CHINESES PAGAM ATÉ 6 MIL DÓLARES POR MULHERES VIRGENS

Na China, onde existe um rígido controle de natalidade, os casais têm preferência por filhos do sexo masculino, o que está levando o país a um desequilíbrio entre homens e mulheres. A notícia é do portal da Veja:

O desequilíbrio de gêneros na China obriga os 18 milhões de solteiros chineses a viajar para países como o Vietnã e Brunei em busca de mulheres, as quais chegam a valer 6.000 dólares (10.260 reais) se forem virgens.

Os abortos seletivos de meninas na sociedade também agravam a situação de desequilíbrio. A perspectiva é que em 2020, a China tenha 24 milhões de pessoas solteiras, já que para cada 116 homens nascem 100 mulheres – no resto do mundo, a proporção é de 103 ou 107 homens para cada 100 mulheres. Por conta dessa situação, alguns solteirões chineses optam por viajar para nações vizinhas para encontrar suas candidatas. No Vietnã, existem agências especializadas em oferecer mulheres a partir de 900 dólares (mais de 1.500 reais). Detalhe: o cliente ainda leva uma garantia que varia de três meses a um ano, para o caso de fuga.

Para as vietnamitas, que são as mais cotadas, casar-se com chineses significa fugir da pobreza e da baixa posição social – eles são vistos como fonte segura de vida confortável, a mesma imagem que as chinesas têm dos americanos por exemplo. Na visão delas, os chineses são ricos e, por isso, aceitam se casar imediatamente. Por sua vez, os homens chineses também optam pela compra de mulheres para não precisar corresponder às inúmeras exigências das chinesas, que procuram homens que ofereçam pelo menos uma casa, um veículo e um salário fixo elevado.

A notícia completa pode ser lida aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *