FISIOTERAPIA: FACULDADES DE JALES E RIO PRETO PERDEM 23 VAGAS POR NOTAS BAIXAS

A notícia é do Diarioweb, de São José do Rio Preto:

Dois cursos de fisioterapia da região tiveram as vagas reduzidas pelo Ministério da Educação (MEC) por terem tido baixo desempenho nas avaliações anuais. A Unorp terá que diminuir 13 vagas do curso em 2012. Eram 66 e ficarão 53 a partir do próximo ano. Já a Unijales perderá 10 vagas. As duas faculdades ficaram com nota 2 no CPC, que avalia as notas do Enade, titulação dos professores, estrutura pedagógica e parte estrutural das instituições.

A Unilago também entrou na lista, com o curso de nutrição, e só não teve vagas cortadas porque oferece o número mínimo estabelecido pelo MEC para manutenção dos cursos – 40 vagas. Mesmo assim, foi aberto um processo de supervisão e a faculdade terá que provar, em um ano, que melhorou a qualidade do curso. Caso contrário, corre o risco de ter o número de vagas reduzido e até ter o curso descredenciado do MEC.

A Unijales informou, por meio de nota, que cumprirá a determinação do ministério. O reitor da Unorp, Eudes Quintino, disse que a instituição já esperava essa decisão, já que o único curso que participou do Enade no ano passado foi o de fisioterapia. “Não tínhamos alunos concluintes em outros cursos. Mas tenho certeza que no próximo ano, quando alunos de 10 cursos farão o Enade, teremos melhor nota.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *