HUMOR NEGRO: OUTRO COMEDIANTE SE DEU MAL COM PIADAS SOBRE TRAGÉDIA JAPONESA

Deu na Folha On Line, nesta terça-feira:

Após ser demitido pela empresa Aflac, o comediante Gilbert Gottfried pediu desculpas por fazer piadas com o terremoto no Japão, nesta terça-feira.

“Eu gostaria de me desculpar sinceramente a qualquer um que tenha se sentido ofendido com minha tentativa de humor a respeito da tragédia no Japão”, disse Gottfried em um comunicado. “Eu não quis desrespeitar ninguém, meus pensamentos estão agora nas vítimas e em suas famílias”.

Desde 2000, o comediante fazia a voz de um pato que é símbolo da companhia de seguros Aflac.

“Os comentários recentes de Gilbert sobre a crise no Japão não foram bem-humorados e certamente não representam os pensamentos e sentimentos de ninguém na Aflac”, disse o vice-presidente da empresa, Michael Zunda.

Entre os comentários publicados por ele no Twitter, estavam:

“O Japão é realmente avançado. Eles não vão à praia. A praia vem a eles”. “Eu acabei de terminar com minha namorada, mas é como os japoneses dizem: ‘haverá outras pessoas flutuando por aí a qualquer minuto'”.

1 comentário

  • Eu imaginava que as pessoas já tivessem conseguido entender que não há mal algum em fazer humor…

    Ao contrário, em momentos de grande tristeza, é justamente o riso e a brincadeira com o motivo do mal em si que nos dá mais força contra os efeitos do desastre, ou tira parte da força deste.

    Eu acho que quem condena este tipo de humor é hipócrita e prefere “parecer” correto a realmente “ser” correto!

    Uma pena

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *