APÓS XINGAR ADVOGADO NA TV CULTURA, DIOGO MAINARDI PEDE DEMISSÃO DO MANHATTAN CONNECTION

A notícia é do portal da Forum:

O jornalista Diogo Mainardi anunciou que pediu demissão do programa Manhattan Connection, na TV Cultura. Em nota publicada nesta terça-feira (4) no site O Antagonista, Mainardi disse que desde a exibição do último programa, quando xingou o advogado criminalista Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, a emissora estava pressionando os produtores da atração, por isso resolveu pedir demissão.

“Desde a quarta-feira da semana passada, quando xingou lulista Kakay, a TV Cultura estava pressionando os produtores do Manhattan Connection, a fim de que tomassem alguma medida contra mim. Para preservar o programa, resolvi pedir demissão, que foi aceita de bom grado pela diretoria da emissora”, disse.

Na última edição do Manhattan Connection, Mainardi foi extremamente grosseiro com Kakay que havia sido convidado a participar do programa. No final da entrevista, o jornalista disse para o advogado: “Como diria Olavo de Carvalho, vai tomar no cu”.

O tratamento dispensado a Kakay gerou diversas críticas. “Acho que além de deselegante e grosseiro, o Mainardi mostrou-se incapaz de figurar nos quadros da emissora, por não saber, principalmente, conviver com posicionamentos diferentes do seu. O repúdio é à grossura e à visão pouco democrática do Diogo”, afirmou Ricardo Ramos Filho, membro do Conselho da TV Cultura.

Apesar do pedido de demissão, Mainardi seguiu com a grosseria em sua nota. “Fiz grandes amigos nesses 17 anos. Obrigado, Lucas, Caio, Pedro e Angélica. E vai tomar no c…, Kakay”, finalizou.

2 comentários

  • Kakai, o advogado mercenario

    Em trinta anos de profissão, kakay já defendeu dois presidentes (José Sarney e Itamar Franco), um vice (Marco Maciel), cinco presidentes de partido (simultaneamente), quarenta governadores (em períodos diversos), dezenas de parlamentares (atualmente são quinze senadores) e uma penca de ministros (no governo de Fernando Henrique Cardoso foram treze; no de Luiz Inácio Lula da Silva, três; no de Dilma, dois).
    Kakay já tinha mostrado todo o desprezo na entrevista. Quando foi questionado sobre suas posições, começou a chamar o Mainardi de humorista pra não ter que responder às perguntas. Essa é a velha tática de gente como Kakay.
    Depois de chamar Mainardi de burro (sem inteligência). Kakay foi ofendido!

  • É tudo muito composto. Espero que o problema seja resolvido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *