GERAÇÃO DE EMPREGOS: JALES FOI A PIOR DA REGIÃO NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2012

O Ministério do Trabalho divulgou, nesta segunda-feira, os números do emprego formal relativos ao mês de junho. No Brasil inteiro, foram criados 120.440 novos postos de trabalho, no mês passado. Mas o que interessa mesmo é sabermos os números de Jales.

E, segundo os dados do CAGED, em Jales foram abertos 67 novos empregos formais, o que representa o melhor resultado do ano. Apesar do “bom” resultado de junho, as estatísticas mostram que, entre as principais vizinhas, Jales ficou com a lanterna no primeiro semestre de 2012, no quesito geração de empregos.

Em seis meses, geramos 168 empregos com carteira assinada. Santa Fé do Sul gerou 282, Mirassol 581, Tanabi 790, Votuporanga 889 e Fernandópolis 980. Dos 168 novos empregos abertos em 2012, em Jales, a maioria (123) foi gerada pela Construção Civil, enquanto o Comércio (53) ficou em segundo lugar e a Prestação de Serviços (40) ocupou a terceira posição.

A Agropecuária, de seu lado, fechou 28 empregos. Já a performance da Indústria reflete o descaso da administração Parini para com  nossos distritos industriais: em seis meses, o saldo foi negativo, com 26 vagas fechadas.    

7 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *