BRASIL É RECORDISTA EM MORTES DE TRABALHADORES DE ENFERMAGEM E MÉDICOS POR COVID

A notícia é da Rede Brasil Atual:

Manifestações presenciais e virtuais em diversos estados brasileiros foram realizadas neste domingo (21), em solidariedade aos trabalhadores e trabalhadoras da saúde.

O Brasil é recordista mundial em mortes de profissionais de enfermagem pela covid-19. De acordo com o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), foram registrados mais de 200 óbitos até o dia 19 de junho. Em média registrada em março, são duas pessoas mortas por dia. No caso dos médicos, não é diferente: cerca de 140 óbitos, segundo o Sindicato dos Médicos de São Paulo (Simesp).

Os atos foram organizados por entidades ligadas ao setor, como Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares e Associação Brasileira de Médicas e Médicos pela Democracia.

O Mídia Ninja mostrou o ato em Defesa da Vida, da Saúde, do SUS e da Democracia, em Fortaleza, e em repúdio a Bolsonaro e seu projeto de necropolítica. A manifestação prestou solidariedade aos familiares dos que perderam seus entes queridos e aos profissionais de saúde que perderam suas vidas ao tentar salvar vidas.

O protesto foi realizado no Aterrinho da Praia de Iracema, respeitando o distanciamento social seguro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *