JORNAL DE JALES: TIAGO ABRA DIZ QUE NÃO VAI DESISTIR DE AÇÃO CONTRA AUMENTO DO IPTU

Eis a capa do Jornal de Jales deste domingo, cuja principal manchete destaca o julgamento do mandado de segurança impetrado pelo vereador Tiago Abra(PP) contra a lei que autorizou o reajuste de 22,07% no valor venal dos imóveis urbanos e, por tabela, autorizou o reajuste do IPTU. O juiz Nóbrega Curitiba, da 3ª Vara, decidiu arquivar o mandado de segurança, em sentença que acompanha  decisão do desembargador Spoladore Domingues, para quem a lei só poderia ser contestada através de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade. Segundo o jornal, o vereador disse que não vai desistir e já está preparando o pedido de ADIn para levar ao Ministério Público.

Destaque também para o setor policial e para a grande mobilização da Polícia Militar na quarta-feira, 23, que resultou no cerco e na prisão de três pessoas – ou, no jargão policial, de três elementos –  acusadas de assaltar a agência dos Correios de Paranapuã. Os policiais flagraram os assaltantes em uma casa no meio do mato, aparentemente abandonada, onde eles estavam dividindo a grana roubada. Por se tratar de assalto praticado contra patrimônio do governo federal, os três meliantes foram entregues aos cuidados da Delegacia da Polícia Federal de Jales.

O desmentido do Cartório Eleitoral sobre boato espalhado nas redes sociais, onde se dizia que os eleitores teriam que pagar R$ 150,00 para fazer a biometria; a repercussão, na TV, do trabalho desenvolvido pela Escola Livre de Teatro de Jales; o estudo que está sendo feito pela Prefeitura para melhorar o trânsito da cidade; a visita que o ex-ministro da Previdência, Carlos Eduardo Gabbas, fez a Jales para falar das maldades da reforma previdenciária; e a 1ª Mostra Cultural Solidária promovida pela EE “Euphly Jalles”, com apresentações de música, dança e teatro infantil, são outros assuntos do JJ.

Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior está informando que a deputada Analice Fernandes(PSDB) estava visivelmente emocionada quando chegou à Santa Casa de Jales, na sexta-feira, 17, para confirmar a liberação de recursos – R$ 240 mil – para o hospital. Ela tinha acabado de ficar sabendo, através do prefeito Flá, que o galpão multiuso construído para abrigar os ensaios da nossa orquestra sinfônica vai ser batizado, por sugestão do vereador Bismark Kuwakino, com o nome de Avenir Fernandes, pai da deputada, recentemente falecido.    

6 comentários

  • Mais um aumento de IPTU?

    Depois que o advogado do vereador Tiago Abra perdeu a ação porque entrou com mandato de segurança quando deveria ser ADIN. Burrice? O aumento vem nos carnes de IPTU!
    Agora o prefeito ganha R$ 2,5 milhões de verbas para recapeamento asfáltico dos deputados Maluf(PP), Mudalen(DEM), Freire(PR) e Baleia Rossi(PMDB), sendo que a metade é de seu padrinho e secretario de governo Rodrigo Garcia(DEM)
    Rodrigo Garcia postula ser candidato pelo DEM a vice de Alckmin a presidente ou até mesmo a vice de Dória a governador. Faz parte do esquema de Alckmin com Rodrigo Maia.
    Dizem que Flá tirou fotos aéreas da cidade (através de drone ou avião) para avaliar os aumentos de área nas residencias da população. Muita gente aumentou a sua casa e até construiu piscinas. O que certamente vai aumentar o IPTU

  • Eleitor

    Demagogia e perda de tempo. O projeto de lei tramitou regularmente e foi aprovada por unanimidade (inclusive com o voto dele). Em seguida foi sancionado e publicado, A sua constitucionalidade vai ser ser reconhecida, caso seja submetido a justiça. Litigante de má fé, o nobre vereador pode ser processado e ainda perder o seu mandato por falta de decoro parlamentar.

  • Grobo

    E saudade da Muié como disse o camarada Gilbertão.

  • Cowboy do asfalto

    Então estamos mudando o foco da discussão e “aplaudindo” o aumento de impostos?
    A administração municipal deveria começar dando o exemplo e reduzindo seus custos e despesas.
    Oferecendo mais serviços à população e tendo a iniciativa, como por exemplo, conservando as praças públicas e os terrenos de propriedade do município.
    Depois de feito o “dever de casa”, concordo em discutir o aumento de impostos.
    O que está acontecendo em Jales é uma inversão de valores, e a conta será bem amarga para todos nós.

    • Sem dinheiro e os buracos

      COWBOY DO ASFALTO
      Concordo com você.
      Porem tem muitos proprietários de “mansão com piscina” que pagam impostos de “casebre” alem disso
      há fraudes no valor da escritura para pagar menos ITBI.
      Como também declaram valores baixos de suas casas para pagarem menos IPTU.
      Como exigir que a prefeitura tenha dinheiro para resolver os nossos problemas com os valores das casas defasados logo, em função disso, o prefeito dirá “não tem dinheiro”.
      Sem dinheiro, temos uma cidade esburacada que nos dá vergonha

  • Meketrefe

    CDHU também faz rancho na beira do rio?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *