EMPRESAS AMERICANAS RETIRAM APOIO A EVENTO COM BOLSONARO EM NOVA YORK

Depois de ser bem recebido no Chile, Bolsonaro terá uma bela recepção em Nova York. Deu no Brasil 247:

Jair Bolsonaro é persona non grata nos Estados Unidos em razão de suas posições racistas e homofóbicas. Por isso mesmo, duas grandes empresas dos Estados Unidos – a companhia aérea Delta Airlines e a firma de tecnolgia Bain & Company – desistiram de patrocinar o evento “Pessoa do Ano”, prêmio concedido a ele por uma câmara de comércio.

“A Delta Airlines retirou o apoio a uma homenagem a Jair Bolsonaro, marcada para 14 de maio em Nova York. Além da companhia aérea, a consultoria Bain & Company também anunciou que não se envolverá com o evento. A solenidade seria sediada no Museu Americano de História Natural de Nova York, mas o museu desistiu. A premiação de “Pessoa do Ano” para Bolsonaro será promovida pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos”, informa o jornalista Guilherme Amado, na revista Época.

Antes disso, o Museu de História Natural e o restaurante Cipriani se negaram a abrir as portas para Bolsonaro, o que fez com que o evento tenha sido deslocado para o Hotel Marriott, que será alvo de protestos até 14 de maio – data do evento – ou até que cancele a cerimônia.

“Onde Bolsonaro for em NY será assim. Já foi rejeitado no Museu de História Natural, agora terá ativistas todos os dias na porta do Hotel Marriot — haverá um custo para a rede. Se receber Bolsonaro, iniciaremos um rejeição sem fim à rede de hotéis”, comentou a antropóloga e pesquisadora Débora Diniz, no Twitter.

Na última sexta-feira 26, o senador democrata Brad Hoylman, um dos representantes de Nova York no Congresso americano, publicou uma carta para o hotel Marriot em que pede o cancelamento da homenagem a Bolsonaro. 

1 comentário

  • Racista, homofóbico e pessoa do ano? Eu não acredito!

    Os petistas começaram a chamar Bolsonaro de “racista e homofóbico” e alguns acreditaram. Eu não acredito! Pois acho um homem xucro. Um militar! Dizer que Bolsonaro é persona non grata nos Estados Unidos é uma piada! kkkk
    Parece que os americanos querem dar um titulo a ele de “Pessoa do ano”. Eu não acho que ele é e nem precisa desse titulo. Tudo isso é uma mentira. Mas nós precisamos continuar a fazer negócios com os USA por isso é bom que ele tenha um bom relacionamento com Trump. E que puxe o saco dele.
    Certamente se as empresas não dar dinheiro a esse evento. Não me interessa e muito menos aos brasileiros.
    Não é problema nosso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *