JALES ABRIU 45 NOVOS EMPREGOS EM FEVEREIRO

Os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do ex-Ministério do Trabalho, divulgados ontem, 25, mostram que Jales produziu 45 novos empregos com carteira assinada em fevereiro, resultado de 296 admissões e 251 demissões registradas durante o mês. Os 45 novos empregos significam praticamente o dobro dos 23 abertos em fevereiro de 2018.

Dito assim, parece ter sido um bom resultado. Mas, se compararmos com as nossas principais vizinhas, não foi tão bom assim. Santa Fé do Sul, por exemplo, abriu 76 novos empregos formais, enquanto Votuporanga produziu outros 129. E Fernandópolis – pasmem! – gerou 928 novos postos de trabalho em fevereiro, resultado melhor inclusive que o de Rio Preto, onde foram abertos 805 novos empregos em fevereiro.

O setor do Comércio foi quem mais produziu empregos em Jales – 27 no total. Em Fernandópolis, a Indústria (571) e a Agropecuária (116) foram os setores que mais geraram empregos. Em Votuporanga, o setores de Serviços (80) e da Construção Civil (70) foram os maiores responsáveis pelo saldo positivo. E em Santa Fé do Sul, quem mais gerou empregos foi o setor de Serviços (34) e o Comércio (25).

Entre os pequenos municípios da microrregião de Jales, o melhor resultado, em fevereiro, foi de Paranapuã, que abriu 27 novos empregos. Na sequência, vieram Palmeira D’Oeste (20), Santa Clara D’Oeste (14) e Urânia (09).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *