EGÍPCIOS APREENDEM CEGONHA POR SUSPEITA DE ESPIONAGEM

No Egito, nem as cegonhas escapam às desconfianças das autoridades. Vejam isso:

imageCACYUAULAutoridades egípcias prenderam uma cegonha por suspeita de espionagem na região de Qena, 450 quilômetros da capital, Cairo. 

O fato ocorreu depois que um homem encontrou um grupo de cinco pássaros da espécie perto de sua casa e os levou até a delegacia nesta sexta-feira (30), segundo Mohammed Kamal, chefe da segurança local.

Os policias encontraram um dispositivo eletrônico sobre uma das asas da cegonha e desconfiaram que o objeto pudesse ser um equipamento de espionagem.

Neste sábado (31), uma comissão de veterinários foi chamada para esclarecer o fato. Eles descobriram que tratava-se de um rastreador silvestre usado por cientistas franceses para seguir o movimento de migração dos pássaros, segundo Ayman Abdallah, chefe dos serviços veterinários de Qena.

Abdallah disse que o dispositivo parou de funcionar quando a cegonha cruzou a fronteira  francesa.

O fato não foi a primeira polêmica envolvendo o Egito com animais. Depois do golpe militar que tirou o presidente eleito Mohamed Mursi do poder e das manifestações que se seguiram a isso, autoridades e cidadãos demonstram grande desconfiança com tudo que venha do exterior.

Ainda em 2013, um guarda registrou ocorrência da captura de um pássaro que, segundo ele, carregava um microfilme. Em 2010, egípcios acusaram Israel de serem responsáveis por uma série de ataques de tubarões na costa mediterrânea do Egito.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *