MÉDICOS FAZEM PRIMEIRA CIRURGIA BARIÁTRICA POR VÍDEO NA SANTA CASA DE JALES

Método por videolaparoscopia é menos traumático e possibilita melhor recuperação do paciente

(por Vívian Curitiba)A equipe de cirurgiões do aparelho digestivo da Santa Casa de Jales realizou na manhã de hoje, dia 4, a primeira cirurgia bariátrica através do método por videolaparoscopia, numa jovem de 35 anos, com 130 kg. Mais conhecida como “cirurgia de redução do estômago” o método por vídeo é menos traumático para o paciente, possibilita a recuperação mais rápida, com menos dores após a operação e sem as indesejáveis cicatrizes do método comum. 

A equipe que realizou a cirurgia contou com os cirurgiões Dr.Wilson Vollet, Dr.Hugo Marques, Dr.Celso Abrão, Dr.Marcelo Salviano e Dr.Alexandre Amado Elias, além da enfermeira assistente Ráucia Freitas e dos auxiliares de enfermagem, Fátima Fernandes, Daniela Cristina Rodrigues e Rosimeire Claro. 

De acordo com o Dr.Wilson Vollet, há 2 anos a cirurgia bariátrica é realizada no hospital pela via aberta, ou seja, pelo corte, mas apenas agora, após um longo treinamento, a equipe de médicos está totalmente capacitada para aplicar com segurança o método por vídeo. “Isso não é novidade em grandes centros, mas é preciso que a equipe esteja treinada e adaptada com esse método de cirurgia que é de alta complexidade por vídeo. Foi um processo gradativo de prática até toda equipe chegar ao ponto de fazer uma cirurgia como essa”, explicou o cirurgião. 

Para que a cirurgia fosse realizada com sucesso, o médico conta que durante 5 meses a paciente emagreceu 10 kg e foi submetida a tratamentos com nutricionista, psicólogas, fisioterapeutas e cardiologistas. “É uma cirurgia de risco e é por isso que o paciente precisa ser muito bem preparado para fazê-la”, disse. Segundo ele, no primeiro mês após a cirurgia o paciente pode perder em média até 10% de seu peso, mas o resultado final pode ser analisado somente ao final de um ano. 

Antes do procedimento, a paciente disse estar muito feliz e ansiosa pelos resultados. “Confio muito na equipe médica. Minha expectativa é a melhor possível, creio que será um sucesso!”, contou animada. 

A primeira cirurgia bariátrica por vídeolaparoscopia na Santa Casa faz parte do término de um treinamento da equipe de cirurgiões e por isso foi supervisionada pelo médico, Alexandre Amado Elias, cirurgião especialista em aparelho digestivo da equipe do Instituto Garrido de Gastroenterologia e Cirurgia da Obesidade de São Paulo, de renome nacional, que atua na capital juntamente com o especialista, Dr. Arthur Berlamino Garrido, médico de renome internacional, que iniciou a cirurgia bariátrica no Brasil. 

Vale lembrar que a cirurgia bariátrica é recomendada apenas para quem tem obesidade mórbida, doença que se caracteriza em pessoas que tem o índice de massa corpórea acima de 40 kg/m². Como toda cirurgia, tem seus riscos, entre eles a possibilidade de vazamentos nas suturas do estômago, embolia pulmonar, dificuldades respiratórias, além da alteração de diabetes e hipertensão.

1 comentário

  • MARGARETH ARAUJO

    EU PESO 98 KILOS ,A FIZ VARIS DIETAS E EMAGRECO 10, 15 KILOS EEM POCO TEMPO GANHO TUDO NOVAMENTE ATE MAIS DO Q PERDI, GOSTARIA DE FAZER A BARIATRICA , MAIS TENHO MEDOPQ MINHA ULTIMA CIRUGIA FOI MUITO DIFICIL! E AINDA E TIVE ALERGIA AO FIO SE SULTURA O Q VC MIM ACONSELHAm tenho medo deter alergia ao grampos q grampeia o estomago ai pensei s colocasse o anel ao invez dos grampos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *