MARIDO MANDAVA FOTOS DA ESPOSA NUA PARA AMIGOS

Atrás de todo falso moralista se esconde um pervertido. A notícia é do Metrópoles:

A piauiense Josselene Brito, de 60 anos, descobriu ser fotografada nua enquanto dormia pelo homem com quem dividia a vida e chamava de marido há três décadas e meia.

Em emocionante relato à Marie Claire, a advogada desabafou sobre o comportamento abusivo do ex-companheiro e incentivou mulheres a prestarem queixa de parceiros com o mesmo desvio de caráter.

“Há cerca de oito anos, comecei a reparar que ele não saía das salas de bate-papo na internet. Mas, de uns três anos pra cá, a coisa só piorou. Paulo passava horas e horas trancado no banheiro ou no quarto e, quando o questionava, dizia que estava fazendo pesquisas para o trabalho. E ainda me atacava, falava que eu estava criando coisas na minha cabeça”, contou.

Em maio deste ano, a já estremecida relação do casal foi minada por completo quando ela descobriu o motivo por trás do parceiro passar tantas horas on-line.

“Ele estava no celular dentro do carro e me aproximei, sem ser notada. Paulo tomou um baita susto quando me viu e tentou disfarçar. Desligou imediatamente o celular, mas eu já tinha visto tudo: Paulo estava enviando fotos minhas sem roupa por WhatsApp. Desde menina, tenho o costume de dormir sem calcinha. Os mais antigos, aqui da nossa região, no Piauí, diziam que era bom para deixar a vagina respirar. E eram justamente essas imagens que ele compartilhava, sabe-se lá com quem”, lamentou.

Desesperada e sem parar de chorar, ela decidiu contar o ocorrido aos três filhos do casal. “Paulo entrou em casa de cabeça baixa. Na frente de todos, me pedia perdão repetidamente e implorava por uma nova chance. Em meio àquela loucura, confessou que ele e outro homem trocavam fotos de suas respectivas mulheres despidas, sempre clicadas sem consentimento, quando estávamos dormindo. Claramente, acreditava ser meu dono, e dizia se tratar apenas de um fetiche, como ele mesmo dizia, nada demais”, revelou.

Por fim, ela lamentou ter fotos suas espalhadas pela internet e revelou concentrar-se na punição do ex-parceiro. “Quando conto, as pessoas custam a acreditar. Um cara tão sisudo, moralista e cheio de normas em casa fazer uma coisa dessas com a própria mulher é realmente bizarro. Sei que minhas fotos nuas já podem ter rodado o mundo, e só quero que ele pague pelo que fez. Porque a dor que senti nunca mais terei como apagar”, concluiu.

3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *