COM BOLSA DO PROUNI, FILHO DE PEDREIRO COM CATADORA DE CASTANHAS SE FORMA EM DIREITO

filho-de-pedreiro-e-catadora-se-forma-em-direito-e-homenageia-pais-no-pi-1442271686108_615x300

A notícia é do UOL:

Filho de pedreiro e de catadora de castanhas, o estudante de direito Ismael do Nascimento Silva, 25, emocionou quem estava presente na colação de grau dele ocorrida em Teresina (PI), na noite da última sexta-feira (11). O jovem subiu no tablado da área de entrega do diploma carregando um banner destacando a origem humilde da família. “O filho do pedreiro com a catadora de castanhas também venceu”, dizia a faixa com a hastag #MeusPaisMeusHeróis.

A história de superação de Silva ganhou as redes sociais no fim de semana com a divulgação das fotos da formatura pela empresa que registrou as imagens. A fotografia dele com a faixa está com centenas de compartilhamentos e mensagens parabenizando-o pela conquista.

(…)

“Meus pais me deram oportunidade para que eu conseguisse me formar em direito. Apesar de não terem condições, me deram assistência financeira para me manter no curso. Os dois entraram na colação de grau comigo porque são meus maiores exemplos de humildade, honestidade, dedicação e amor”, afirmou o novo advogado.

A mãe dele cursou até o 3º ano do ensino fundamental e o pai até o 1º ano do ensino médio. Silva é o primeiro da família a concluir um curso superior. “Eles estão muito orgulhosos e eu também porque passei no exame da OAB quando estava no 9º período.” No dia 11 de agosto, ele recebeu a carteira da ordem para poder exercer a profissão já depois da formatura.

“Minha vida não foi fácil. Aos 10 anos comecei a trabalhar para ajudar a minha mãe, pois meus pais são separados. Vendi ‘sacolé’, espetinho de carne, milho cozido. As dificuldades financeiras me incentivaram a estudar. Estou na metade do meu projeto de vida ainda, com essa formatura, mas ainda quero passar num concurso público para ter estabilidade e organizar a vida financeira da minha família”, contou Silva.

Ele cursou direito em uma faculdade particular em Teresina como bolsista do Prouni (Programa Universidade para Todos), do Ministério da Educação. Para pagar o transporte, os livros e demais materiais durante o curso, o estudante conseguiu uma vaga como instrutor de Badminton num clube próximo à faculdade.

“Tinha dias em que eu não tinha sequer o dinheiro da passagem de ônibus. Como eu saía cedo da manhã para estudar na biblioteca, já ficava para as aulas do curso à tarde. Ficava sem me alimentar até chegar em casa à noite. No segundo ano, a dona da cantina soube da minha história e eu passei a almoçar de graça. Além da minha força de vontade, sempre tive pessoas que me ajudaram, como meus pais, os colegas da turma, professores e anjos que iam surgindo a cada vez que aparecia algum obstáculo”, conta o advogado.

29 comentários

  • Anônimo

    Uai hj pedreiro ta ganhando mais doque muito Adv!!!!

  • desinformado

    ALGUÉM PODE ME DIZER QUE LUGAR MARAVILHOSO É ESSE?

  • gato pingado

    grande merda . na onde esse indiviso vai trabalhar o pt acabou com as frente de trabalho

  • Anônimo

    Cardosinho o seu blog esta ficando chato, Comente sobre a charge do charles hebdo sobre a criança siria afogada ao inves de petralhices.

  • dinheiro do Prouni acabou

    Ha muito tempo que os pedreiros ganham bem. em torno de R$ 150/dia, porem somando ao salario da esposa como catadora realmente da’ para ele se formar principalmente se o estudante trabalhar
    A unica despesas maior neste curso sao os livros que ele pode “pegar” na biblioteca alem disso o curso foi financiado pelo governo com o dinheiro do contribuinte
    Essa e’ uma propagando do PT mas quem pagou fomos nós, atraves de uma altissima carga tributaria que esta’ aumentando
    Ainda bem que ele ja’ se formou pois o dinheiro do Prouni ja’ acabou, este ano e o proximo

  • anonimo

    Danilo Roger de Lima Criado , filho de um ajudante de pedreiro e ex aluno da escola Euphly Jalles tambem se formou em Medicina no Rio de Janeiro graças ao Prouni do governo federal.

  • Jalesense

    Dinheiro do Prouni Acabou, não é demérito nenhum, trabalhar como pedreiro, pois é uma profissão digna e se não fosse os pedreiros não existiriam casa e nem apartamentos para se mora, o problema é ser um João Ninguém igual a você com essas idéias racistas, fascista e capitalista. Por que não tenta trabalhar você de pedreiro e sua mulher catadeira de castanhas um dia só seu burguês e se a esposa do pedreiro, trabalha como catadora de castanhas, mas digna é essa família e muito mais honroso e digno é esse rapaz, ao se formar em Direito , coisa que na época dos coxinhas ninguém conseguia a não ser filhinho de papai.
    E se o mesmo usou livros da biblioteca de sua escola ou faculdade é sinal que esse ser humano, será um grande profissional na sua área, pois com o sacrifício dos pais, o seu e com a ajuda do Prouni criado pelo governo, isso sim é um exemplo para a sociedade brasileira, como perseveração, honestidade, educação,estudo ,vontade e qualidade, o que não é o seu caso que só sabe criticar através de sua inveja, ódio e racismo, pois meu caro as classes sociais menos favorecidas, agora tem os mesmo direitos e igualdade, a de tipinhos de sua classe. E se esse dinheiro foi usado pelo governo dos contribuinte, isso é obrigação do governo criar igualdades, para todos, e os elementos do seu naipe que só vivem fugindo de pagar impostos, que é sua obrigação e duvido muito que és um contribuinte honesto, pelas suas idéias. Amigo os impostos são para isso mesmo, serem aplicados na educação, saúde etc…. e os burguese, fascista e capitalista iguais a ti são os que menos contribuem e para seu entendimento o Brasil é um dos país que a tributação é menor, procure se informa. E o Prouni continua, leia abaixo seu racista:

    O Prouni é um programa do Ministério da Educação que concede bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de ensino superior. O programa já beneficiou mais de 1 milhão de alunos desde sua criação em 2005.
    FIQUE SABENDO
    O QUE ESTÁ ACONTECENDO AGORA? – PROCESSO SELETIVO 2º2015
    VAGAS REMANESCENTES 2º 2015
    11/08/2015 Inscrições abertas a partir desta data.
    31/08/2015 Prazo final para inscrição de candidato ainda não matriculado na instituição de educação superior em que deseja se inscrever. Comprovação das Informações: Saiba quais os documentos e para onde enviá-los.
    01/12/2015 Prazo final para inscrição de candidato já matriculado na instituição de educação superior em que deseja se inscrever.

    • dinheiro do Prouni acabou

      JALESENSE
      Nao encha o meu saco com seu fanatismo petista pois so’ me preocupo com os estragos e roubalheiras que voce fizeram, no governo, e agora temos que pagar

  • Jalesense

    Dinheiro do Prouni Acabou, continue a ler e veja se realmente o Prouni acabou, deve ter acabado na mente dos que tem QI. 0, igual a você seu Racista, acima tens outro exemplo: filho de ajudante de Pedreiro e ex aluno do Euphly Jalles tornou-se Médico:–

    Prouni 2016, Inscrições e Resultado, Programa Universidade Para Todos de A a Z
    Vagas remanescentes ProUni 2015 segundo semestre: Estão abertas as inscrições para o processo seletivo que distribui bolsas de vagas remanescentes do ProUni 2015.2 – Programa Universidade para Todos. O término do prazo de inscrição depende da situação do estudante, se está ou não matriculado em uma instituição de educação superior. As inscrições devem ser feitas exclusivamente via internet, na página do Programa.
    O processo seletivo das vagas remanescentes do ProUni 2015 segundo semestre consiste na distribuição das bolsas que ainda restaram após o término do processo de seleção regular realizado recentemente. Podem concorrer às vagas estudantes que ainda não estão matriculados ou até mesmo quem já estuda nas instituições com bolsas disponíveis.

    Período de inscrição ProUni 2015.2 vagas remanescentes

    Vagas Prouni 2015
    Vagas Prouni 2015
    Assim como nos processos seletivos regulares, as bolsas oferecidas são parciais e integrais. As inscrições para vagas remanescentes do ProUni 2015.2 já se encontram abertas no site http://siteprouni.mec.gov.br/. Os estudantes precisam se ater às seguintes condições para o fim do prazo:

    Para o estudante não matriculado na instituição de educação superior (IES): até o dia 31 de agosto;
    Para o estudante matriculado na IES: até o dia 01 de dezembro deste ano.
    Caso o estudante que já esteja matriculado na instituição de ensino não encontrar vagas disponíveis para o próprio curso, ele terá a opção de se inscrever em um curso de área afim disponível na mesma faculdade e, posteriormente, transferir a bolsa para o curso em que já está regularmente matriculado.

    Requisitos ProUni 2015 Segundo Semestre Vagas Remanescentes

    No geral, os requisitos do ProUni 2015.2 vagas remanescentes são idênticos aos das chamadas regulares do Programa. A renda familiar bruta mensal, por pessoa, continua de até um salário mínimo e meio para bolsas integrais e de até três salários mínimos para bolsas parciais. Entretanto, é aceito participação no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) a partir do ano de 2010, respeitando a média mínima de 450 pontos nas provas e nota superior a zero na redação.
    Os candidatos que tiverem interesse em concorrer às bolsas devem obedecer ao menos uma das seguintes exigências:

    Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em escola da rede particular na condição de bolsista integral da própria escola;
    Ser pessoa com deficiência; ou,
    Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesse caso, não é necessário comprovar renda.
    Os estudantes inscritos no site do Programa devem comprovar e aferir as informações junto às instituições de ensino que se inscreveram, num prazo máximo de até dois dias úteis contados a partir da data de inscrição. Os locais e horários de atendimento devem ser consultados pelos próprios candidatos nas respectivas IES.
    O teu problema é a Inveja e ódio, que saem pelos seus poros e os demais que pensam igual a você, nos estamos hoje num governo de luta pela igualdade social e não ao contrário do que você deseja.

    • dinheiro do Prouni acabou

      Ao petista JALESENSE
      Eu escrevi que e’ possivel um filho de pedreiro formar em qualquer faculdade pelo Prouni mas parece que a discussao politizou.
      O PT criou varios programas com o dinheiro do contribuinte e agora esta’ com uma divida de aproximadamente R$ 60 bi e assim nao tera’ mais dinheiro para o PROUNI
      A nao ser que aumente os impostos e recrie a CPMF
      Eu apenas dei uma opiniao e acho que voce deve respeita-la e com educaçao pois parece que alguns petistas nao tem com as pessoas que sao informadas

  • Primeira Vez

    Dinheiro do Prouni acabou—-tu não entende nada mesmo, e ao escrever no Blog só escrever asneiras,como uma pessoa inculta e sem inteligência para discutir determinados, assuntos políticos,educacionais e sociais que deveriam ser discutidos em alto nível intelectual,mas com você deu para perceber, que não a meios para isso.
    Ao ler sua opinião sobre o Prouni ( criado na ultima década, pelo governo numa tentativa de fazer prevalecer uma igualdade de direitos entre a sociedade brasileira, igualdade essa preciosa para todos os seres humanos, menos é claro, para a direita golpista, fascista e capitalista a qual você deve infelizmente pertencer), e o pior de tudo tentar desqualificar a profissão de Pedreira e catadora de Castanha, profissões essas honestas e de real importância para a sociedade brasileira, achando que só a sua profissão ( que deve ser uma lastima ), é mais importante que as outras ( vejo nesse ato o ódio ), que deve sair de seu ser.
    Lembre-se o Prouni existe e continuará a existir, enquanto no poder permanecer pessoas, interessadas, independentes de partidos políticos, na igualdade social entre os seres humanos e que se houver alguma separação não seja ela por falta de oportunidade, do egoismo, da inveja, do ódio, que existe da classe minoritária brasileira, que são os capitalista, que numa tentativa desenfreada de voltar ao poder esta desestabilizando a politica econômica e administrativa do pais, pensando somente neles próprio e não em toda população brasileira.
    Quanto a carga tributária preste atenção, para depois não falar besteiras:—–esse texto foi retirado de pesquisas e não da mídia golpista:-

    Rico é menos taxado no Brasil do que na maioria do G20
    Mariana Schreiber
    Da BBC Brasil em Londres
    14 março 2014

    Itália e Índia têm os maiores impostos do G20
    Reclamar dos impostos é hábito comum da elite brasileira. Mas uma comparação internacional mostra que a parcela mais abastada da população não paga tantos tributos assim. Estudos indicam que são justamente os mais pobres que mais contribuem para custear os serviços públicos no país.
    Levantamento da PricewaterhouseCoopers (PWC) feito com exclusividade para a BBC Brasil revela que o imposto de renda cobrado da classe média alta e dos ricos no Brasil é menor que o praticado na grande maioria dos países do G20 – grupo que reúne as 19 nações de maior economia do mundo mais a União Europeia.
    A consultoria comparou três faixas de renda anual: 70 mil libras, 150 mil libras e 250 mil libras – renda média mensal de cerca de R$ 23 mil, R$ 50 mil e R$ 83 mil, respectivamente, valores que incorporam mensalmente o 13º salário, no caso dos que o recebem.
    Nas três comparações, os brasileiros pagam menos imposto de renda do que a maioria dos contribuintes dos 19 países do G20.
    Nas duas maiores faixas de renda analisadas, o Brasil é o terceiro país de menor alíquota. O contribuinte brasileiro que ganha mensalmente, por exemplo, cerca de R$ 50 mil fica com 74% desse valor após descontar o imposto. Na média dos 19 países, o que resta após o pagamento do imposto é 67,5%.
    Já na menor faixa analisada, o Brasil é o quarto país que menos taxa a renda, embora nesse caso a distância em relação aos demais diminua. Quem ganha por ano o equivalente a 75 mil libras (cerca de R$ 23 mil por mês), tem renda líquida de 75,5% no Brasil e de 72% na média do G20.
    As maiores alíquotas são típicas de países europeus, onde há sistemas de bem estar social consolidados, mas estão presentes também em alguns países emergentes.
    Na Itália, por exemplo, praticamente metade da renda das pessoas de classe média alta ou ricas vai para os cofres públicos. Na Índia, cerca de 40% ou mais, assim como no Reino Unido e na África do Sul, quando consideradas as duas faixas de renda mais altas em análise.
    Carga alta
    Apesar de a comparação internacional revelar que os brasileiros mais abastados pagam menos imposto de renda, a carga tributária brasileira – ou seja, a relação entre tudo que é arrecadado em tributos e a renda total do país (o PIB) – é mais alta do que a média.
    Na média do G20, 26% da renda gerada no país vão para os governos por meio de impostos, enquanto no Brasil o índice é de 35%, mostram dados compilados pela Heritage Foundation. No grupo, apenas os países da Europa ocidental têm carga tributária maior – França e Itália são as campeãs, com mais de 40%.
    O que está por trás do tamanho da carga tributária brasileira é o grande volume de impostos indiretos, ou seja, tributos que incidem sobre produção e comercialização – que no fim das contas são repassados ao consumidor final e essa tributação já não é Federal, mas sim Estadual..

    Olenike critica ‘injustiças tributárias’
    Segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), impostos indiretos representam cerca de 40% da carga tributária brasileira, enquanto os diretos (impostos sobre renda e capital) são 28%. Contribuições previdenciárias são outra parcela relevante.
    O grande problema é que esses impostos indiretos são iguais para todos e por isso acabam, proporcionalmente, penalizando mais os mais pobres. Por exemplo, o tributo pago quando uma pessoa compra um saco de arroz ou um bilhete de metrô será o mesmo, independentemente de sua renda. Logo, significa uma proporção maior da remuneração de quem ganha menos.
    O governo taxa mais a produção e o consumo porque esse tipo de tributo é mais fácil de fiscalizar que o cobrado sobre a renda, observa o presidente do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação, João Eloi Olenike.
    “De tanto se preocupar em combater a sonegação, o governo acaba criando injustiças tributárias”, afirma.
    Concentração de renda
    Os governos federal, estaduais e municipais administram juntos uma fatia muito relevante da renda nacional. Por isso, a forma como arrecadam e gastam tem impacto direto na distribuição de renda.
    Sistema tributário concentra renda no Brasil.
    Se por um lado os benefícios sociais e os gastos com saúde e educação públicas contribuem para a redução da desigualdade, o fato do poder público taxar proporcionalmente mais os pobres significa que ao arrecadar os tributos atua no sentido oposto, de concentrar renda.
    Um estudo de economistas do Ipea e da Fundação Getulio Vargas (FGV) mostra que, no Brasil, o Índice de Gini – indicador que mede a concentração de renda – sobe após a arrecadação de impostos e recua após os gastos públicos.
    Segundo estimativas com dados de 2009, o índice era de 0,591, ao se considerar a renda original da população (antes do recebimento de benefícios sociais e tributos). O número recuava para 0,560 após o pagamento de benefícios como aposentadorias, pensões e Bolsa Família, mas subia novamente para 0,565 após considerar o pagamento de tributos.
    O índice volta a cair após se analisar os impactos dos gastos públicos que mais reduzem a distribuição de renda, as despesas com saúde e educação, já que a maioria dos beneficiários desses serviços são os mais pobres. A partir de dados oficias sobre o uso desses serviços, os economistas estimaram que esses gastos públicos reduziam o índice de Gini para 0,479 em 2009.
    O saldo geral disso tudo é que, após o governo arrecadar e gastar, a desigualdade de renda caía 19% naquele ano. Mas num país tão desigual, a queda precisa ser maior, afirma Fernado Gaiger, um dos autores da pesquisa: “O tributo tem uma função de coesão social”.
    Mansueto defende que rico pague mais imposto
    Não há boas comparações internacionais recentes disponíveis para a questão, mas um estudo de anos atrás do Banco Mundial, indica que, em países europeus, a queda da desigualdade é de mais de 30% após a intervenção do Estado, mesmo sem se considerar os gastos em saúde e educação.
    Mudanças nos impostos
    Os quatro especialistas ouvidos pela BBC Brasil defenderam a redução dos impostos indiretos, que penalizam mais os pobres, e a elevação da taxação sobre renda, propriedade e herança. “Seria uma questão de justiça tributária”, diz o especialista em contas públicas Mansueto Almeida.
    Gaiger, por exemplo, propõe que haja mais duas alíquotas de Imposto de Renda – uma de 35% para quem ganha por mês entre R$ 6 mil e R$ 13,7 mil e outra de 45% para quem recebe mais que isso.
    Hoje, a taxa máxima é de 27,5%, para todos que recebem acima de R$ 4.463,81. Muitos não sabem, mas essas alíquotas são “marginais”. Ou seja, apenas a parcela da renda acima desse limite é tributado pela alíquota máxima, não a renda toda.
    Quem ganha mais no Brasil?

    111.893 recebem mais de R$ 20 mil por mês
    23.554 recebem mais de R$ 45 mil por mês
    11.851 recebem mais de R$ 75 mil por mês
    Fonte: Censo 2010 (IBGE)
    No entanto, os especialistas observam que embora seja justo ter mais alíquotas, isso não tem impacto relevante em termos de arrecadação, porque uma parcela muito pequena da população tem renda dessa magnitude. Segundo o IBGE, apenas 111.893 pessoas em todo o país disseram ao Censo de 2010 receber mais de R$ 20 mil por mês.
    O mais importante, defendem, é reduzir as possibilidades de descontos no Imposto de Renda. Hoje, por exemplo, é possível abater do imposto devido gastos privados com saúde e educação. Na prática, isso significa que o Estado está subsidiando serviços privados justamente para a parcela da população de maior renda, ou seja, que precisa menos. “É o bolsa rico”, diz Gaiger.
    Para 2014, a previsão é de que a Receita Federal deixará de arrecadar R$ 35,2 bilhões por causas de descontos e isenções desse tipo. Desse total, R$ 10,7 bilhões são deduções de gastos com saúde e R$ 4,1 bilhão de gastos com educação – somados equivalem a 13% do total dos gastos federais previstos para as duas áreas neste ano (R$ 113,6 bilhões).
    Impostos demais?
    Apesar de ser lugar comum criticar o tamanho da carga tributária do Brasil, estudiosos do tema dizem que não há um número ideal.
    O tamanho da carga tributária é uma escolha da sociedade.
    “O tamanho da carga é uma escolha da sociedade. Se as pessoas quiserem serviços públicos universais e benefícios sociais, o recolhimento de impostos terá que ser maior. Se quisermos que o educação e a saúde seja apenas privada, por exemplo, a carga poderá ser menor”, observa Samuel Pessoa, da FGV.
    Na sua avaliação, a discussão mais importante não é a redução da carga tributária, mas mudar sua estrutura e simplificá-la, para diminuir as desigualdades e reduzir os custos das empresas com burocracia.
    Será meu caro que deu para entender suas besteiras ? E que paga mais impostos no Brasil? e como é a Carga Tributária no Brasil?
    Se não entendeu eu tenho como lhe explicar melhor depois. Mas vou Cobrar. Deixa sua inveja e seu ódio de lado e seja mais humano e humilde.

  • Primeira Vez

    Dinheiro do Prouni Acabou, para por um ponto final, nessa sua lambança de opinião deslavada, desqualifica, racista e fora do tempo pois estamos em pleno século XXI (sabe o que é isso ), acabei de fazer uma nova pesquisa e vou lhe mostrar, qual a Carga Tributaria com percentual do PIB de alguns países do mundo, no ano de 2014:—
    1. Brasil—-32, 8 %
    2.Argentina—-37, 2 %
    3. Austrália—-33,8 %
    4.Canadá —-32,2 &
    5.Rep. Theca—-36,3 %
    6.Alemanha—- 40, 6 %
    7. Rússia—-36,9 %
    8.França—-44,6 %
    9. Japão—-28,3 &
    10.Portugal—- 37,0 %
    11. Espanha—-37,3 %
    12. Reino Unido—-39,0 %
    13. EUA—-28,9%
    14. Itália—-34,6 %.
    15. Bélgica—-46,8 %
    E sua inteligência de pessoa tem a cara de pau de disser que a Carga Tributária do Brasil é uma das maiores do mundo. Fugiu ou nunca frequentou uma escola, muito menos uma faculdade. Podia dormir sem essas. Boa Tarde estou saindo para um churrasco refrescar a cabeça depois de ler suas besteiras.Viva os capitalista que não pagam impostos nenhum, mas viva muito mais as profissões que sustentam essa corja, aqui no Brasil.

    • Anônimo

      Também me formei em administração pelo Prouni, e minha esposa se formou em Pedagogia graças a este Projeto maravilhoso.
      Quem mais reclama de pagar imposto, quando não repassa a terceiros o imposto pago, sonega, e muitas vezes sonega até o imposto repassado aos consumidores.

    • Csb

      Também me formei em administração pelo Prouni, e minha esposa se formou em Pedagogia graças a este Projeto maravilhoso.
      Quem mais reclama de pagar imposto, quando não repassa a terceiros o imposto pago, sonega, e muitas vezes sonega até o imposto repassado aos consumidores.

    • dinheiro do Prouni acabou

      PRIMEIRA VEZ
      Nesses paises que voce citou, nao existe o PT para roubar o dinheiro dos impostos

  • BRASIL LIVRE

    Coitado. Podia ter seguido a carreira do pai. Ganharia mais e não teria colaborado com esse rombo nas contas públicas.

  • JALESENSE

    BRASIL LIVRE ÉS UM IDIOTA.

    • Anônimo

      Não tão idiota como vc. Acorda, o tempo do pão com mortadela está acabando, a teta vai secar e os petralhas terão que trabalhar para sobreviver. Não adianta vcs ficarem com crtl-c e crtl-v aqui no blog pq ninguém perde seu tempo lendo coisas postadas por petista, as quais são copiadas de sites e blogs alimentados e editados por petistas, portanto, sem qualquer credibilidade. Vamos limpar esse país!!!

  • mane

    o primeira vez…mas la o dinheiro é bem usado, aqui é para o PT fazer farra

  • BRASIL LIVRE

    http://www.istoedinheiro.com.br/noticias/economia/20150916/bicudo-rebate-dilma-diz-que-impeachment-nao-golpismo/299587

    Fundador do partido pedindo ó impeachment de ungida envolto na bandeira do Brasil. Emocionante!!!’

    • Depoimento de um dos filhos do Hélio Bicudo:

      Por conveniência e oportunismo, a mídia conservadora tem divulgado insistentemente que Hélio Bicudo foi um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT). Acontece que ele mesmo, em vídeo que circula nas redes sociais, diz o contrário. Quem o fez se aproximar do PT foi meu irmão mais velho, José.

      Em recente editorial, na revista Carta Capital, Mino Carta definiu bem, com elegância e generosidade, a trajetória de meu pai: conservador, militou mais à direita, depois mais à esquerda e, hoje, não se sabe exatamente por onde caminha.

      A sua idade avançada, 93 anos, e sua história de vida têm sido usadas e abusadas pelos articuladores do golpe para tirar Dilma Roussef da presidência da república. As pessoas em geral se comovem com a figura de um senhor de idade defendendo a moral, a ética e os bons costumes.

      De fato, a sua história de vida tem um enorme peso, independentemente de sua matiz política. Ele teve papel importante junto ao Ministério Público do Estado de São Paulo, como procurador de justiça, principalmente na apuração dos crimes cometidos pelo “Esquadrão da Morte”, liderado pelo delegado de polícia Sérgio Paranhos Fleury, este também envolvido em crimes de tortura durante a ditadura militar.

      Esse triste episódio deu ao meu pai grande projeção nacional e internacional. Durante esse período meu pai também trabalhava na redação do jornal O Estado de São Paulo.

      Meu pai sempre teve o apoio incondicional de minha mãe, Déa, mãe de sete filhos e esposa exemplar. É importante ressaltar que minha mãe sempre atuou como um “poder moderador”. O caráter conservador, muitas vezes autoritário e acusatório de meu pai sempre foi moderado por ela, dentro e fora de casa. Minha mãe, aos 91 anos de idade, é portadora do Mal de Alzheimer há dez anos, coincidentemente, período durante o qual meu pai iniciou sua obstinada cruzada contra o PT e Lula.

      No final dos anos 1980, enquanto secretário de Negócios Jurídicos da Prefeitura de São Paulo, durante a gestão de Luiza Erundina, meu pai fez parte de uma comissão de sindicância interna do PT, juntamente com José Eduardo Cardozo, atual Ministro da Justiça, e Paul Singer. Esta visava apurar eventuais favorecimentos ilícitos de pessoas ligadas ao PT junto a prefeituras sob o comando do partido no estado de São Paulo.

      O parecer final continha acusações que poderiam comprometer Lula, já que um compadre deste estaria supostamente envolvido. José Dirceu era o presidente do PT na época e, segundo meu pai, deu a ele e à comissão de sindicância “carta branca” para comprometer todos aqueles que estivessem supostamente envolvidos. Aqui, creio eu, começa todo o imbroglio.

      Meu pai ocupava, também na época, um cargo importante na direção do partido e vislumbrou a possibilidade de alavancar o seu projeto pessoal de poder dentro do PT. Ele jamais admitirá isso, mas usou o parecer emitido pela comissão sindicante para “chantagear” Lula. Este, por sua vez, tentou negociar uma saída que não comprometesse o partido e sua candidatura à presidência da República. Lula disputou o segundo turno com Fernando Collor de Melo.

      Esse episódio acabou azedando as relações entre Lula e meu pai, o qual saiu muito ressentido e foi aos poucos perdendo espaço dentro do partido, embora tenha sido eleito deputado federal nas eleições de 1990 e depois em 1994, com votações expressivas, principalmente em 1990. Os seus mandatos na Câmara Federal foram cumpridos quase que de forma independente do PT.

      Plínio de Arruda Sampaio, também na época deputado federal pelo PT, e meu pai cumpriam agendas bastante semelhantes, todavia Plínio gozava de boas relações com Lula. Meu pai deixou transparecer inúmeras vezes uma forte mágoa em relação ao episódio que fez Lula se distanciar dele.

      Durante o período de seus dois mandatos na Câmara Federal, meu pai iniciou aproximações com congressistas que davam apoio ao governo de Fernando Henrique Cardoso, entre os quais Luiz Eduardo Magalhães, na ocasião Presidente da Câmara, filho de Antonio Carlos Magalhães (ACM), ambos integrantes do Partido da Frente Liberal, o antigo PFL e atual DEM.

      Tal aproximação rendeu-lhe indicação do governo brasileiro para representa-lo junto à Comissão de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA), em Washington D.C., E.U.A.. Assim, durante o seu segundo mandato como deputado federal, meu pai repartia seu tempo entre a Câmara Federal e a OEA.

      Com isso, foi se distanciando cada vez mais do PT e se aproximando de setores do Partido da Social Democracia Brasileira, o PSDB. Nesse meio tempo, fora indicado para integrar comissão na Câmara Federal para investigar o envolvimento do deputado Ricardo Fiúza do PFL no escândalo dos “Anões do Orçamento”. O seu parecer foi qualificado, em público, pelo então Presidente Fernando Henrique Cardoso, como “pífio”, e a eventual implicação do deputado Fiúza no escândalo ficou comprometida, já que este fazia parte da base de sustentação do governo de Fernando Henrique Cardoso.

  • Anônimo

    Só para esclarecer o Prouni não é pago com dinheiro de todos os contribuintes, mas sim compensada a dívida fiscal das universidades. Por isso, não existe essa de o dinheiro acabou.

  • Primeira Vez

    Dinheiro do Prouni Acabou, o problema é que você não tem conhecimentos , argumentos e sua opinião são de um analfabeto, desinformado, boçal e não conhecedor do assunto em questão, pois és incapaz de discutir qualquer assunto de relevada importância para os brasileiros e quem fala o que quer, ouve o que não quer e não sabe. Volta a estudar.
    Nada foi politizado é que és um racista e que quis ofender o rapaz em questão, seu pai e sua mãe, e a verdadeira realidade é que não é capas e não sabe se comunicar, ou seja se expressar, e como já foi dito, explicado muto bem o Prouni não acabou, e o CPMF seu analfabeto se for criado é para tampar o déficit ( sabes o que é isso), da Previdência, nem ler as noticias tu sabes.
    Respeito sua opinião ( e em nenhum vez lhe faltei com educação, a não ser agora ), mas quando elas são sensatas e com algum instrumento de sabedoria e inteligência, o que não é seu caso.
    E meu estimado secundarista , dinheiro dos contribuintes ( impostos ), que não deve ser seu caso é para ser aplicado no social, principalmente na tentativa de igualar as classes sociais brasileiras, e para isso foram criados o ( Prouni, Fiesp, Enem, Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida etc…), entendeu agora para que serve os impostos ( aquilo que você não deve pagar corretamente).
    Estou respondendo sem saber se posso até para o jalesense, poi sua falta de conhecimento me incomoda, pois não estamos falando ou discutindo sobre partido politico, de corrupção, de quem é corrupto ou não ( mas do PT só tem dois presos e os outros ),e o Aécio, e o Aloysio Nunes, e o Renan, e o Cunha, e o Serra, e o Alkimin, e o Caiado etc…não estão presos pois são do PSDB e do DEM ( mas isso não vem ao caso agora ),estamos sim falando da administração politica, econômica educacional e social. Sua pessoa estuda e diplomada, meu caro só pensa e se preocupa com seu bolso e não pagar seus impostos ( ou seja sonegar ), pois deves ser um burgues, fascista e capitalista eu não eu me preocupo com a igualdade social.
    És mesmo um …………….os países que eu cite acima foi para mostrar a sua intelectualidade como esta a Carga Tributária brasileira, em relação a estes demais países e como podes ver nenhum deles ou dois no máximo são maiores que o Brasil e a do Brasil não é a maior do mundo como tu quis dizer anteriormente. Chega , Boa arde.

    • dinheiro do Prouni acabou

      PRIMEIRA VEZ
      Parabens, voce e’ o unico que ainda defende o PT, embora seja com ofensas e textos longos (que ninguem lê) mas tenta explicar as cagadas do PT
      Depois que o Lula foi chamado na policia federal para explicar como o seu laranja e filho ficou rico.
      Depois que a Dilma tem 16 pedidos , 3 processos (STF/TSE/TCU) e uma divida de R$ 63 Bi com um programa de ajuste fiscal que nem o Lula e o PT apoiam
      Resta criticar o FHC, Aecio, Serra e ofender os coxinhas

  • Jalesense

    Anônimo;–ao dizer idiota eu estava me referindo ao Pseudo BRASIL LIVRE ao o mesmo tentar denegrir a noticia de um brasileiro sem recursos financeiros ( dele, seu pai e sua mãe ),ter se formado em Direito, com a ajuda do Prouni, pois para mim isso foi de uma baixeza , falta de educação, falta de caráter muito grande em que só os irracionais, podem ter esse tipo de resposta, tentando desqualificar os esforços do aluno e sua família, ou quando uma pessoa se sente ofendido como eu senti por sua imbecilidade e resolva responder a altura:-
    Falando em idiota com vai sua família? vai bem?
    Seu boçal n]ao sou petista, ou qualquer outro partido existente no Brasil, tenho sim minhas convicções politicas , que não batem com nenhum desses partidos existente no país, mas de uma coisa tenho certeza, seu babaca, não sou burguês, fascista e capitalistas desses iguais a da sua burrice de mente lavada e de QI de ameba igual a sua pessoa com mentalidade de debiloide.
    Comi sim e como muito, pão com mortadela e cutuba; e quanto ao trabalhar, já trabalhei o suficiente, para hoje estar aposentado como funcionário ( federal ), ganhando o suficiente, para uma vida digna e pagando os impostos devidos, que vem descontado na fonte e por isso não faço igual a sua imbecilidade, roubando o governo, como faz toda a sua classe de capitalista que procura viver nas custas das classe sociais menos abastadas, que lhes sustenta nas suas mordomias seu mentecapto
    Quanto a copiar sites ou blogs, estas enganado a meu respeito seu estrume, mas se assim o fizesse não seria demérito nenhum, procurar me instruir cada vez mais, mas confesso que as vezes pesquiso o google, como qualquer cidadão normal, mas leio também livros de grandes historiadores brasileiros como:–Boris Fausto, Fernando Novais, João Lúcio de Azevedo,Caio Prado Junior, Gilberto Freire etc…
    Por ultimo , quanto ao ninguém ler minhas postagens, pelo menos um BURRO QUADRUPEDE LEU, Você, pois me respondeu.
    Agora um conselho meu caro Catedrático, existe uma sombra coletiva terrível, racista, fascista, homofóbica, egoísta e burra nesse país de burgueses, entrando nessa vibe (procure no dicionário ), de inocente útil, e você deve ser um deles. Boa Noite. Meu tempo com suas sandices acabaram .

  • Anão de jardim

    Não custa lembrar que NÃO EXISTE ALMOÇO DE GRAÇA.
    Enquanto o Governo Federal se farta em dizer que faz suas ações beneficentes, uma parcela importante da população paga a conta e ao que nos parece, em 2016 terá que pagar mais ainda com o aumento do imposto de renda.

  • Jalesense

    A QUEM POSSA INTERESSAR, realmente não existe almoço,jantar ou lanche de graça e quem paga a conta é todo o trabalhador ou funcionário municipal, estadual, federal ou aquele que recebe por holerite, cujos impostos já vem descontado na fonte e nunca os burguesinho e capitalista que sonegam impostos e vivem nas custas das classes sociais menos favorecidas, o Imposto de Renda , vai aumentar sim mais é para as classes sociais mais abastas, que ficam escondendo seus canhos sem nunca querer cumprir com suas obrigações, como manda a Constituição, ou seja pagar seus impostos devidos.

  • Primeira Vez

    Dinheiro do Prouni Acabou, não vou perder meu tempo com um boçal,imbecil, mentecapto e estrume igual a você que sempre fala a mesma coisa. Vai se instruir seu Babaca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *