JORNAL DE JALES: ESTELIONATÁRIOS DA INTERNET NÃO ESTÃO PERDOANDO NEM OS PADRES

Eis a capa do Jornal de Jales deste domingo, que está destacando o aumento das mortes no trânsito de Jales em 2019. De acordo com a matéria, o número de mortes no trânsito de Jales, incluindo as rodovias do entorno, foi o maior dos últimos cinco anos e sete vezes superior ao registrado em 2018. Durante o ano de 2019, foram registradas 14 mortes, das quais 09 nas rodovias que cortam o município e 05 nas vias municipais. Das 14 vítimas, pelo menos 08 eram motociclistas, enquanto 05 dirigiam automóveis e o último era um pedestre. A matéria informa, ainda, que em 2018 foram apenas 02 mortes, mas isso foi uma exceção, já que em anos anteriores o número de vítimas foi bem maior.

Destaque, igualmente, para a ação dos estelionatários que atuam via celular, dos quais nem mesmo os padres estão escapando. Foi o caso do padre Arnaldo Parminondi, aqui de Jales, que atendeu uma ligação de um golpista e acabou sendo lesado em cerca de R$ 15 mil. O padre teve que adiar uma viagem programada para o exterior, para tentar recuperar o dinheiro com ajuda da polícia e junto com as instituições financeiras que também foram vítimas. Ao jornal, o padre disse que “hoje em dia os golpistas não precisam da sua autorização e muito menos dos seus documentos para praticar golpes pela internet”.

O início do plantio de mudas visando a recuperação do bosque municipal, que teve 70% de sua vegetação destruída por um incêndio, no ano passado; o prazo para pagamento da 1ª parcela dos impostos municipais – ITU e IPTU – que, por conta de atraso na confecção dos carnês, foi estendido para o dia 20 de fevereiro; as revelações de um professor aposentado sobre o aeroporto de Jales; e o sucesso do primeiro ‘Sarau no Ponto’ do ano, realizado no domingo passado, são outros assuntos do JJ, que traz, ainda, uma entrevista com o professor Edson Resende, que aproveitou a Missão Univida Amazônia para ensinar artes marciais a indígenas.

Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior está informando que o Ministério Público Federal de Jales, através do procurador José Rubens Plates, e a OAB local, através do presidente Marlon Livramento, já tiveram uma conversa preliminar visando promover em Jales um simpósio sobre eleições municipais, reunindo também as comarcas de Urânia e Palmeira D’Oeste. O objetivo seria informar os pré-candidatos a prefeito, vice e vereadores dos municípios que integram as três comarcas, sobre as novas regras eleitorais. Segundo Deonel, se tudo der certo, uma das palestras será sobre fake News, ou seja, notícias falsas, a grande praga das redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *