GOVERNO DÓRIA CANCELA CONVÊNIO DE R$ 600 MIL PARA REFORMA DO TEATRO DE JALES

O Diário Oficial do Estado (DOE) publicou, neste sábado, a Resolução ST 03, da Secretaria Estadual de Turismo, que cancela cerca de 150 convênios celebrados no exercício de 2018, no âmbito do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos – DADETUR.

No total, os convênios cancelados somam cerca de R$ 750 milhões e foram assinados em dezembro, quando o então governador Márcio França – já em final de mandato – resolveu abrir seu saco de bondades e distribuir verbas para Raimundo e todo mundo.

A má notícia é que um dos convênios cancelados – ou rescindidos – foi assinado com a Prefeitura de Jales, por conta do programa Municípios de Interesse Turístico (MIT), e previa o repasse de R$ 595 mil para reforma e adequação do nosso Teatro Municipal.

Jales não foi a única cidade da região atingida pelo facão do governador João Dória. Fernandópolis também estava na bica, esperando a liberação de R$ 595 mil para revitalização da Praça “Joaquim Antônio Pereira”, mas o convênio com os fernandopolenses foi igualmente rescindido.

11 comentários

  • Sérgio

    Bem feito. Parabéns aos bolsomínions de Jales. Aguardem q vem coisa pior por aí. Principalmente aos pensionistas e aposentados do INSS. Aplausos para eles.

  • Buuuu

    Vixi o vice governador é padrinho político do prefeito Fra e leva uma rasteira desta esperar o que para os outros municípios. Agora os coxinhas vão falar o que???

  • Hugo Garcia

    Boa tarde Cardosinho.
    Nessa semana nosso prefeito fez um vídeo anunciando a revitalização da praça do falecido Jacaré, esse está valendo, foi então “substituído” por esse do Teatro?

  • Membro dos grupos de jales

    Cardosinho tem um pessoal em jales que sabe muito bem de todos os assuntos que se passam na cidade, uma moça que é adm de um grupo e adora palpitar contra o prefeito (pq não teve cargo) e um rapaz que não trabalha, é atoa e diz trabalhar com diamantes…sabem de tdo falam de tdo, eu acredito que seria interessante contratalos para serem comentaristas do se blog…

    pelo menos teriamos o lado (humor) aqui kakakakakakakakakakaka

  • França e o viés politico

    Certamente o cancelamento destas obras, começou quando o ex governador Alckmin saiu do governo para ser candidato e entregou o seu lugar para o vice, Marcio França que também era candidato. Um erro! Talvez Alckmin queria que França ganhasse a eleição.
    França começou a sua campanha, dando dinheiro para os prefeitos fazerem obras para garantir o apoio em sua candidatura. Cerca de 60% das obras é da Baixada Santista, reduto eleitoral do França. Assim, ele estourou o caixa do estado.
    O governador eleito teve de cancelar os contratos assinados alem disso Doria herdou 175 obras paradas do França , que perfazem um total de R$ 10 bilhões.
    Com certeza, essas obras foram canceladas por isso. Porem Dória está certo

  • Eurico

    França e o viés politico tu és uma mente vazia, fora da casinha, alienado, fora do ar, débil mental.

  • França e o viés politico (2)

    Eurico
    Obrigado por você me elogiar. Já estou acostumado!
    É uma pena que você não tem nível intelectual para discutir este assunto

  • Roberto Pereira

    Jales tem muito problemas para serem resolvidos.
    Se fosse para usarem o dinheiro para outros projetos acredito QUE séria LIBERADO pelo governador.

  • Sr Conjuntura

    Tem gente que classifica que o cancelamento é referente ao uso eleitoreiro por frança, mas a verdade, é também que vira uma faca de dois gumes, pois o mesmo pode ser revertido para o fim eleitoreiro de Dória. Afinal, o investimento conveniado, cancelado e novamente cadastrado, vai levar adiante o nome do atual, e não do anterior.

    Quem perde com isso é a cidade, a população, que vira mais uma vez massa de manobra depois nas informações de quem destinou isso ou aquilo. Estamos fracos de políticos!

  • nois

    França e o Viés Politico ( 2 ) mais na realidade o número que ele mais gosta é 24, pois este é o Burro filho da Mula e do Cavalo. Eurico você não deveria elogiar tanto um FDP, louco e psicopata, como este burrinho que ontem aguentou a Mortadela de Lula, sem chorar.
    E preste atenção Eurico a única intelectualidade do França e o Viés Politico é a de pertencer a família dos Reino Animalia
    Filo Chordata
    Classe Mammalia
    Ordem Perissodactyla
    Família Equidae
    Gênero Equus
    Espécie Equus asinus x Equus cabalus .
    Eurico essa é a origem de seu amigo. kkkkkkkkk ahahahahahahah.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *