcionários. Em alguns casos, o espaço físico existe, mas não se pode matricular mais crianças por falta de funcionários.

  • marcelo carneiro

    Já morei em jales por vários anos mas percebi que a cidade nunca saiu do buraco e cada vez se afunda mais, eu senti que os vereadores desta humilde cidade só pensam mesmo em ganhar dinheiro e investir em suas fazendas mato grosso a fora e não estão nem ai para a população jalesense, por isto vazei antes que não desse mais tempo.

  • COBRA

    CARDOSINHO,BOM DIA É MUITO IMPORTANTE SUPRIR AS NECESSIDADES DE NOSSAS MÃES E CRIANÇAS,COM PESSOAL QUALIFICADO,CRECHES DE QUALIDADE,MAS TAMBEM PRECISA TER FISCALIZAÇÃO,CRECHE É PARA MÃES QUE TRABALHAM,E NÃO PARA MÃES QUE QUEREM SE LIVRAR DO FILHO E JOGAM A RESPONSABILIDADE PRO MUNICIPIO,QUEM PARIU MATHEUS QUE CUIDE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *