NO SUL, OUTDOORS CAUSAM POLÊMICA

Já recebi pelo menos uns oito e-mails com os outdoors de Jaraguá do Sul(SC). Há uns dois meses que, lá em Jaraguá do Sul, se discute o aumento do número de vereadores – de 11 para 15. Os outdoors começaram a aparecer em junho e causaram polêmica não apenas pelo assunto, mas também por não conter o nome de quem os está patrocinando. Eles refletem a opinião a respeito do aumento do número de vagas na Câmara de Vereadores daquela cidade e a gritante diferença do salário de um vereador, que ganha 12 vezes mais que um professor de nível médio contratado pelo Estado.

Aqui em Jales, o assunto continua embaixo do balaio, mas não se surpreenda se, de repente, for aprovado um aumento. Os vereadores têm até o início de outubro para decidir isso. Como se pode ver na enquete aí do lado direito, a grande maioria dos visitantes deste blog é contra o aumento. Se você ainda não deu sua opinião, aproveite e vote.  

Porto Alegre(RS) se tornou na terça-feira (5) a primeira capital brasileira a exibir outdoors de uma campanha de mídia sobre ateísmo. A iniciativa é da Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos e já havia sido recusada no final do ano passado pelas companhias de ônibus de São Paulo, Salvador, Florianópolis e Porto Alegre.

As peças são polêmicas e falam sobre fé, moralidade e ateísmo. Uma delas exibe as fotos de Charles Chaplin, que era ateu, e Adolf Hitler, que não era ateu, com os dizeres “religião não define caráter”. Outra afirma “Somos todos ateus com os deuses dos outros”, e traz imagens de uma divindade hindu, uma divindade egípcia e de Jesus de Nazaré, com as legendas “mito hidu”, “mito egípcio” e “mito palestino”. Uma terceira diz que “A fé não dá respostas, só impede perguntas”. Os cartazes devem ser exibidos ao longo de um mês.

3 comentários

  • Anônimo

    um dificil debate… pq o religioso nao pode ser contrário ao casamento gay, mas pode existir o debate a favor dos nao religiosos… mundo hipócrita

  • Anti-PT

    O melhor de tudo é fazer as pessoas pensarem; e realmente entenderem o que é escolhas e resultados; Amém!

  • Quim Zé

    O ateísmo é uma religião sem um deus. Esse pessoal é muito nervoso e os mais fanáticos fazem pregação raivosa do nada, sei lá por quê. Podiam fazer cartazes com Dom Paulo Evaristo como o que crê ladeando o ateu Stalin. O efeito seria o mesmo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *