AABB E PREFEITURA: UMA PARCERIA QUE PODERIA TER DADO CERTO

A nossa Associação Atlética Banco do Brasil AABB, já foi um dos clubes mais movimentados destas plagas. Localizada na Avenida Francisco Jalles, principal via da cidade, ela hoje está praticamente entregue às moscas. Ou aos mosquitos. O cenário é de abandono, como demonstram as fotos de uma das calçadas do clube. Mas esse não é um problema só da AABB de Jales. As dificuldades são as mesmas em quase todas as AABBs do Brasil, e elas decorrem do esvaziamento do Banco do Brasil que, em outros tempos, tinha muito mais funcionários e muito mais associados.

Em Jales, talvez o cenário pudesse ser diferente, se a Associação e a Prefeitura tivessem feito uma parceria do Programa AABB Comunidade, da Fundação Banco do Brasil. Mais de quatrocentas prefeituras do Brasil inteiro fecharam essa parceria para utilização das AABBs, envolvendo, até um tempo atrás, cerca de 4.000 educadores e 53.000 crianças e adolescentes. Menos em Jales, é claro, onde temos uma AABB bem localizada e cheia de espaços ociosos, com quadra poliesportiva e piscinas quase sem utilização, mas, em compensação temos também um prefeito sem muita iniciativa.

O objetivo do AABB Comunidade é contribuir para a inclusão social, a não repetência e a permanência na escola de crianças e adolescentes com idade entre 07 e 18 anos, desde que estudantes da rede pública. Todo o material e a estrutura necessária são fornecidos pela Fundação Banco do Brasil. Basta que as prefeituras tenham vontade de participar. Há alguns meses, fiquei sabendo que a nossa  primeira-dama estava interessada em instalar uma de suas obras sociais na AABB, mas parece que até ela – que é muito mais proativa do que o marido – desistiu da idéia. Também pudera, a nossa primeira-dama agora é uma empresária e, como tal, deve estar dedicando boa parte do tempo aos negócios de sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *