EM SÃO PAULO, MÃES CANTAM “CAI CAI, TEMER”. E EM LONDRES, BRASILEIROS PEDEM ‘FORA TEMER’

images_cms-image-000515990

Deu no Brasil 247:

Um grupo de cerca de 50 mães se reuniram com seus filhos no Vão Livre do Masp, na Avenida Paulista, na tarde de sábado, 10, em protesto contra o governo Temer e por Diretas Já.

As músicas entoadas pelo grupo eram novas versões de canções para crianças, mas com letras contra Cunha, o golpe e Michel Temer. “Cai cai Cunha, cai cai Temer” representou “Cai cai balão”.

images_cms-image-000515985

Também ontem, sábado, manifestantes brasileiros protestaram contra a Globo e por “Fora Temer” durante o Brazil Day em Londres, na Trafalgar Square.

O Brazil Day é um evento de música e comida brasileira que foi organizado pela Embaixada Brasileira em parceria com o Ministério dos Esportes.

“Serra out”, “Temer out”, “R.I.P. Democracy”, “Fora Temer” e “Diretas Já” foram alguns dos cartazes levantados no ato.

Um grupo do coletivo Arts For Democracy estava vestido de preto, carregando caixões e em luto pela democracia.

14 comentários

  • Não é "fora Temer". É "volta Lula"

    Depois de 54 milhões de petistas e peemedebistas votarem em Dilma e Temer agora 50 mães petistas que também votaram em Temer pedem a sua saida. Acho que só os coxinhas deveriam pedir a sua saída.
    Enquanto isso não acontece pois os petistas não tem apoio da população, Lula, Dilma e até Cunha, já com 6 pedidos, (que quadrilha!) recorrem ao STF para anular os seus processos e não ganham. Só “fumo”!
    Depois de 13 anos juntos “de amor”, Dilma e Temer governaram o país roubando a Petrobras, os aposentados e os fundos de pensão dos funcionários de 4 grandes estatais.
    Agora, acabou o dinheiro, Temer passou a mão na bunda de Dilma e os petistas querem que ele também saia para tentar (será que se elege?) salvar Lula da cadeia, com os seus 6 processos.
    Para isso, os petistas passam frio na paulista, com cartazes por seus ídolos.
    São uns trouxas

  • nois

    NÃO É FORA TEMER. ´’E VOLTA LULA’o trouxa nesta história contada com palavras do facebook és tu, que para ser um analfabeto só falta as penas, mas como analfabeto não tem pena é você mesmo.
    Foram 55 milhões de brasileiros votando em Dilma e obrigatório em Temer o chefe e traidor da quadrilha do golpe pois o mesmo era vice e, vice e merda é a mesma coisa ( igual a você ), tanto foi golpe que só tiraram o poder de Dilma como presidente, pois seus poderes políticos continuaram ( 2018 Lula Presidente e Dilma Senadora pelo RGS ).
    TROUXA leia os jornais e revistas da ultima semana e vê que a rejeição de Temer esta passando 89%, vaiado em todos os lugares,, manifestações diariamente com o Fora Temer, só na Av. Paulista mais de 90 mil pessoas, no exterior, manifestações sempre com o Fora Temer, PSDB, DEM, PMDB e os números de participantes.
    Lula e Dilma tem ou não apoio da população. Trouxa recorrer de processo é uma coisa natural e todos os cidadãos tem esse direito, agora ganhar ou perder faz parte do jogo..
    Quanto ao Fumo acho eu que o único que leva e gosta é você, pois não tira o fumo da boca e não para de escrever burradas. E ainda reclama que o Temer esta passando a mão na Bunda da Dilma? o que queria? Que ele passasse a mão na sua Bunda.
    Temer para Dilma e nós, não é e nunca foi nada, pois não governa e não tinha poder nenhum ( lembra da carta de amor que ele mandou para Dilma).
    Sobre a quadrilha que rouba a Petrobras, as Empresas, Aposentados e Fundos de Pensão, talvez sejam estes, abaixo que esta falando o TROUXA, sem contar os ministro do governo que estão sendo investigado pela Lava Jato:–
    Alguns políticos que receberam dinheiro em espécie, conformes delatores da Lava Jato, você só não vai ler ou ouvir o nome de Dilam e Lula seu trouxa que gosta de fumo e bem grosso. Michel Temer pediu doação de R$ 1,5 milhão para Gabriel Chalita (o pedido de doação foi revelado pelo Jornal Nacional em maio, na época sem citar o valor);
    Na eleição de 1998, Aécio recebeu R$ 1 milhão ilegalmente; Renan Calheiros de acordo com o delator, recebia uma “mesada” de R$ 300 mil;
    Jucá recebeu, ao todo, R$ 21 milhões em propinas, contou o delator;diz um delator ter pago propina de R$ 1,55 milhão, entre 2008 e 2014, a Henrique Alves;
    O ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão pediu R$ 500 mil por mês.
    -Aécio teria recebido mais de 12 milhões de Furnas, empresa ligada a Petrobras, junto com Aloysio Nunes.
    Segundo o ex-dirigente da subsidiária da Petrobras, os pedidos de doações eram repassados por ele a empreiteiras contratadas pela estatal do petróleo. O PMDB, teria arrecadado R$ 100 milhões, informou o delator.
    Entre os políticos que teriam pedido doações,, estão o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), os senadores Jader Barbalho (PMDB-PA), Romero Jucá (PMDB-RR) e Edison Lobão (PMDB-MA), além do ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP).
    Outros nomes citados foram do deputado Heráclito Fortes (ex-DEM, hoje no PSB-PI), do ex-senador Sérgio Guerra (PSDB-PE) – que morreu em 2014 –, o senador José Agripino Maia (DEM-RN) e o deputado federal Felipe Maia (DEM-RN).
    “Embora a palavra propina não fosse dita, esses políticos sabiam, ao procurarem o depoente, não obteriam dele doação com recursos do próprio, enquanto pessoa física, e sim de empresas que tinham relacionamento contratual com a Transpetro”, contou o delator aos procuradores da República.
    Os mais de 20 políticos mencionados na delação premiada negam terem recebido dinheiro ilegalmente.

    Controle dos recursos
    O presidente em exercício Michel Temer foi citado num episódio sobre a eleição de 2014, quando teria assumido a presidência do PMDB para, segundo o delator, controlar a destinação de recursos doados a políticos do partido para campanhas eleitorais.
    Na época, o executivo disse ter ouvido de vários senadores que o grupo JBS faria uma doação de R$ 40 milhões para abastecer as campanhas de candidatos do PMDB ao Senado. Teriam se beneficiado o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e os senadores Jader Barbalho (PMDB-PA), Romero Jucá (PMDB-RR), Eunício Oliveira (PMDB-CE), Vital do Rêgo (PMDB-PB), Eduardo Braga (PMDB-AM), Edison Lobão (PMDB-MA), Valdir Raupp (PMDB-RO), Roberto Requião (PMDB-PR) e outros que não foram citados na delação.
    A doação, no entanto, exclusiva para o Senado, foi objeto de queixa por parte do PMDB da Câmara junto a Temer, então candidato a vice-presidente na chapa de Dilma Rousseff. “Esse fato fez com que Michel Temer reassumisse a presidência do PMDB visando controlar a destinação dos recursos do partido”, disse Machado.
    TROUXA.

  • Só falta o BNDES!

    Depois de roubar os aposentados, o PT (junto com o PMDB) roubou, também a aposentadoria dos fundos de pensão dos funcionários da Petrobras, BB, CEF e Correios, mais de R$ 10 bi.
    O esquema funcionava quando Lula, Zé Dirceu, Vaccari e Ricardo Berzoini (que quadrilha!) nomeavam a diretoria (bandidos) desses 4 grandes fundos de pensão para aplicar em empresas já conhecidas pela Lava Jato que são : 3 empresas da OAS (o dono é amigo de Lula), JBS (dizem que Lulinha é sócio?), 7 Brasil (já conhecida), Engevix, W Torre, etc.
    Os donos dessas empresas enfiaram o dinheiro não sei aonde e o dinheiro desapareceu dando prejuízo para os funcionários das estatais.
    Dizem que a OAS pegou o dinheiro da Caixa/ FUNCEF para terminar as obras da BANCOOP (Cooperativa do VAccari) que incluía a obra do prédio da cobertura do Lula (ele diz que não é dele?), no Guarujá.
    Logo teremos a delação premiada desses bandidos presos que tinham empregos nestes fundos eles vão entregar os politicos
    Agora falta abrir a caixa preta do BNDES portanto vem mais bomba por ai

  • Abraham Lincoln

    Awnnn… que fofura!!!! Que lindo!!! Eu adoro ver essas pessoinhas lindas que votaram na Dilma (mas insistem em dizer que não votaram no Temer) fazendo protestinho, principalmente essa galera protestando lá de… LONDRES…KKKKK. Cheio de gente que nem sabe o que defende, só vai na ondinha cool da esquerda, afinal, como eu cansei de dizer aqui, é bem mais modinha ser esquerda do que pertencer ao outro grupo, aquele que paga as contas. Próximo ao clube do Ipê, por exemplo, onde a Sabesp mantém uma instalação, picharam no muro os dizeres “Temer Golpista”, acho que foi isso. Existe alguma chance de acreditarmos que o pichador tem noção do ele próprio quis dizer com seu ato que, aliás, é criminoso? Obviamente é um garoto espinhento, que se diz socialista, mas faz postagens no Facebook (fundado na Coreia do Norte), diretamente de seu IPhone 5 (da Apple, aquela fabricante Venezuelana), enquanto ouve alguma famosa banca Cubana. Só vai entender o que é socialismo quando socializarem algum do papai dele. Ah, tenha dó vai… Essa historinha já deu; a Dilma caiu; assumiu um bandido eleito por vocês; amanhã cai outro bandido (aquele que sempre foi o lastro da base dentro da Câmara)… e é isso ai, um bandido de cada vez, até limparmos o cenário político de um modo geral.

  • Nois

    SÓ FALTA O BNDES! és o mesmo otário de sempre, sempre o mesmo assunto, as mesmas ladainhas, as mesmas asneiras, as mesmas burrices.
    Sabe onde os as empresas enfiaram o dinheiro? no seu c……….., por isso eu acho que tu és o CARA que perdeu o uso da razão, alienado, idiota e néscio.
    ÉS O CARA.

  • Thiago

    Pra mim o brasileiro que trocou seu país por um de primeiro mundo, tem que ficar caladinho sobre nossos assuntos internos, que opinem sobre a política britânica. Os ratos que abandonam o barco perdem a moral pra opinar.

    Eles não tem que querer que a Dilma saia ou fique, que o Temer saia ou fique, simplesmente porque escolheram abandonar seu país.

  • Garçom de Lula virou empresario

    Quando o PT, — através da senadora petista Gleisi Hoffman e seu marido ex ministro Paulo Bernardo (foi preso) — roubaram o dinheiro dos servidores federais (contratos de empréstimos consignados), via Ministério do Planejamento.
    O dinheiro foi para pagar o “Garçom de Lula” (R$ 24 mi) e o marqueteiro de Lula, João Santana, (R$ 73 mi). Cortegoso, chamado de Garçom, é um empresário da cidade de Lula, fornecedor de material para a campanha do PT.
    Estão vendo que um simples garçom pode virar um empresário?
    Basta conhecer o Lula. Homem de sorte

  • Nois

    MEU.. que bacana, que legal e estupendo passeatas no Brasil todo e também em alguns países da Europa, sempre com os dizeres FORA TEMER, mais tem boçais da direita golpista que acha ruim,. que não pode e só podia o fora Dilma e Queremos o Impeachment, mas são protestinhos como da Av. Paulista que tinha mais de 90 mil FORA TEMER, isso talvez seja inveja, ódio e eu ahahahah, quem critica, nem sabe como e o que criticar, vai na onda da direita golpista, que só chega ao poder através do golpe. Isso pode? Modinha é a do ignorante, o desprezo, a inveja, a falta do poder, a burrice e o estudo em escola pública, não que o professor não ensinou e deixou a cargo dele escolher, é que é burrice mesmo.
    Votar na Dilma e não no Temer é comum dizer, pois dos quase 55 milhões de votos, uns uns 50 milhões não sabiam que tinha vice e quem era o larápio. É só lembrar da carta de amor que o Temer escreveu para a Presidenta, no começo do ano, antes de começar a dar o golpe, que a presidenta esta deixando ele do lado.
    Larápio qual o problema de pichação FORA TEMER, cansei de ver pichação de ASFALTO PODRE, e acho eu que seria um pichador sem noção se quem escreveu foi o mesmo que colocou esta tolice no Blog. É crime? É, então vá procurar e o entrega a milicia do Alkimin. Contra a Dilma podia. Esta é a direita, com eles tudo pode até ser corrupto, contra eles é crime e é ilegal.
    Amigos blogueiros qual o interesse, ou noticia bombástica se um IPhone 5 vem da Venezuela, de Cuba, da Bolívia, dos EUA ( ele adora)ou da Inglaterra o aparelho é o mesmo e seu efeito também, como não tem argumentos escreve besteira.
    Hoje em diante seu inteligente com o Facebook e o Google qualquer um, até você sabe o que é: socialismo, capitalismo, parlamentarismo, presidencialismo, comunismo etc….não precisa ninguém querer ensinar, a não ser seu pai a você, que não deve ter aprendido direito.
    A historinha nem começou, pois só tiraram o cargo de presidenta da Dilma e não seu poder politico, por isso se prepara em 2018 Lula presidente e Dilma Senadora pelo RGS. Falas que assumiu a presidência um bandido ( TEMER), porque queria o outro que além de bandido é traficante ( AÉCIO ) esse sim da direita capitalista e cheira cheira e se tivermos que limpar um bandido de cada vez, o próximo poderá ser você.
    Não queiras ser o que não pode e não consegue, pois não passa de um alienado e néscio politicamente.

  • FORA TEMER

    É ASSIM QUE A DIREITA GOLPISTA FUNCIONA NÃO É UMA FOFURA.
    Denúncias de que o capitão de inteligência do Exército Willian Pina Botelho tentava se aproximar de manifestantes e movimentos sociais com uma identidade falsa pelo aplicativo de paquera Tinder e pelas redes sociais serão investigadas pelo Exército; no domingo passado (4), quando ele foi preso com 21 jovens pela Polícia Militar em São Paulo antes de um ato contra Temer, sua identidade foi revelada na internet; no Tinder, o agente aparece com o nome Baltasar Nunes, o Balta; a controversa prisão do grupo de manifestantes, considerada ilegal pela Justiça 24 horas depois, foi motivada por uma denúncia anônima; “Com relação aos fatos questionados, as circunstâncias estão sendo apuradas”, informou o Exército.
    O Exército informou que irá apurar as circunstâncias da provável infiltração de um capitão da inteligência em movimentos sociais e grupos de manifestantes de esquerda, revelada nesta semana após a prisão controversa de um grupo de 21 jovens pela Polícia Militar em São Paulo antes de um ato contra Temer no domingo passado.
    O site ‘Ponte Jornalismo’, especializado em direitos humanos, Justiça e segurança pública, divulgou inicialmente a suspeita em relação a um homem que se identificava no aplicativo de paquera Tinder e nas redes sociais como Baltasar Nunes, o Balta, de 37 anos. A identidade dele foi revelada após confirmação de pessoas diferentes: era o capitão de inteligência do Exército Willian Pina Botelho.
    No último domingo 4, quando ele foi preso com os jovens manifestantes, em uma ação considerada ilegal pela Justiça de São Paulo 24 horas depois, quando o grupo foi solto, o agente levantou suspeitas dos manifestantes. Ao Jornal Nacional, um dos manifestantes, que não quis ser identificado, disse que os jovens foram encaminhados para uma delegacia, mas que Balta não foi levado como eles.
    “A gente foi enviado direto para o Deic, e quando a gente entrou no camburão, o Balta não foi junto. E aí, no chat que a gente tinha ali no Whatsapp, ele falou que o estavam mandando para tal DP porque estava com documento falso, que não sei o quê… Meio que morreu o contato. Ele insistiu um pouco na ideia e a gente achou suspeito. Como assim só ele vai para outro DP porque estava com documento falso?”, contou.
    O nome do capitão do Exército não está no Boletim de Ocorrência da prisão, que foi motivada por uma denúncia anônima, como consta no documento. À TV Globo, o Exército informou em nota: “(…) O Centro de Comunicação Social do Exército informa que o Cap William Pina Botelho é oficial do Exército Brasileiro, lotado no Comando Militar do Sudeste. Com relação aos fatos questionados, as circunstâncias estão sendo apuradas”.
    A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo diz que desconhece qualquer ação de inteligência que tenha sido realizada por qualquer outro órgão de segurança.
    “O Comando da Polícia Militar de São Paulo nega a existência de uma operação conjunta na ocasião citada pela reportagem. A PM desconhece qualquer ação de inteligência que tenha sido realizada por outro órgão de segurança. A instituição também não conhece o homem apontado pela reportagem como um suposto oficial das Forças Armadas. O Deic desconhece a existência de um oficial infiltrado e garante que todos os detidos apresentados no departamento foram qualificados no boletim de ocorrência”, informou em nota.
    O que dizem os alienado e os néscio golpistas? FORA TEMER. FORA TEMER. FORA TEMER. FORA TEMER.

  • FORA TEMER

    AOS NÉSCIOS DA DIREITA—-FORMA TEMER.****nesse dia não se viu pichações de Fora Temer, mas somente gritos e não eram protestinhos eram protestam, contra a direita fascista e pessoas sabendo defender seus direitos e não os direitos da direita fascista com a cabeça inchada, pois não é e nunca foi modinha ser esquerda, mas sim é modinha ser da direita que a mais de 20 anos que não sabe o que é o poder, através do voto e que a todo custo, chegar a esse poder através do golpe politico. Pois hoje em dia os brasileiros já sabem diferenciar capitalismo, o totalitarismo, o fascismo, o comunismo de um país totalmente democrático, lutando sempre pela igualdade social, liberdade e fraternidade, tema este da Rev, Francesa.
    E os bandidos já estão fugindo, mas alguns continuam escrevendo sandices no Blog, infelizmente.
    Fora Temer” marca o 7 de setembro em diversas cidades do país.
    Milhares de pessoas em todo o país foram às ruas para rechaçar o golpe contra a democracia neste 7 de Setembro, Dia da Independência. “Fora Temer” e “Nenhum direito a menos” foram as palavras de ordem das manifestações contra o governo usurpador de Michel Temer e por novas eleições, mobilizou pessoas em diversas cidades do país. Com o tema “Este sistema é insuportável: exclui, degrada e mata”, a manifestação protesta contra a desigualdade social, o golpe contra o mandato da presidenta Dilma Rousseff e conclama a população para resistir à retirada de direitos sociais pelo governo usurpador de Michel Temer.
    Em São Paulo, a mobilização começou nas primeiras horas da manhã. Convocados pela Central de Movimentos Populares, os manifestantes se concentraram na Avenida Paulista, com apoio de entidades da Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo, como CTB, CUT, UNE, MST, MTSST, Movimento dos Atingidos por Barragens, entre outras.
    A manifestação seguiu em marcha pela Avenida Brigadeiro Luiz Antônio em direção ao Monumento às Bandeiras, ao lado do Parque do Ibirapuera,. inclusive a Av. Paulista, atingindo mais ou menos 90 mil pessoas em São Paulo.
    Aconteceram manifestações também em Goiás, Minas Gerais, Pará e Rio de Janeiro, além do Distrito Federal. Ao chegar para o desfile da 7 de Setembro, em Brasília, Temer ouviu um sono “Fora Temer” de populares que estavam na arquibancada.
    Na Esplanada dos Ministérios, manifestantes ocuparam quatro das seis faixas durante o desfile. Parte dos manifestantes usou correntes de papel em um ato perto da Biblioteca Nacional, a cerca de três quilômetros de distância do palanque oficial, e empunhou o cartaz “Independência ou golpe?”. A policia previu cerca de 12 mil pessoas e os organizadores 20 mil.
    Em Goiânia, o ato aconteceu na Avenida Tocantins, onde lideranças dos movimentos sociais e políticas discursaram denunciando o golpe e repelindo as medidas do governo Temer.
    Em Belo Horizonte, o ato Fora Temer teve início por volta das 9 horas na Praça Raul Soares. Em seguida, os manifestantes saíram em passeata gritando palavras de ordem contra o golpe.
    Também houve ato em Juiz de Fora. O ato aconteceu entre a Avenida Rio Branco com a Rua Oscar Vidal e os manifestantes saíram em marcha pelas ruas da região central.
    Em Petrópolis, no Rio de Janeiro, manifestantes caminharam pelas ruas do Centro Histórico na Serra do Rio, ao som de “Fora Temer”.
    Em Belém do Pará, manifestantes se concentraram na Praça Santuário, onde realizaram um ato ecumênico. “O Grito esse ano incorpora todas as bandeiras: defesa da democracia, dos direitos e contra o golpe”, disse Alberto Pimentel.
    Adma Monteiro, da Frente Brasil Popular, ressaltou que o foco é a luta pela democracia. “Essa mobilização no Grito, no Brasil todo, será o primeiro ato nacional depois do golpe consumado”, disse. “A nossa pauta é ‘Fora Temer, nenhum direito a menos’. Desde que ele assumiu provisoriamente ele vem retirando direitos, a começar dos ministérios que atendem questões sociais. Pedimos a reforma profunda do sistema político, porque mesmo que a gente consiga ‘diretas já’, a eleição não resolverá o problema: o sistema político brasileiro está sequestrado pelas grandes corporações econômicas. Precisamos de reforma democrática e popular para garantir os direitos de todos”, completou.
    No Recife, Pernambuco, mais de 20 mil se concentraram na Praça do Derby. Os manifestantes saíram em marcha até a Praça da Independência, fechando várias vias da área central da cidade. O percurso incluiu as avenidas Agamenon Magalhães, Governador Carlos de Lima Cavalcanti e Conde da Boa Vista.

  • Nois, vc arrasou parabéns!!! E FORA TEMER GOLPISTA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *