CÂMARA DE JALES VAI VOTAR MOÇÕES DE APOIO AO IMPEACHMENT DE TEMER E AO AFASTAMENTO DE EDUARDO CUNHA

temer-e-cunha-600x400

A Câmara Municipal de Jales deverá aprovar, na sessão de amanhã, a Moção de Apoio à representação da OAB, protocolada na Câmara Federal no fim de março, onde a entidade pede o impeachment da presidenta Dilma. A Moção de Apoio foi solicitada aos vereadores pela diretoria da OAB local.

O detalhe é que, junto com a Moção de Apoio à OAB, os vereadores deverão discutir, também, duas outras moções. Numa delas, eles discutirão o apoio ao pedido de impeachment do vice-presidente Michel Temer, que, no exercício da presidência, andou praticando as chamadas “pedaladas fiscais”. Ou seja, cometeu o mesmo “crime” de Dilma.

N’outra, os nobres edis irão discutir e, provavelmente, aprovar o apoio da Câmara de Jales ao afastamento do impoluto presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha.

A iniciativa dos vereadores é um tapa com luva de pelica, ainda que involuntário, na OAB-São Paulo. Em fevereiro, o Conselho Federal da OAB protocolou um pedido de afastamento de Eduardo Cunha da presidência da Câmara. O pedido deve estar dormindo em alguma gaveta e não se tem notícia de que a OAB-SP tenha  solicitado o apoio das câmaras municipais paulistas ao afastamento de Cunha.

Sempre é bom reiterar que o pedido de impeachment da OAB não tem nada a ver com o processo que está em andamento na Câmara Federal. Trata-se de outro pedido que, segundo o próprio Cunha, “chegou atrasado”. Em seu pedido, a OAB enumera alguns “crimes” cometidos por Dilma, como as pedaladas fiscais, supostas renúncias fiscais ilegais em favor da Fifa, durante a Copa do Mundo, e a intenção de beneficiar um aliado (Lula), atribuindo-lhe as prerrogativas de ministro de Estado.

10 comentários

  • Este ato vai ser de uma relevância tão grande, que vai abalar ainda mais o quadro apresentado!
    Porque não perdem tempo em arrumar dinheiro para tapar os buracos da cidade, por exemplo…

  • eu

    Jales com tantos problemas e a Câmara preocupada em ajudar o Temer a ser o presidente e o Cunha, o “vice presidente”. Parabéns!

  • Lula Outra Vez

    FERRO NOS GOLPISTAS

    Lula e Marina lideram corrida para 2018; tucanos despencam
    Editoria de Arte/Folhapress
    09/04/2016
    O ex-presidente Lula (PT) e a ex-senadora Marina Silva (Rede) lideram a corrida eleitoral para presidente da República em 2018
    Entre as opções do PSDB (o senador Aécio Neves, o governador Geraldo Alckmin e o também senador José Serra), todas têm demonstrado tendência de queda nas intenções de voto.
    Segundo nova pesquisa Datafolha, em três dos quatro cenários eleitorais pesquisados, Lula e Marina estão empatados dentro da margem de erro. Em apenas um, o ex-presidente lidera
    Na comparação com a pesquisa anterior, de março, a intenção de voto em Lula cresceu em três cenários, voltando ao patamar observado em fevereiro, enquanto Marina se manteve estável em todas as simulações.
    No cenário de uma disputa entre Lula, Marina e Aécio Neves, por exemplo, o petista tem 21%, a ex-senadora, 19%, e o tucano, 17%.
    Entre meados de dezembro e agora, Aécio perdeu dez pontos percentuais em suas intenções de voto, enquanto Lula e Marina se mantiveram no mesmo patamar. Já Geraldo Alckmin, em um cenário alternativo, encolheu cinco pontos no mesmo período.
    Na simulação com Lula, Marina e Aécio, o Datafolha também tem incluído o nome do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que aparece com 8% das intenções de voto. O percentual é o dobro do que o deputado registrava em dezembro do ano passado.
    No cenário em que o senador José Serra aparece como o candidato do PSDB, Marina e Lula aparecem empatados com 22%, o dobro do tucano, que caiu 4% desde fevereiro —quando registrava 15% de intenção de voto.
    Em todos os cenários testados para 2018, o vice-presidente Michel Temer, que assumiria em caso de impeachment de Dilma Rousseff, aparece com apenas 1% ou 2%.
    Em relação a um eventual governo Temer no caso de Dilma ser afastada, a pesquisa Datafolha mostra que apenas 16% acreditam que ele faria uma gestão ótima ou boa, mesmo índice do levantamento realizado em março.

  • Bananeira

    Em Jales já aconteceu de vereador tem comprado votos
    e foi condenado.
    Em Brasília o Lula está comprando votos dos deputados,
    na cara da Justiça. Pode isso Arnaldo?

  • Otário

    Gosto dessas aparições do Cunha, do Temer…Os coxinhas alucinados pela Globo e pela Veja acham que estes são os homens a representar o Brasil moralista. Vão tomar no C.. seus coxinhas enrustidos.

  • CUCA BELLUDIN

    MOÇÃO DE VEREADORES DE JALES E UM PATO CAGANDO , TEM O MESMO VALOR.

  • Anônimo

    Mas se o dono da câmara já disse que essa ordem está atrasada, o que eles pretendem com isso? Provar que também são golpistas? Ou eles esperam alguma recompensa baseado no ditado antigo que diz que os últimos serão os primeiros?
    Mas pensando bem, essa câmara daqui tem muito a ensinar ao dono da câmara de lá. Eles são veteranos na arte de cassar chefe do executivo do sexo feminino, enquanto o outro ainda é calouro, num processo onde até uma suposta intenção é enquadrada como crime. Os daqui tem um papel importante a desempenhar: Exibir a longa lista de conquistas, de avanços, de prosperidade, de progresso, de crescimento do município e dos cidadãos oriundo desse impitim local.

  • Anônimo

    Dizem por ai que a não aprovação da moção teve participação decisiva do alcaide que prefere ficar aguardando os acontecimentos. Apesar de que as ultimas noticias dão conta de que, a comissão reunida em Brasilia não dará inicio à votação enquanto a Camara Municipal de Jales não se manifestar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *