SOBRE A CONSCIÊNCIA AMBIENTAL DOS URUBUS

DSC00613

Há vários anos que, aqui na Rua Iugoslávia, o caminhão da coleta de lixo passa às terças, quintas e sábados, mas, ao que parece, pelo menos um morador ainda não percebeu isso.

É comum às quintas-feiras, duas ou três horas depois da passagem do caminhão, o vizinho colocar seu lixo na calçada, o qual só vai ser recolhido no sábado, não sem antes ser revirado por alguns cães. Com um detalhe: o cidadão não coloca o lixo na calçada dele, mas na calçada de outro vizinho.

DSC00612-pqNeste final de semana, no entanto, parece que ele decidiu inovar. Logo no domingo pela manhã, a calçada amanheceu com restos de peixes, acondicionados em uma sacola de plástico. À noite, quando fui dar uma volta com o cachorro e passei pelo local, o mau cheiro já era dos mais consideráveis.

Tanto que hoje, na hora do almoço, as carcaças dos peixes atraíram dois DSC00610-pqurubus, como se pode ver nas fotos. Os dois Coragyps atratus – que é como são chamados cientificamente os urubus – tiveram alguma dificuldade por conta do sacola, que estava fechada, mas, ao final, banquetearam-se à farta.

Tudo, porém, tem seu lado positivo: depois de observar a limpeza que eles fizeram, cheguei à conclusão de que os urubus têm mais consciência ambiental do que muita gente.

9 comentários

  • Fabiana

    Quando eu morava na Cohab JACB eu sempre ficava indignada com uma situação que se repetia quase que diariamente. Ao dar umas voltas pelo bairro com meu pequeno, a quantidade de pessoas que jogavam sacolinhas de lixo às margens da rodovia. Eu até dava uma olhada com expressão de indignação, mas nunca tive coragem de falar nada.
    É vergonhoso o que certos moradores fazem nessa nossa cidade.

  • Cara pálida

    Depois dizem que parte importante da população está intolerante com o PT, com a Dilma e com a classe política.
    O que se faz numa situação dessas? O cidadão acha que tirando o “seu lixo” e colocando na esquina, o problema não é mais dele, e sim do poder público.
    Sabe o que deve ser feito? É só pegar as sacolas de lixo e jogar sobre o portão da casa desse infeliz mal educado e pronto.
    Estamos chegando num momento em que certas pessoas precisam receber um “choque” de realidade para desconfiarem.
    No caso desse seu vizinho Cardosinho, o que ele precisa é de um troco à altura, só e nada mais que isso.

  • Neilor Bogas " Justiceiro"

    Fico indginados com esses mal educados! Queria ter o poder do rebengue, não apoio esta atitude é farei justiça

  • MANÉ É MANÉ

    Aqui no jd. pires de andrade, na rua antonio pelarini também ocorre a mesma situação…
    vou tirar algumas fotos e enviar ao blogueiro….
    complicado viu….
    tem limpar a b—- na maçaneta da porta….nãooooo é possívelllllll

  • Pertubado

    Kkkkk. Esse neila é uma piada kkkk… Poder do rebengue? Kkkk

  • Texas Billy

    A probreza de espírito e a falta de educação são os piores obstáculos para o desenvolvimento de nosso Brasil.
    Não adiante multar, tem que jogar o lixo de volta na casa do infeliz, todas as vezes que ele fizer isso.

  • anonimo

    Chama o dr. Pedro GoGó……………ou o Traíra Abra..kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • anonimo

    o jd Pires não é próximo a casa do prefeito? Então tá fácil! Leva a porcariada na frente da casa dele.

    Vamo trabaiá DR. Pedro GoGó. Prefeitura não é Fórum, omi!

  • Sidinei Aldrigue

    Na Rua 15, esquina com a Dirce Libano dos Santos, no Jardim América, esta falta de educação também ocorre, e o lixo é colocado na calçada da “Escola do Prata”. Cadê a Direção?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *