SANTA CASA SE MOBILIZA PELO REAJUSTE DA TABELA DO SUS

A notícia é da Vívian Curitiba, assessora de imprensa da Santa Casa de Jales:

Num ato de protesto, funcionários da Santa Casa de Jales e representantes de entidades do município farão uma passeata pela Avenida Francisco Jalles, no dia 10 de outubro, às 10h, numa grande mobilização pelo reajuste de 100% da tabela do SUS (Sistema Único de Saúde). Os manifestantes estarão usando uma camiseta preta com a frase “Tabela SUS: Reajuste Já!”.

A idéia de mobilização teve início no dia 10 de setembro, em reunião realizada em Votuporanga com 50 representantes de Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado de São Paulo (FEHOSP). Na ocasião, buscava-se uma solução junto aos governantes para a difícil situação enfrentada pelo setor no Brasil.

O movimento “Tabela SUS: Reajuste Já!” foi adotado por muitas Santas Casas do estado de São Paulo, tendo adesão até por entidades de outros estados e deverá ser realizado simultaneamente em cada cidade. “Depois que assumi a provedoria na Santa Casa de Jales, tenho acompanhado as dificuldades que os hospitais enfrentam e acredito que só este movimento de união será capaz de reverter o estado financeiro crítico em que se encontram as instituições, chamando a atenção dos governantes”, destacou o provedor da Santa Casa de Jales, José Pedro Venturini.

Após a passeata, um documento será entregue pela FEHOSP à Presidência da República, pedindo o reajuste de 100% da Tabela SUS para os procedimentos ambulatoriais e hospitalares e a resolução, por parte do Governo Federal, das dívidas já constituídas pelos hospitais em decorrência da defasagem da tabela. Só para se ter uma idéia, numa cirurgia de vesícula o SUS paga R$447,16, enquanto a média paga por outros convênio é de R$1450,96, totalizando um déficit de R$1003,80 para o hospital.

Outro dado divulgado pela Frente Parlamentar de Apoio às Santas Casas e Entidades Filantrópicas da Câmara dos Deputados aponta que a cada R$100,00 gastos com pacientes internados pelo SUS, apenas R$65,00 são pagos pelo sistema público.

A Provedoria da Santa Casa de Jales aproveita a oportunidade para convidar todos os comerciantes a fecharem as portas de seus estabelecimentos por um instante, no momento da mobilização, como forma de apoio ao protesto. 

2 comentários

  • PARA RESOLVER O PROBLEMA O REAJUSTE DEVE SER REALIZADO NA TABELA , NÃO ESTAMOS FALANDO DE ISENTIVO ,ESTAMOS FALANDO DE REAJUSTE , DINHEIRO TEM , FOI O QUE A SRª DILMA DISSE ONTEM , UM TRILHÃO DE REAIS COM O LEILÃO DAS PETROLEIRAS ,TENHO VERGONHA DE OUVIR DA PRESIDENTE DA REPUBLICA QUE APENAS 4% DO PIB SÃO DESTINADOS A SAÚDE E EDUCAÇÃO , ENQUANTO QUE AS PENCÕES POR MORTES TOMAM 3% DO PIB NACIONAL. BRASIL !!1

  • QUI TAL CONTRATUALIZARMOS O PLENÁRIO , ASSEMBLEIA , E A PRESIDÊNCIA , DERREPENTEMENTE ATE FUNCIONARIA , MAIS ONDE FUNCIONARIA MESMO SERIA NAS OBRAS DAS ARENAS DA COPA DO MUNDO , JÁ PENSOU !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *