CAETANO VELOSO E FILHOS – “ALEGRIA, ALEGRIA”

Eu já postei aqui no blog, em fevereiro, um vídeo com Caetano Veloso e os filhos Moreno, Tom e Zeca, cantando “Força Estranha”. Considerando, porém, que ontem, 07/08, Caetano comemorou 78 anos de idade, e que amanhã, 09/08, é o Dia dos Pais, penso que é justo repetir a dose.

Assim, estou postando, abaixo, um vídeo em que a família Veloso canta “Alegria, Alegria”, a música que projetou Caetano nacionalmente.

“Alegria, Alegria” chegou à cachola de Caetano durante um passeio pelas ruas de Copacabana e ganhou uma roupagem que atraiu os modernos, por conta da participação do grupo argentino Beat Boys, que acompanhou Caetano na gravação com suas guitarras elétricas.

Apresentada pela primeira vez em 1967, no Festival de MPB da Record, a canção chocou os chamados “tradicionalistas” da música popular brasileira, devido a simples presença das guitarras do Beat Boys.

Apesar da rejeição inicial, a música acabou conquistando a maior parte da plateia,  se tornando uma das favoritas, para desespero dos tais tradicionalistas.  Com as manifestações favoráveis da plateia, “Alegria, Alegria” acabou classificando-se em quarto lugar no Festival.

“Ponteio”, de Edu Lobo e Capinam, foi a vencedora, com “Domingo no Parque”, de Gilberto Gil, em segundo lugar e “Roda Viva”, de Chico Buarque, em terceiro. Roberto Carlos, que defendeu a música “Maria Carnaval e Cinzas”, do compositor Luís Carlos Paraná, ficou em quinto lugar. Foi nesse festival que o recém-falecido Sérgio Ricardo, injuriado com as vaias, quebrou o violão e jogou na plateia.

Vejamos, então, Caetano Veloso e os filhos cantando “Alegria, Alegria”: 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *