JOVEM RESGATADA DIZ NÃO TER DINHEIRO PARA PAGAR O HOSPITAL

Hoje é dia de entregar minhas matérias para A Tribuna, o que me toma um tempo razoável. Mais tarde posto alguma coisa sobre as coisas de Jales. Por enquanto, fiquem com a notícia do portal Terra:

Não é com seu estado de saúde que a comerciária Caroline Laila Soares, 19 anos, está mais preocupada. A jovem – que foi resgatada de um córrego no último domingo depois de esperar por socorro por 72 horas – disse nesta quarta-feira que sua maior preocupação é com as despesas causadas pelo acidente que sofreu na madrugada da sexta-feira da semana passada. O carro dela despencou numa ribanceira e caiu num córrego, às margens da rodovia Elieser Montenegro Magalhães (SP-463), no município de Populina, interior de São Paulo.

Internada num quarto da Santa Casa de Fernandópolis, Caroline disse que sua família não tem recursos para pagar os custos hospitalares. “Estou preocupada com os prejuízos. Não sei como vamos fazer para reformar meu carro, pagar a UTI (onde ficou internada por três dias), medicamentos e outros custos”, disse ela. “Vou ter de batalhar muito para dar conta de quitar tudo.” Humilde, a família de Caroline, que mora em Iturama (MG), só conseguiu convênio público nesta quarta-feira, quando a paciente foi transferida da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para um quarto do Sistema Único de Saúde (SUS). “Internação na UTI foi particular e vamos ter de pagar”, contou.

Caroline confirmou que o acidente ocorreu quando viajava para visitar um amigo, morador de Jales (SP). Ela sonhou que o rapaz morria e ficou preocupada. Seu sonho agora será se recuperar dos prejuízos, estudar e passar no vestibular para Agronomia. “Vamos recuperar e estudar para passar no vestibular, ainda no final deste ano”, contou.

Antes, Caroline, que segundo o médico Edson Betiol, está tendo uma “recuperação favorável”, deverá passar entre hoje e amanhã por duas cirurgias para reparação de fraturas no tornozelo e na perna. Além do tornozelo, ela fraturou a fíbula (perônio) e ossos da bacia. Mas, conforme o ortopedista José Maria Nuevo, a força de vontade de Caroline fará com que ela se recupere logo.

9 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *