SERVIDOR PÚBLICO QUE APLICAVA GOLPES EM FIÉIS DA IGREJA PODERÁ SER DEMITIDO DA UPA DE JALES

DSC01264-ed

A notícia está pendurada no portal da Rádio Assunção:

O funcionário do Consirj (Consórcio Intermunicipal da Saúde da Região de Jales), A.R, de 39 anos, morador no Jardim Oiti, que foi indiciado pela polícia civil por estelionato em nome de entidades assistenciais e religiosas de Jales, poderá ser demitido do Upa.
 
O Consórcio abriu um processo administrativo por meio de uma comissão interna, para decidir o futuro do funcionário concursado para a função de recepcionista da UPA-24 horas de Jales-SP, que praticava golpes em fiéis da igreja pedindo dinheiro em proveito próprio.

Devido à gravidade do delito do funcionário do Consirj, o coordenador do Consórcio Noberto Pelisson, não descarta a possibilidade de o enfermeiro ser demitido. 

O rapaz foi afastado temporariamente do serviço pela direção do Consirj. A sindicância interna, instalada nesta quarta-feira, terá trinta dias, prorrogáveis por mais trinta, para apresentar seu relatório conclusivo.

15 comentários

  • Perturbado

    Quem é esse cara alguém. Pode dizer o nome… Pq esconder o nome de malandro?

  • pq demitir só esse que dá golpe só nos fieis , demitam os políticos que dão golpe no país inteiro ,afinal o que mais as igrejas fazem é dar golpes nos fiéis ,ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão. Esse país é uma piada sem um pingo de graça.

  • Enfermeira

    Gente,mais quanta informação inadequada,o funcionário citado NÃO é enfermeiro, e atualmente trabalha como tarme (atende telefones)no Samu , que pertence ao Consirj!!!!!

    • João ninguem

      Relaxa, já sabemos que as informações desse blog são todas erradas…

      • Eu reli a notícia da Rádio Assunção e não consegui ver onde está escrito que o rapaz é enfermeiro. Quanto às informações, recomendo que acessem o site da Rádio Assunção e ouçam a entrevista do coordenador administrativo do Consirj.

        • João ninguem

          Devido à gravidade do delito do funcionário do Consirj, o coordenador do Consórcio Noberto Pelisson, ((((((((((((não descarta a possibilidade de o enfermeiro ser demitido.))))))))))

          Você repassa a noticia e não sabe onde ta escrito? PQP em

        • Anselmo.

          “Devido à gravidade do delito do funcionário do Consirj, o coordenador do Consórcio Noberto Pelisson, não descarta a possibilidade de o enfermeiro ser demitido”….

          Seu blog é que está dizendo que o moço era enfermeiro.

          • Quem está dizendo que o moço era enfermeiro é a notícia da Rádio Assunção. Antes, porém, a mesma notícia diz que o rapaz é “concursado para a função de recepcionista da UPA-24 horas de Jales-SP”. De qualquer forma, o importante na notícia é a informação de que foi instalada uma sindicância interna para apurar o caso e que o rapaz poderá ser demitido. O resto é detalhe.

  • pedrinho

    Foi preso na manhã de ontem o homem acusado de praticar golpes na cidade de Jales utilizando entidades assistenciais e religiosas do município.

    Sua prisão se deu não pelos crimes de estelionato, os quais ele responde em liberdade, mas sim por ter sido pego em flagrante após furtar duas bermudas em uma loja da cidade.

  • Contradiçao do Brsil

    Os politicos do governo estao dando golpe a 13 anos de milhoes e nao sao presos pois tem gente no blog que os defende
    Agora, um coitadinho da’ uns golpinhos
    Vai preso

  • andreia

    ele fazia isso porque tem uma doença que é a adicção, viciado em drogas e ninguem faz nada por ele nem mesmo o proprio consirj

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *