DIRETORIA DE SINDICATO É AFASTADA PELA JUSTIÇA POR DESVIO DE DINHEIRO

Isso é o que podemos chamar de sindicalismo de resultados. A notícia é do portal Região Noroeste

O juiz da 2ª Vara Criminal de Fernandópolis, Vinícius Castrequini Bufulin, afastou toda a diretoria do Sindicato dos Empregados Rurais por indícios de apropriação indébita dos recursos arrecadados nas mensalidades dos associados.

Uma denúncia feita no dia 26 de agosto ao Ministério Público, apontou que havia um esquema de desvio de dinheiro dos cofres do Sindicato para finalidades particulares o que motivou a sequência da ação do promotor Eduardo Caetano Querobim.

Uma medida cautelar afastou o presidente Clarismino de Jesus Flávio, mais conhecido como Lúcio, o tesoureiro Amadeu Bussolo Filho e o secretário Valdomiro Neto Siqueira das funções administrativa além do bloqueio dos bens dos três envolvidos.

O processo 601/2011 que tramita no Fórum de Fernandópolis deve ter desdobramento nos próximos dias já que um inquérito policial deve ser instaurado para apurar as denúncias contra a diretoria. A justiça deve pedir perícia nos documentos onde comprovam irregularidades.

Até que as investigações não concluam, o Sindicato dos Empregados Rurais de Fernandópolis passa a ser comandado pelo funcionário Marcos Antônio Coltro, gestor nomeado pela Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *