CARAVANA DE LULA É ATACADA NO RS E MILITANTE É HOSPITALIZADA APÓS RECEBER SOCO NO OLHO E CHUTES

Da revista Fórum:

Um grupo de extremistas de direita do Rio Grande do Sul protagonizou ações covardes de violência, durante a passagem da caravana do ex-presidente Lula pelas cidades do estado. Ao longo do trajeto, o tom de agressividade foi subindo, ao ponto de serem registradas diversas agressões a mulheres, que participaram de atos em favor da democracia e do ex-presidente.

“Trata-se de um grupo de ruralistas, que vinha se articulando há tempos para organizar protestos contra a caravana e criar um ambiente tenso durante a passagem do ex-presidente e da militância pelo estado. Cidades nas quais o PT não tem tanta força de organização são locais predominantemente agrícolas e os ruralistas protestaram, com tratores, caminhonetes, atirando pedras e ovos”, explica Laura Sito, secretária de mobilização da Executiva Estadual do PT do Rio Grande do Sul. Ela acompanhou metade da caravana, percorrendo Bagé, Livramento e Santa Maria.

O ponto máximo de brutalidade ocorreu em Cruz Alta, nesta quinta-feira (22), conforme relata Laura. “Esta cidade tem o PT na prefeitura e uma atuação relevante do MST. Contudo, na saída do ato em defesa de Lula, algumas militantes foram agredidas”, conta.

Cristiano Lopes, militante do PT, que auxiliou as mulheres e, inclusive, levou Deise Miron, militante espancada, ao hospital, revela mais detalhes. “A Deise ficou muito machucada. A agravante é que ela é paciente de câncer e se submete com frequência à radioterapia. Antes do ato, os ruralistas haviam tomado a rua que havíamos reservado para a militância. Convencemos a brigada que ali era nosso lugar e eles tiveram de recuar. No entanto, se posicionaram na saída, ficaram esperando e agrediram as mulheres”.

Enquanto aguardava para fazer exame de corpo de delito, Deise conversou com a Fórum: “Eu estava com meu filho de 10 anos e com minha secretária. Ao final do ato, fui em direção ao meu carro, que estava estacionado no final de uma rua. Quando estava no meio da quadra, começaram a me atirar pedras e ovos e a gritar ‘peguem a loira’. Ao chegar mais perto, veio um rapaz, me deu um soco no olho e saiu correndo. O instinto me fez correr atrás, mas ele se misturou à multidão. Foi quando me agarraram pelos cabelos, me jogaram ao chão e começaram a me chutar. Estou com o corpo todo machucado. Tive de ser hospitalizada e só não estou ainda internada, porque preciso voltar à radioterapia”, relata.

Deise é de Cruz Alta, é filiada ao PT há mais de 20 anos e diz que sempre sofreu perseguição, especialmente durante campanhas para prefeito na cidade. “Convivo com essas manifestações de ódio há muitos anos”, revela.

18 comentários

  • Abraham Lincoln

    Eu desejo que num futuro próximo a esquerda desapareça, que prática, a indução ou incitação do comunismo seja considerada crime, e outras coisas mais; mas quero que isso aconteça por meio da evolução natural do ser humano, da seleção natural daquilo que é melhor, assim como Darwin adiantou há mais de um século e meio atrás. O que é ruim, o que não se adapta, não sobrevive, simples assim. Brigar? Agredir fisicamente? Bater em mulher? Jesus!!!! Acho que precisamos repensar alguns conceitos.

  • Vá para casa, Lula!!!!

    Quando Lula optou por fazer campanha a presidência — mesmo sendo julgado –era para pressionar os juízes a inocenta-lo no primeiro processo. Não conseguiu pois foi condenado a mais de 12 anos.
    Optou, inicialmente, pelo Nordeste onde é “ídolo” daquela gente pobre e desinformada que sobrevive da renda de seus programas sociais. Foi um sucesso!!!!
    Agora está solto graças a anistia do STF, até 4 de abril e passa vergonha no RS. O TRF-4 deverá decretar a sua prisão. Nestas condições, Lula deveria ficar em casa aguardando seu julgamento, (não candidato) até que se resolvessem o seu caso. Deixar para outro candidato mais novo, do PT. Assim não teria problemas.
    Lula tem mais mais de seis processos e sabe que não livrará da cadeia portanto ser presidente é a sua ultima tentativa de “matar” os seus processos. Que vergonha para ele? Artimanha politica?
    Seria uma vergonha para um país ter um presidente com tantos processos.
    Outro “Temer sem mala” da vida?

  • OS SULISTAS SÃO A MISÉRIA DO BRASIL ALÉM DE SEREM RACISTAS E SEPARATISTAS. ISSO É A VERGONHA DO BRASIL EM CRESCIMENTO E GOSTAM MUITO DA MORTADELA.
    EM CONTRA PARTIDA VEJA O NORTE BRASILEIRO:—Região Norte é a que mais se desenvolve no país, mostra IBGE.
    A região Norte do Brasil foi a que mais se desenvolveu em 2012 na maior parte dos indicadores econômicos, mostram dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
    Uma leitura rápida dos dados pode dar a entender que o Norte não teve um bom desempenho econômico porque, no quesito renda, a região apresentou uma pequena evolução.

    Renda sobe, mas expansão é a menor em 4 anos.
    Desigualdade volta a cair, mas Centro-Oeste destoa.
    Ricos perdem peso na economia, mas aumentam renda.
    Trabalho com carteira assinada cresce em 2012 e Mulheres ainda ganham 28% menos que os homens.
    A renda média dos moradores na região Norte praticamente não mudou de 2010 para 2014, passando de R$ 843 para R$ 844. Enquanto isso, no Nordeste ela avançou 5,4% (de R$ 650 para R$ 685) e no Brasil todo, 1,7% (de R$ 1.019 para 1.036).
    No entanto, a região Norte foi a que teve maior aumento do emprego (4,2%), o que significa que, em conjunto, seus habitantes ganharam renda.
    A queda individual ocorreu possivelmente porque a região foi a única em que aumentou o número de trabalhadores com um a três anos de estudos. Ou seja, entraram no mercado de trabalho local 37 mil pessoas quase sem qualificação (e, portanto, com salários baixos, fazendo cair a média de renda da população ocupada).
    Mesmo tendo sido destaque em 2010, o Norte continua entre as áreas menos desenvolvidas porque partiu de uma base bem mais baixa que a média nacional.
    Veja abaixo alguns indicadores que mostram que o Norte foi a região que mais se desenvolveu no ano passado:
    O número de pessoas de dez anos de idade ou mais que tinham uma ocupação aumentou 2,8% no Brasil no ano passado, somando 92,4 milhões de indivíduos. No total, 2,5 milhões de pessoas entraram nesse grupo em 2008.
    Na região Norte, o aumento foi de 4,2%, de 6,6 milhões para 6,9 milhões. Sudeste teve a segunda maior alta, de 3,5%, para 39,4 milhões. Em seguida vêm Centro-Oeste (3,2%, para 6,9 milhões), Nordeste (2,5%, para 24,5 milhões) e Sul (0,5%, para 14,7 milhões).
    O contingente de trabalhadores com 11 anos de estudos ou mais disparou no Norte (11,9%) e no Nordeste (11,2%). No Brasil, o crescimento foi de 8,5%, para um total de 38,1 milhões de trabalhadores qualificados.
    A região Sudeste, onde se concentra o maior número de pessoas ocupadas com essa qualificação (19,1 milhões de indivíduos nessas condições), o crescimento foi de 7%. No Centro-Oeste, o aumento foi de 9,7%, e no Sul, de 8,3%.
    Também no quesito emprego com carteira assinada, o Norte do país registrou o maior percentual de aumento (13,9%), enquanto a média nacional ficou em 6,6%. Mesmo assim, apenas 23,8% dos trabalhadores nortistas têm emprego formal, enquanto no Sudeste o percentual é de 46,2%, e a média nacional está em 36,4%.
    O número de trabalhadores formais no Nordeste subiu 7,4%; no Sudeste, o aumento foi de 6,4%; no Centro-Oeste, de 6,1%, e, no Sul, de 4,9%.
    O setor em que mais aumentou, em termos percentuais, o número de trabalhadores foi o da construção civil. A alta no país todo foi de 14,1% (de 6,1 milhões de pessoas para 6,9 milhões). No Norte, o aumento foi de quase 20% (para 567 mil).
    Os setores que têm mais trabalhadores no país, embora não tenham crescido tanto, são a agricultura e o que o IBGE chama de comércio e reparação, cada um com 16,1 milhões de trabalhadores. Em terceiro vem a indústria (14 milhões).
    O índice de Gini, padrão internacional para medição da distribuição de renda, caiu 0,7% no Brasil, o que significa redução na desigualdade. O indicador recuou no Norte (1,9%) e Sul (1,4%), ficando praticamente estável nas demais regiões.
    Com isso, a região Norte passou a ser, ao lado do Sul, a região menos desigual, com o índice marcando 0,498 ponto, Em seguida vêm Sudeste (0,507), Nordeste (0,539) e Centro-Oeste (0,567). A média do país é de 0,531. Quanto maior o número, maior a desigualdade.
    Como consequência do aumento do número de trabalhadores formais, elevou-se em 5,9% o contingente de pessoas que contribuem para a previdência pública no Brasil. A região Norte novamente foi o destaque de alta (12,3%), seguida por Nordeste (8,3%), Sudeste (5,8%), Centro-Oeste (5,4%) e Sul (2,5%).
    O país tem hoje, no total, 48,1 milhões de pessoas que contribuem para a Previdência, e 44,2 milhões que não contribuem. Em termos percentuais, 52,1% participam da aposentadoria pública enquanto 47,9% não o fazem.
    O acesso à rede de água, um item básico de infraestrutura, aumentou fortemente (8,8%) no Norte do país, bem acima da média nacional (4,1%). Com isso, a região diminuiu um pouco a sua defasagem nesse quesito. No ano passado, 58,3% dos domicílios nortistas estavam ligados à rede de água (a média do país é de 83,9%).
    O Sudeste tem hoje 91,8% dos seus domicílios atendidos com rede de água. No Sul, essa proporção é de 84,1%; no Centro-Oeste, 81,3%; no Nordeste, 78%.
    O que representa os sulistas racista para o Brasil? Nada. Representa um atraso se comparados com as outras regiões do Brasil, deveriam mesmo os sulistas se separarem de nosso país, pois assim nosso desenvolvimento em todos os níveis cresceriam. Pena que a Constituição brasileira não permite.

  • STF e os bundões

    Certa vez, Lula disse (em gravação) a Dilma de que ‘Nós temos uma Suprema Corte totalmente acovardada’. Ele tinha razão. São uns bundões. kkkkkk
    Agora, o advogado Carlos Alexandre Klomfahs enviou uma manifestação neste sábado, ao ministro Edson Fachin, do STF, para que ele diga ‘quais foram os critérios’ usados para colocar o pedido do Lula. em pauta ‘em detrimento de milhares que jazem à porta da Corte’.
    Segundo ele, existem 5 mil habeas corpus repressivo, e segundo noticiado pela imprensa hoje, 29 dos HC’s não tiveram decisão alguma no STF. Ainda 149 estão prontos para análise, 21 no plenário! Parece que eles não trabalham!
    Parece que a decisão do STF não agradou nem Lula que disse “quero que a Suprema Corte analise o mérito do processo.” E nem o povo!!!!

  • SULISTAS É UMA PRAGA RURALISTA ONDE CRESCE A ESCRAVIDÃO E O :——–A Cultura no Norte do Brasil: Características Gerais******
    Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins são estados que formam os estados da região Norte do Brasil. A diversidade cultural na região é miscigenada: Asiáticos, europeus, africanos, nordestinos, gaúchos, cearenses, imigrantes e indígenas.
    Há ampla quantidade de eventos culturais que servem para rememorar épocas festivas de situações peculiares vividas da tradição nortista. O povo tem costume de receber com felicidade pessoas de outras culturas. População receptiva e alegre.
    ***Círio de Nazaré e Boi-Bumbá
    Por causa de questões religiosas ou por vaidade os populares indígenas usam acessórios e pinturas para celebrar as celebrações. As duas festas populares do Norte são: Festival de Parintins (boi-bumbá) em junho no Amazonas e Círio de Nazaré, no segundo domingo do mês de outubro com média de público fixada em dois milhões de pessoas.
    Círio de Nazaré: Desde o século XIX é realizada na capital do Pará, Belém. Conhecida procissão católica do Brasil com capacidade de atrair público em nível mundial. Considerado evento sagrado de fiéis católicos. Multidões de romeiros caminham com fé nas ruas em homenagem a Nossa Senhora de Nazaré, a mãe de Cristo.
    ***Boi-Bumbá: Representa espécie de bumba meu boi, cuja prática acontece em outros estados brasileiros. Representa modo antigo de distração introduzida por colonizadores da Europa. A história aponta que simboliza primeira expressão popular do teatro nacional.
    ***Festival de Parintins
    O evento boi-bumbá está presente no Festival de Parintins. Dentro da arena se apresentam agremiações intituladas: Boi Caprichoso (azul) e Boi Garantido (vermelho). O evento tem três noites de apresentações de costumes dos ribeirinhos, rituais indígenas, aspectos regionais, alegorias de encenações.
    Manifestação cultural marcante no norte do país está no carimbó, gênero musical com origem negra cuja dança é feita com pares que formam duas fileiras entre mulheres e homens. Quando a música começa o público masculino se direciona ao feminino batendo palmas e formando os pares. As duplas giram entre si.
    ***Congada: Dança do Norte
    Também chamada de Congo, consiste em manifestação de cultura africana com forte influência ibérica. Não se pode ignorar o fato de que a dança era conhecida na capital de Portugal, Lisboa, entre os anos de 1840 e 1850.
    Na atualidade se encontra amplo poder popular na região nortista. Dança celebrada em principal durante épocas natalinas, nas festas de Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito.

    A congada representa a coroação do rei e da rainha, eleição proposta por escravos, responsáveis por liderar a lita contra o embaixador. O povo escravizado vence a luta e as figuras reais perdoam os representes do antigo poder. A celebração termina com o batizado dos infiéis.
    ***Cavalhadas em Taguatinga: Tocantins
    No sul de Tocantins, na região de Taguatinga, as Cavalhadas são realizadas desde o ano de 1937 para homenagear Nossa Senhora do Abadia. Acontecem nos dias 12 e 13 de agosto.
    No começo do ritual aconteça a benção que o sacerdote concede aos cavalheiros. Eles demonstram as lanças usadas no treino para batalha, simbolizando que estão preparados para travar a luta em nome de fé católica e do imperador.
    Outro evento considerado comum é a Folia de Reio, comemorada no nascimento de Cristo, que encena a visita dos três reis magos à Belém para adorar Jesus, o Messias. Historiadores dizem que a origem portuguesa do fato cultural tinha por costume comemorar o nascimento de Cristo.
    ***Divino e Jerusalém do Amazônia
    A Festa do Divino também possui origem do colonialismo português, evento festeja na região de Rondônia que reúne público em massa entre os meses de abril e junho. Espetáculo com repercussão positiva dentro de fora do país.
    ***Jerusalém da Amazônia representa segunda grande cidade cenográfica no globo terrestre, local no qual se encena a Semana Santa e a Paixão de Cristo – evento com significância fundamental para Rondônia.
    ***Culinária Tradicional no Norte do Brasil
    Com base na mandioca e nos peixes a herança indígena tem presença forte dentro da culinária do Norte. A população do Amapá aprecia o costume de consumir carne de sol.
    Pimenta de cheiro, camarão, jambu, mandioca e tucupi também fazem parte da cozinha nortista. Outro prato tradicional é o tucupi, composto por mandioca cozida e espremida na peneira indígena chamada tipiti.
    Na parte interna da Ilha de Marajó cabe o destaque ao fruto do vaqueiro, preto composto por cortes de carne de búfalo junto com pirão de leita. Quem está em visita na região não pode dispensar a muçarela de búfala.
    ***A Floresta Amazônia é conhecida por deter o título de maior espaço tropical natural do mundo. A biodiversidade se reflete na quantidade de frutos encontrados na região, tais como açaí, pupunha, tucumã, buriti, graviola, bacuri e cupuaçu.
    Norte do Brasil: Artesanato
    Turistas podem contar com a certeza de encontrar artesanatos diversificados, trabalhos produzidos por matérias como: Madeira, látex, couro, barro, pedra-sabão, cerâmica, coquinho, fibras, entre outros.
    Potes, cestarias, brincos, colares e animais compostos em madeira são apenas alguns dos exemplos que podem ser encontrado nas feiras livres. Especialistas apontam que o artesanato dos povos indígenas da região Norte do Brasil são usados como enfeites ou indumentárias (vestuário) utilizadas em rituais. Presentes da produção de utensílios domésticos ou como forma de comércio.
    Artes da plumária e cerâmica são dominadas pela tribo dos Karajás. Os trançados ficam por conta dos Akwe. Timbiras podem ser procurados por quem deseja consumir trançados e artefatos. Certos símbolos são considerados amuletos contra espíritos malignos que ameaçam as tribos.
    Em Tocantins o capim dourado se destaca no campo do artesanato. A matéria-prima consiste de planta exclusiva do estado. Enfeites, mandalas, chapéus, pulseiras, brincos, potes e bolsas na produção artesanal. Podem ser encontrados por volta de cinquenta produtos, artesanatos estão em formatos arredondados, visto que a fibra não permite que as peças sejam dobradas.
    ***Cultura e Norte do Brasil
    Em aspectos culturais a região norte representa de maneira significante a cultura brasileira. Os aspectos da cultura demonstram a diversidades de etnias está presente junto com variedades de alimentos e movimentos artísticos apoiados por poder público e iniciativa privada. A presença de indígenas ainda é marcante e ajuda a região em cultuar lendas e festas.
    O NORTE BRASILEIRO . e A CULTURA DOS SULISTA—PEGAR NO RABO DOS BOIS E DAS VACAS.
    Chega pois não da para comparar o verdadeiro Brasil com os sulistas separatistas e racista.

    • SOCAPIMCANELE

      O senhor ENTENDIDO, saberia nos dizer quais os Estados da nação que mais exporta grãos para o MUNDO ?.
      Inclusive os Estados que receberam os SULISTAS ?.
      No aguardo, já que o senhor é entendido em tudo.

    • SESE P~S

      E ainda tem gente chupando os ovos podres do encantador de burros. Cuidado elle tem cancer e pode ser contagioso.

    • Munir

      CARO PROFESSOR O AGRONEGÓCIO É A SALVAÇÃO DO PAIS DESGRAÇADAMENTE DESTRUÍDO POR DILMA E LULS

  • Eu um cidadão brasileiro com meus direitos e deveres constitucionais e também sendo politicamente de centro esquerda desejo que o mais rápido possível que a a direita desapareça principalmente pela mesma descrever uma visão ou posição específica que aceita a hierarquia social ou desigualdade social como inevitável, natural, normal ou desejável. Esta postura política geralmente justifica esta posição com base no direito natural e na tradição, ou seja a direita domina e as classes sociais que são prejudicadas com a falta de uma politica econômica e social favorável igualmente para todos.
    Para compreender melhor a origem do conceito de “direita” para a política, é necessário observar o cenário da Revolução Francesa (processo revolucionário fundamentado em conceitos da filosofia iluminista), no final do século XVIII. O termo “direita” referia-se ao grupo de parlamentares que se sentava ao lado direito do presidente da Assembleia Nacional Constituinte, enquanto elaboravam as leis que iriam reger a república, em substituição ao regime monárquico.
    Esses políticos defendiam ideais e leis mais conservadoras e tradicionalistas, em confronto aos políticos que sentavam à esquerda, que defendiam propostas políticas mais radicais, que buscavam mudanças na sociedade para o bem das classes sociais .
    Só os Imbecis tem a ideia de ligar a esquerda ao comunismo e ao ao capitalismo por que?::::::::
    1. Somente as economias comunistas se apoiam em violência de Estado obviamente, nenhum ricaço quer abrir mão de parte de sua fortuna, e qualquer tentativa de obter justiça econômica (como os impostos sobre grandes fortunas) sofrerá uma oposição ferrenha das classes mais altas.
    No capitalismo, as reivindicações de propriedade autorizam o Estado a usar a violência para excluir todos, menos um reclamante. qualquer um que discorde. Também ai vem a ideológica da direita.
    Isto é verdadeiro para objetos pessoais e para a propriedade privada, mas é importante não confundi-los.
    2. As economias capitalistas são baseadas em livre comércio.isso é ideia da esquerda e não da direita comunista.
    O oposto do mito do “comunismo opressivo” é o “capitalismo libertador”. A ideia de que todos estamos fazendo escolhas livres todo o tempo é claramente desmentida pela experiência de centenas de milhões de pessoas. A maioria de nós nos encontramos atrelados às pressões da competição.
    Mas mesmo este chefe (o aparente vencedor no “livre mercado”) não é livre: o mercado impõe à classe proprietária o imperativo de acumular riqueza incansavelmente ou então fracassar.
    3. O comunismo matou 110 milhões* de pessoas por resistir ao fim da propriedade privada. e a esquerda politica luta pela igualdade territorial, ao contrário da direita.
    Gutfeld e sua laia insultam o sofrimento de milhões de pessoas que morreram sob Stalin, Mao e outros ditadores comunistas do século 20. Pegar um número grande de mortos e atribuir suas mortes a algum abstrato “comunismo” não é uma maneira de mostrar preocupação humanista com vítimas de atentados aos direitos humanos., isso é direita politica e não esquerda que luta pela humanização com direitos iguais.
    A Grande Fome Chinesa, cujas mortes são difíceis de precisar, mas certamente foram dezenas de milhões. mas o principal foi o “Grande Salto Adiante” de Mao, uma combinação desastrosa de pseudociência aplicada e perseguição política pensada para transformar a China em uma superpotência industrial num piscar de olhos. Os resultados da experiência foram extremamente cruéis, mas dizer que as vítimas morreram porque, em são consciência, não quiseram ser voluntários de um “sonho de esquerda” é ridículo. A fome não é um problema unicamente da esquerda, pois a mesma luta pela igualdade e liberdade entre os povos diferentemente da direita ideológica, que deveria sumir do mapa politico do mundo.
    4. Governos capitalistas e da esquerda não cometem atentados aos direitos humanos.
    Seja qual for a avaliação dos crimes cometidos pelos líderes comunistas da direita, não é esperto por parte dos fãs do capitalismo brincar de contar corpos, porque se pessoas como eu têm de explicar os gulags e a Campanha das Quatro Pragas, eles precisam explicar o comércio de escravos, o extermínio indígena, os holocaustos do fim da era vitoriana e toda guerra, genocídio e massacres promovidos pelos EUA no esforço de combater o comunismo da direita.ara mim, comunismo é uma aspiração, não algo imediatamente conquistável. Isto, como a democracia e o libertarianismo, é utópico porque envolve um ideal, neste caso a não-propriedade de tudo e o tratamento de tudo –incluindo cultura, tempo das pessoas, o mero ato de cuidar, e coisas assim– de forma digna e intrinsecamente valorizada em vez de tratado como mercadorias que podem ser postas à venda. Etapas para esta condição não necessariamente incluem algo tão assustador quanto a completa e imediata abolição dos mercados (afinal, os mercados antecedem o capitalismo em vários milênios e comunistas adoram um bom mercado direto do produtor). Pelo contrário, eu defendo que podem até incluir reformas com o apoio obtido entre partidos divergentes ideologicamente.Isso é um pouco mais das ideologia da esquerda
    O que é ruim nisso tudo é a imbecilidade dos da direita politica principalmente brasileira: colocaram brigar, Agredir fisicamente e Bater em mulher. Agora eu pergunto quem fez essas barbáries não foram os da direita sulistas, com a caravana de Lula, que atacada no RGS, com pedras, tiros e mais alguns militantes da direita batendo em mulher, que tiveram que ser internadas, pois levaram socos e chutes, de quem? dos sulistas racistas da direita que querem o poder a qualquer custo, pois através do voto jamais
    Tem imbecis que não aprenderam direito a História.

  • SOCAPIMCANELE

    Xi
    Sai um louko, entra outro.
    Vai arrumar emprego seu pinel.
    Rir de você seria pouco, teria que gargalhar por meses.

  • AO IGNORANTE QUE NÃO CONHECE A HISTORIA E FALA EM ACABAR COM A ESQUERDA.
    ·
    O SUL JÁ ERA DA DIREITA, FASCISTA,RACISTA , NAZISTA E COMUNISTA,ESSES ATOS TERRORISTA LÁ É NORMAL ,ELES ATACAM NEGROS,ÍNDIOS E POBRES HÁ 500 ANOS.
    ESQUECI SEPARATISTA

  • SOCAPICAEMVOCÊ meu caro amigo, o mesmo de sempre que adora um rolo de salame e sempre tem que ser da Sadia.
    Louco eu seria se no período noturno eu fosse procurar sua genitora no pontilhão, pois de doenças eu corro longe, principalmente agora que estou desempregado vivendo as custas de um zambrito , Tibúrcio, varado,pancado, drogado como sua pessoa.

  • SOCAPICANAMAMÃE caiu da égua meu caro, vou lhe passar somente algumas informações seu Asno, para aprenderes e não ficar perguntando:–

    ***MS exporta 1,7 milhão de toneladas de soja em 2017 e registra recorde histórico
    As exportações de soja em grão tiveram elevação em Mato Grosso do Sul. De janeiro a abril deste ano, o volume embarcado pelo estado foi de 1,66 milhão de toneladas da oleaginosa, com alta de cerca de 4% em relação ao mesmo período do ano passado ultrapassando inclusive o Sul. O resultado representa um recorde histórico para o período analisado.
    Os dados são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e foram divulgados pelo departamento de Economia do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, no último boletim agrícola. Paralelo ao volume exportado está a receita.
    O montante ultrapassa 640 milhões de dólares, com crescimento de 16% se compararmos com os primeiros quatro meses de 2016. O preço médio pago pela tonelada de soja no primeiro quadrimestre deste ano foi de US$ 386,50 contra US$ 346,89 de igual período do ano passado, com incremento de 11%. “Observamos que mesmo com a queda da moeda no período, houve valorização em dólar do produto exportado, resultado da demanda internacional aquecida”, complementa o analista econômico do Sistema Famasul, Luiz Gama, ficando inclusive a frente do sul brasileiro..
    ***Centro-Oeste produz 42% da safra de grãos e é o principal pólo agrícola do País
    Entre os produtos mais cultivados estão a soja, o milho e o algodão, importantes itens da pauta de exportações brasileira
    Área plantada cresceu 3,6% na última safra.
    Brasil deverá colher 42 milhões de sacas de café em 2016.
    Aumento de 6,4% na produtividade faz safra bater recorde.
    Produção de soja se aproxima de 100 milhões de toneladas, ultrapassando também em grãos o sul.
    O Centro-Oeste respondeu por cerca de 42% da produção brasileira de grãos na safra 2014/2015, atingindo 209 milhões de toneladas. A produção da região alcançou 88 milhões de toneladas no ciclo agrícola, concluído recentemente, com aumento de 7,7% em relação a temporada anterior (2013/2014), de 81,7 milhões de toneladas. Entre os produtos mais cultivados no Centro-Oeste estão a soja, o milho e o algodão, importantes itens da pauta de exportação do Brasil. Os dados são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).
    Os números da safra 2015/2016 mantêm o Centro-Oeste como a principal região agrícola do País, seguido do Sul (77,4 milhões de toneladas), Sudeste (19,1 milhões de toneladas), Nordeste (16,8 milhões de toneladas) e Norte (8 milhões de toneladas). O Centro-Oeste ocupa essa posição desde a temporada 2011/2012, quando ultrapassou pela primeira vez o Sul, na série histórica da Conab, com uma produção de 71,1 milhões de toneladas, colhidas em uma área plantada de 18,8 milhões de hectares.
    O mercado de exportação da soja no Brasil, segue aós itens anteriores e os anos.
    ********Rio Grande do Sul é o terceiro estado com maior índice de exportação no país leu com atenção seu Asno?
    A soja é uma das culturas do agronegócio mais fortes do Brasil e o MS é o Estado de maior produção desse produto.. Ela chegou ao país no século XIX através dos Estados Unidos, mas começou a tomar grandes proporções econômicas nos anos 70, tendo seu início de produção na Bahia. Com uma grande massa de imigração japonesa, as técnicas de plantação, colheita e venda começaram a se expandir também por outros estados.
    De acordo com dados divulgados no Sistema de Análise das Informações de Comércio Exterior (AliceWeb), somente no primeiro trimestre de 2017, o Brasil já exportou quase 17 milhões de toneladas, o que representa um aumento de 28,5% em relação mesmo período no ano passado e uma elevação de 73,7% em relação à 2015. Esses altos valores também refletem na economia do país, que arrecadou até março deste ano 6 bilhões e 728 milhões de dólares “Free on Board”.
    E sempre tendo o MS como o maior exportador, depois o Centro Oeste esta e em terceiro lugar o Sul, Estado separatista, racista e homofóbico.
    Deu para entender seu Bosta, você não tem e nunca terá argumentos suficientes para discutir comigo seu asno, a unica coisa que o sul tem aos montes são os gays como você.
    Ficou muito tempo no aguardo? Não é passou vergonha seu analfabeto em história agrícola do país, este estadinho de merda sem o resto de nosso território é uma merda. aquilo que você tem no cérebro
    ahahahahahahahahahahahahah kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk..

  • DIREITA FASCISTA ESTA DESESPERADA:——–

    Deprimente é ver toda a direita depender da condenação do adversário pARA ter chances nas urnas.

  • https://falandoverdades.com.br/wp-content/uploads/2018/03/operador-do-psdb-1.jpg

    Não é à toa que setores da grande mídia iniciaram um movimento para descolar do tucanato paulista a figura de Paulo Preto – que nem é mais chamado assim nas manchetes, virou “Vieira de Souza”, pelo sobrenome.
    A íntegra da denúncia que a Lava Jato em São Paulo apresentou na quinta (22) contra o ex-presidente da Dersa – no mesmo dia em que todas as atenções estavam voltadas para o julgamento do HC de Lula no Supremo – revela um esquema sórdido de desvio de recursos públicos. Recursos que deveriam ajudar famílias desalojadas em função das obras viárias no Estado.
    O escândalo de mais de R$ 7 milhões envolve o sistema de cadastro de entrega de unidades habitacionais da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) e pagamento de verba de indenizações e outros benefícios ligados à moradia, corrompido por Paulo Preto e subordinados, bem debaixo dos narizes de José Serra e Geraldo Alckmin, o pré-candidato do PSDB à Presidência da República.
    “As fraudes ocorreram em lapso temporal elástico e duradouro (de 2009 a 2012), só sendo interrompidas porque um funcionário subordinado a ex-funcionária da Dersa, Alexander Gomes Franco, relatou o esquema ao Ministério Público no Estado de São Paulo”, diz a denúncia.
    Famílias em situação de vulnerabilidade social e retiradas à força de locais afetados pelas obras ficaram desamparadas, pois os recursos foram parar no bolso de conhecidos e parentes da quadrilha, de favorecidos que não reuniam as condições exigidas pelo programa de assentamentos ou simplesmente no caixa de propina supostamente mantido nas dependências da Dersa.
    A denúncia afirma que “valores em espécie transitavam dentro da Dersa, sendo que somas altas de dinheiro ficavam na sala de Geraldo [Villela, ex-chefe do Departamento da Área de Assentamentos] (…) e no cofre da Dersa.” Geraldo e Paulo Preto “mandavam entregar os valores para quem se apresentasse como indicado por eles.”
    Sem explorar o potencial escandaloso de uma evidência, como é de praxe na Lava Jato em Curitiba, os procuradores de SP anotaram, ainda, que “há notícias de que lideranças do tráfico de drogas invadiam as áreas dos empreendimentos e muitos desses líderes só seriam atendidos por Paulo Vieira.”
    Para representar contra Paulo Preto, sua filha Tatiana, o chefe do Departamento da Área de Assentamento da Dersa, Geraldo Villela, e mais duas mulheres cujos nomes foram mantidos em sigilo por “questão de segurança”, o Ministério Público Federal usou principalmente um relatório de auditoria interna – que indicou quase 2 mil fraudes que somam mais de R$ 7 milhões (valores desatualizados) – depoimentos colhidos no MPF e na Polícia Federal e a contribuição da ex-funcionária da Dersa (XXX) e sua irmã (YYY), que forneceram documentos e relatos sobre a parte operacional do esquema.
    Em síntese, atendendo aos interesses de Paulo Preto, Geraldo orientava XXX a forjar cadastros que permitissem que laranjas fossem autorizados a receber recursos do programa de assentamento. Quando XXX terminava o serviço – muitas vezes, usando nomes de familias e conhecidos seus -, Geraldo liberava o crédito para esses beneficiários irregulares. Quando o valor era muito alto, Paulo Preto, em cargo superior, entrava em cena.
    O papel de YYY era sacar o dinheiro em espécie que era desviado para pessoas vinculadas à ex-subordinada de Geraldo. Os recursos, em sua maioria, voltavam para o centro de comando, porque eram devolvidos por YYY a “funcionários” de Paulo Preto.
    Em alguns casos, os beneficiários, de fato, receberam, indevidamente os recursos. Em outros, Paulo Preto dava ordens para incluir até “invasores” – ou seja, pessoas que não tinham imóvel regular em área a ser desapropriada – na lista de beneficiários.
    O volume de desvios foi descoberto, em parte, graças a uma planilha entregue por XXX, com os cadastros fraudulentos. O documento foi cruzado com outros dados do programa social, para identificar quantos benefícios foram indevidos. (…)
    A Direita Fascista Maldita.

  • MUNIR após ler o que escreveste no Blog, vou discordar de suas ideias tiradas não sei de que lugar, Jornal, Revista, Televisão ou Rádio, pois primeiro pesquisei depois sim vou lhe mostrar:
    Governos Lula e Dilma multiplicam por cinco a oferta de crédito e o agronegócio bate recordes sucessivos
    Com Lula e Dilma, o agronegócio brasileiro tornou-se um gigante mundial e fez do Brasil um dos maiores produtores e exportadores de alimentos do planeta. O volume de crédito para o setor cresceu cinco vezes: dos R$ 27,6 bilhões da safra 2002/2003 (a última antes do governo Lula) para os R$ 156,1 bilhões do Plano Agrícola e Pecuário 2014/2015, o maior da história.
    Abertura oficial da colheita da safra de grãos 2013/2014, a maior da história.
    Com mais recursos a cada ano, o agronegócio respondeu à altura: a produção de grãos cresceu 98% em 12 anos, saltando de 96 milhões de toneladas (safra 2001/2002) para 191 milhões de toneladas (2013/2014), graças ao aumento da disponibilidade de recursos, redução das taxas de juros, e melhoria nas condições de acesso ao crédito e ao seguro rural.
    Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio chegou a R$ 1,03 trilhão em 2014, valor 4% superior ao de 2013 (R$ 991,96 bilhões). Caso a previsão se confirme, o PIB do setor terá crescido 34% em dez anos.
    De cada quatro produtos agrícolas consumidos no mundo, um é brasileiro
    As exportações do agronegócio mantiveram sua trajetória de alta, chegando a US$ 99,97 bilhões em 2013, crescimento de 4,3% em relação a 2012. O Brasil é líder mundial em exportações de café, açúcar, suco de laranja, carne bovina, carne de frango, soja em grãos e milho. E mais: de cada quatro produtos agrícolas consumidos no mundo, um é brasileiro.
    O peso do agronegócio na balança comercial é cada vez mais significativo. Em 2013, o setor foi responsável por 41,28% das exportações brasileiras. A China ultrapassou a União Europeia e é hoje o principal destino das exportações do agronegócio brasileiro: 22,9% do total vai para aquele país. Em 2013, a China importou US$ 22,88 bilhões em produtos agropecuários brasileiros, crescimento de 27,3% em relação a 2012.
    Deu para ter uma ideia o que foi o agronegócio no governo Lula e Dilma. Acho que sim.

  • MUNIR MAIS ALGUNS EXEMPLOS SOBRE O AGRONEGÓCIO DO GOVERNO LULA E DILMA-PRESTA ATENÇÃO:—-

    http://brasildamudanca.com.br/sites/default/files/images/_agronegocio_v2.jpg

  • elias

    Quando é a turma da esquerda quebrando tudo, partindo pra porrada, destruindo bens ai tudo bem né.

    Fico feliz por ver que o povo esta acordando, e isso vai ser no país todo, ou Lula vai ser presidente na cadeia, ou vai pra Venezuela pedir cargo pra Maduro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *