CIDADE DO PIAUÍ SUSPENDE COMEMORAÇÕES DO ‘DIA DO ORGASMO’

O vereador Rivelino Rodrigues(PPS) confessou, ontem, durante a sessão da Câmara, que não gostou da atuação da Prefeitura de Jales que, na comemoração dos 70 anos da cidade, suspendeu aquela costumeira “alvorada de fogos”. Vejam, porém, que existem casos piores: no Piauí, terra do Edivaldo Paz Landin, suspenderam o “Dia do Orgasmo”. A notícia é do Extra on Line

Era para ter muita festa, já que nesse domingo foram completados os dez anos de existência do Dia do Orgasmo em Esperantina, uma cidade de 48 mil habitantes e a 186 quilômetros de Teresina, no Piauí. Mas o clima na cidade é de frustação: a comemoração do Dia do Orgasmo foi suspensa.

O prefeito da cidade, Jânio Aguiar (PSB), disse que apesar da data ter sido aprovada pela Câmara dos Vereadores e promulgada pelo prefeito da época, Felipe Santolia (DEM), este ano a Prefeitura está enfrentando dificuldades financeiras. O município tem que socorrer 90 famílias atingidas pelas enchentes e vive uma instabilidade jurídica, já que o próprio prefeito não sabe até quando fica no cargo. Ele assumiu no dia 13 de abril, após a cassação do prefeito Francisco Antônio (PT) por abuso do poder econômico e social.

– Eu concordo com o Dia do Orgasmo, vinham muitos médicos e especialistas dar palestras sobre saúde, sexualidade e prazer e a população já estava se esclarecendo sobre um tema que é tabu, mas não temos dinheiro e precisamos cuidar dos alagados – falou Jânio Aguiar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *