LULA: “BOLSONARO É CRIA DO MORO E OS DOIS SÃO FILHOS DAS MENTIRAS DA GLOBO”

O Conje começa a utilizar contra o Bozo, o mesmo método utilizado para obter a condenação de Lula, ou seja, o método dos vazamentos seletivos para a Globo. Para conseguir seus intentos, ele não poupou nem mesmo sua afilhada, a deputada Carla Zambeli. Se bem que ela merece.

Mas, vamos à notícia do Brasil 247:

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou que Jair Bolsonaro só chegou à presidência da República após Sérgio Moro condenar o petista sem provas no processo do triplex em Guarujá (SP).

O ex-presidente fez a postagem no Twitter após um confronto de disputa da opinião pública entre Bolsonaro e Moro, após o ex-juiz pedir demissão do ministério da Justiça devido à exoneração de Maurício Valeixo da Diretoria-Geral da Polícia Federal.

“Não pode haver inversão da história. O Bolsonaro é filho do Moro, e não o Moro cria do Bolsonaro. Nessa disputa toda, os dois são bandidos, mas é o Bolsonaro que é a cria e não o contrário. E os dois são filhos das mentiras inventadas pela Globo”, afirmou o ex-presidente no Twitter.

4 comentários

  • Jalesense

    Moro traiu covardemente o Bolsonaro.

  • Réu não dá opinião, réu presta depoimento.

  • Lula, o pai de Bolsonaro e Moro!

    Bolsonaro ganhou eleição falando mal do PT. Devido a Lula, os anti petistas elegeram Bolsonaro. Assim, Moro virou ministro por ter condenado Lula. Agora, Lula ataca Moro e diz que Bolsonaro é ‘cria’ do ex-ministro. O que muda isso? Nada!
    Lula sabe que Bolsonaro, hoje, é um presidente prestes a cair. Basta um empurrãozinho! O PT decidiu que não vai apresentar um pedido de impeachment de Bolsonaro de forma isolada. Em votação, vota vota contra Bolsonaro. Claro! A demissão de Moro e Mandetta, tornaram a reeleição muito difícil do Bolso. Estão “chovendo” varios impeachments de Bolsonaro.
    Já Moro é diferente. Sai um forte candidato a presidente. Assim, Lula elegeu Moro, seu algoz. Seu inimigo a muito tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *