TERRA DE NINGUÉM: MORADOR DA RUA SETE DÁ MAU EXEMPLO

É claro que esse tipo de comportamento é fruto da falta de educação de alguns cidadãos. Mas também é consequência da falta de fiscalização e de punição para os sujismundos. Tivessemos uma administração mais competente e certamente não teríamos tantos lixões espalhados pela cidade e tampouco maus exemplos como o da foto abaixo. 

A foto – a pedido de um amigo deste aprendiz de blogueiro – foi feita há uma semana, mas essas coisas todas já estavam no local – na Rua Sete, Jardim Micena – há mais de um mês. Algumas peças já foram levadas, provavelmente por catadores de lixo reciclável, mas o sofá ainda continua por lá.

 

2 comentários

  • Lezinho

    Lamentável essa falta de fiscalização! Alguns fiscais perambulam e não veem esse tipo de coisa, com também não olham calçada , lotes baldios e sem muro, sem calçadas, árvores sem podagem, coisas básicas para uma cidade bonita. essa tal da estabilidade no emprego é o que atrapalha uma administração pública, não podendo mexer no funcionário efetivo, deixando o prefeito engessado.

  • leonor

    sabe Lezinho,pode até ser mesmo falta de fiscalização mas eu que moro aqui bem ao lado vejo isto como falta de educação a familia que colocou isto aí era morador da casa quase em frente, ao mudar em vez de colocar na frente da propria casa acharam mais pratico atravessar a rua e jogar na propriedade do vizinho .É muito triste ver cenas assim …se vc passar poraqui agora vc vai ver que além da mudança tem tbém muito lixo que as pessoas tira da sua porta e joga na porta do vizinho, lembrando que temos coleta toda terça,quinta e sábado eles recolhem o lixo na sua porta .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *