GATO NO CARDÁPIO, NEM PENSAR…

Abrir um bom ponto comercial requer alguma experiência, tino para os negócios e, principalmente, muita criatividade. E criatividade, pelo jeito, é algo que não falta a alguns comerciantes jalesenses. O dono da lanchonete da foto acima, localizada na Avenida Salustiano Pupim, mostrou-se criativo já na escolha do nome do seu estabelecimento. Por sinal, a se julgar pelo nome, tudo indica que os fregueses da lanchonete não vão correr o risco de, inadvertidamente, comer um “churrasquinho de gato”. 

1 comentário

Deixe uma resposta para Anônimo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *