7 comentários

  • Rapizodia

    Fico imaginando o que pensaram os eleitores deste governo quando deram seu aval nas urnas. Alguns familiares meus votaram nesta administração, participaram de carreatas com camisetas amarelas da CBF e tudo o mais. E agora? Se a ideia era só destruir o PT porque então destruir o país? E o que assistimos agora!? Não aconteceu a destruição dos comunistas, mas a do país vai a passos largos, com um governo que se assemelha a uma locomotiva descontrolada em trilhos precários. Não venham dizer que era isso ou o PT novamente. Tínhamos várias opções. Nem mesmo este governo acreditava que chegaria a vitória, tanto que não estudou e nem preparou um plano de governabilidade, está claro isso! A vitória caiu no colo e agora não sabem lidar com ela. Você que votou nesta administração acreditou mesmo que havia possibilidade de dar certo? Fomos todos negligentes ou covardes em algum momento, pois estava desenhado que seria um desastre. Os negligentes acharam: ‘Ele tá certinho de não ir a debates, a posição dele permite e eu na mesma posição também não iria’, os covardes (me encaixo nesta categoria) acharam: ‘Não acredito que os brasileiros vão entrar nessa roubada, não é possível que não tenham um mínimo de percepção de realidade’ e deixamos correr sem lutar. O resto da história está sendo contada todos os dias e da pior maneira que podemos imaginar. Escrevi aqui como reflexão para aqueles que venham a tê-la e relacionando com a administração federal, mas também pode ser transportada para Jales, que guardadas as proporções e alguns detalhes, parece um mini Brasil, é incrível como as histórias são parecidas.

  • TRUMPH

    Cardosinho vamos arregacar as mangas e trabalhar para um país melhor.
    Para com esse mimimi danado!

    • Rapizodia

      Também acho! Qual a sua sugestão? Indica aí os acertos da nova administração federal ou mesmo municipal para avançarmos ao desenvolvimento? Posso sugerir o novo ministério da educação? Que acha do novo ministro? Viu a curta entrevista dele hoje juntamente com nosso Presidente? Acha que estamos no rumo certo?

  • Anonimo

    A Família toda vai trabalhar em Brasilia:

    https://abrilexame.files.wordpress.com/2019/04/leo-c38dndio.jpg?quality=70&strip=info&resize=680,453

    Sobrinho de Jair Bolsonaro ganha cargo de confiança no Senadonovo comissionado do Senado ficou conhecido pelo livre trânsito que tem no Palácio do Planalto.
    “Leo Índio”, primo dos filhos do presidente Jair Bolsonaro, ganhou um cargo de confiança no Senado. Leonardo Rodrigues de Jesus foi nomeado no posto de assessor parlamentar do senador Chico Rodrigues (DEM-RR). Pela nomeação, vai receber R$ 14.802,41.
    O novo comissionado do Senado ficou conhecido pelo livre trânsito que tem no Palácio do Planalto. Muito próximo do “02”, o vereador Carlos Bolsonaro, com quem morou no Rio, “Leo Índio” esteve no Planalto 58 vezes só nos primeiros 45 dias de governo.
    O sobrinho do presidente nunca assumiu cargo no Planalto, mas mesmo assim era comum vê-lo em reuniões internas e agendas externas de Bolsonaro. O jornal O Estado de S. Paulo apurou que ele teria participado de pelo menos uma reunião reservada com autoridades envolvidas na reforma da Previdência. Oficialmente, foi a três órgãos internos do Planalto, fora salas e gabinetes por que passou sem anúncio nem registro.

  • Eurico

    Aos da Direita Fascista ordinária:**********
    Mas qual é a desse delegado Flores de Lima? Por que tomou atitude tão absurda de querer estender a veículos que atacam Lula uma entrevista que ele jamais daria a tais veículos?
    Não é preciso pensar muito para supor o autor dessa molecagem. Quem manda na Polícia Federal? É óbvio: após o presidente da República, o chefe da Polícia Federal é o ministro da Justiça, Sergio Moro. Mas não é só isso.
    O delegado Luciano Flores de Lima foi recrutado por Moro com uma missão bem específica.
    Moro nomeou delegados da Polícia Federal com os quais já trabalhou, como Luciano Flores de Lima. Ele foi superintendente da Polícia Federal de Mato Grosso do Sul, é delegado da PF desde 2002 e entre 2014 a 2016 atuou na Lava Jato. No último ano (2017), exerceu o cargo de delegado regional executivo da Superintendência da Polícia Federal no Espírito Santo.
    Fica cada vez mais claro o uso do Poder de Estado para perseguição política. Moro tentou calar Lula mandando a juíza Carolina Lebbos, executora da pena do ex-presidente, negar permissão para que ele falasse à imprensa. Como não conseguiu, após o STF autorizar a entrevista, Moro tentou atrapalhar a divulgação da entrevista tirando a exclusividade de quem conseguiu.
    Se o Brasil fosse um país sério com um Poder Judiciário sério, esse delegado e seu chefe deveriam ser responsabilizados por usarem seus cargos para fazer política partidária em favor de políticos como Sergio Moro e Jair Bolsonaro… Ou alguém não sabe que Moro, ao aceitar ocupar cargo político, tornou-se um político como qualquer outro?
    Essa quadrilha, liderada por Bolsonaro e tendo como guarda costa Moro esta no poder do Brasil a mais ou menos 120 dias e não podemos esquecer, da Rachadinha, do Laranjal, do Cx.2 de Onysx, do motorista Fabricio Queiroz etc…..

  • Eu

    Eurico, não sou direita, não sou esquerda, não sou nada, mas sempre foi assim são todos iguais, o negocio é torcer pra dar certo.

  • Zézo

    Cardosinho, tudo o que vc posta sobre o Bolsonaro eu penso imediatamente no seu silêncio perante o Flá.
    Já está claro para a população que o Fla esta sendo o pior prefeito dessa cidade, mas vc insiste em passar a mão no seu governo.
    Nunca vi você criticando NADA da administração Flá nesses dois anos e pouco de administração (que é de direita e bolsonarista, inclusive).
    Nunca entendi isso.
    Afinal, de que lado vc está?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *